História O Encontro das Seis Estrelas - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Big Bang, Got7, K.A.R.D, Seventeen, Zico
Personagens J.Seph, Jackson, Kim Taehyung (V), Lee Seokmin "DK", Taeyang, Zico
Tags Bigbang, Bts, Got7, Kard, Seventeen, Zico
Visualizações 1
Palavras 1.161
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 12 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção Adolescente, Romance e Novela

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Mais um pra vocês!!!
Espero que gostem 🙂
Vamosss⤵️⤵️

Capítulo 2 - Viagem a Dois...


Cada pessoa saiu para um lugar diferente com um membro e eu fiquei ali com o V.

Eu estava morrendo de vergonha, só eu e ele, ali, naquele quarto de hotel enorme. Socorro! Alguém me belisca.

O V começou a conversar comigo dizendo que eu não precisava ter vergonha ou medo, ele disse que não faria nada se eu não quisesse... Foi um cavalheiro.

V: Você já teve alguma experiência assim? De passar o dia com alguém famoso?

S/N: Nunca. É raro acontecer esse tipo de coisa aqui no Rio. Tive muita sorte de conseguir isso.

V:Imagino. Bom, fique tranquila. Você vai se divertir comigo. Então... Vamos? - o jeito dele sorrir me encanta tanto que me deixa boba - Já que é sua primeira vez fazendo isso, quero que seja a melhor possível - ele segurou minha mão e começamos a andar.

S/N: Aonde vamos?

V:Primeiro quero te mostrar um lugar daqui que eu achei lindo... Olhe - ele me trouxe em uma parte do hotel que está cercada de flores coloridas, estilo jardim. E em uma parte tem dois balanços de madeira... Parecem de desenho - Bonito né?

S/N:Muito. Aqui é bem calmo. Ah, V...

V:Pode me chamar de Tae, é mais íntimo falar Tae

S/N:Ok,Tae... Faz quanto tempo que você pensou em ser cantor? - sentamos no balanço de madeira

V:Eu não sei bem, acho que quando entrei pro ensino médio. Deve ser...

S/N:Ah, e... Uma pergunta, é...Qual é seu álbum favorito e a sua música favorita?

V: Álbum Wings e a música é ... Precisa ser desse álbum?

S/N: Não, pode ser de outro.

V:Acho que a música é Not Today.

S/N:Essa é boa, mas por que essa música?

V:A música é bem agitada e boa para dançar, e também eu tô muito bonito com aquela bandana kkkkk - já disse que o sorriso dele me encanta?

S/N:Você realmente está muito bonito.

V:Você me acha bonito?

S/N:Quem não acha? Você é lindo!

V:Sério? Obrigado. Quando eu fui escolhido, muita gente não achou.

S/N: Não liga pra eles, você é lindo de qualquer jeito... - olhar pra ele é como estar no céu, me sinto tão livre - Aonde vamos agora?

V:Aonde você quer ir? Eu vim ao Brasil poucas vezes, então não sei muito bem os lugares. Tem alguma praia por aqui?

S/N: O que mais tem é praia. Quer ir?

V:Quero sim, mas... Você trouxe roupa?

S/N: Ihh, é mesmo. Ah, então deixa. Fazemos outra coisa.

V:Aqui no hotel vende roupa de banho. Eu te compro uma.

S/N: Não precisa gastar comigo, Tae. Podemos ir eu outros lugares.

V:Um presente não pode ser recusado, vem - pegou minha mão novamente e me levou até o elevador, que era bem espaçoso. Só tinha nos dois lá.

A porta se fecha e meus batimentos aumentam. Em filmes, as pessoas se pegam nos elevadores, mas... Isso é a vida real. Ele não iria me atacar, não aqui.

A porta do elevador se abre e nos dirigimos para a loja do hotel.

Quantas roupas chiques. Nunca que eu teria condições de comprar algo aqui. Fomos para o balcão de atendimento e ele pergunta onde ficam os biquínis. A moça nos leva até o local e nos deixa sozinhos.

V:Pode escolher qualquer um. Vai ser um presente.

S/N:Hmmm... Ah! Esse aqui! -tentei pegar o mais barato possível para ele no não achar que eu estou me aproveitando dele. O biquíni era amarelo com uns babados na parte de cima

V:Não gostei desse, não combina com você. Deixa que eu escolho - ele faz uma cara de pensativo e começa a olhar os biquínis - Esse é melhor... Combina com você - acho que ele está me imaginando de biquíni, mas ok. O biquíni que ele pegou era branco na parte de cima e preto na parte de baixo. A parte de cima era estilo "cropped"(acho que é assim que escreve) e a de baixo era um short.

S/N: Obrigada,Tae. De verdade. É lindo, mas... É meio caro né? - sussurro

V:Bem, será só dessa vez, então tudo bem - sorri

S/N:E você?

V: É mesmo, preciso pegar uma pra mim. Esqueci a minha na Coréia.

S/N:Pode usar uma bermuda, assim você não gasta tanto - será que eu falei besteira? Falei né! Aff...

V:Você está certa. Vamos pagar, aí depois subimos e eu pego minha roupa para nos trocarmos.

S/N:Ok.

Ele pagou e voltamos para o quarto. Cada um foi para um lugar se trocar. Eu fiquei em um quarto e ele foi para o banheiro.

Só de imaginar que eu vou ficar com o Tae na praia, me dá uns negócios kkkk.

Eu ouvi ele sair do banheiro e depois bateu na porta do quarto

V:Está pronta?

S/N:Estou quase... Pronto!

Abro a porta e ele estava com camisa preta com uma bermuda verde (estampa camuflada)

S/N:Você está bonito, Tae .

V:Obrigado, e... - me olha de cima a baixo com uma cara "maliciosa" - você também está linda - eu estava com o biquíni, mas eu estava usando por cima dele um short jeans roxo e uma camisa cinza - Então, qual praia?

S/N:Você quer uma praia que todos te reconheçam ou uma que não tem quase ninguém?

V:Se eu vou ficar com você, eu espero que seja a mais deserta possível. Privacidade é bom, né?

S/N:Sim. Ok, deixa eu pensar em uma aqui... Como nós vamos? Ônibus, Uber, táxi?

V:O motorista pode levar a gente. Serve?

S/N:Super serve. Mas antes eu preciso pensar em uma praia que quase ninguém vai... - faço cara de pensativa e Tae me olha curioso - Ah! Lembrei de uma. A (nome da praia) é muito boa. As vezes que eu fui estavam quase vazias.

V:Então será essa! Vou ligar pro motorista para ele nos esperar lá em baixo. Precisamos levar comida, eu acho...

S/N:Sim. O que você gosta de comer na praia?

V:Eu não vou muito com meus hyungs por conta de ensaios que são muitos, então eu não sei o que comer. Mas para beber eu vou querer um refrigerante que é ... Qual é o nome mesmo? Gua... Guara...

S/N: Guaraná?

V:Isso! Como é?

S/N:Gua-ra-ná.

V: Guaraná. Ah... O que vamos comer?

S/N:Geralmente as pessoas levam sanduíches naturais de frango ou de algum peixe. Poucos levam frutas.

V:Então vamos comer frutas e esses negócios aí que você falou.

S/N:Ok kkk. Acho que o motorista chegou - olho pela janela do quarto e vejo um carro preto estacionado

V: É ele sim. Vamos? Tô animado - eu ainda acho que ele está me imaginando de biquíni, mas ok

Descemos de elevador e chegamos no carro. O Tae parecia bem amigo do motorista, o que me deixou aliviada.

Motorista:Senhorita? - abre a porta do carro para mim e me estende a mão

S/N: Obrigada - entro no carro e ele fecha a porta.

Tae estava no banco de trás comigo. Eu tô morrendo em silêncio!!!!!! A parte da frente do carro do motorista era separada por um vidro fumê, então não dava para saber o que acontecia lá na frente ou aqui atrás.

Fiquei imaginando quantas pessoas já se beijaram aqui e o motorista não ouviu ou viu. Só de pensar já me dá uns trecos. Antes de entrarmos no carro, Tae tinha dito ao motorista para parar em um mercado para comprarmos as coisas.

O motorista da a partida e começamos a andar.


Notas Finais


Acabou meus lindos!!!
Espero que tenham gostado
Querem continuação?
Beijão 😘


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...