1. Spirit Fanfics >
  2. O encontro ( Noah Centineo e Camila Mendes) >
  3. Parte 12

História O encontro ( Noah Centineo e Camila Mendes) - Capítulo 12


Escrita por:


Capítulo 12 - Parte 12


GRACE ON…

Eu juro que estou tentando, mas parece algo impossível de controlar seu olhar me chama, seu toque me faz sentir coisas maravilhosas e eu não sei explicar mas eu não consigo desviar meus olhos do seu rosto, é algo mais forte que eu. Suas mãos vem até meu rosto tirando uma mecha do meu cabelo, sinto meu rosto corar, seus olhos vão até minha boca que provavelmente está pedindo a sua, ele se inclina um pouco para frente e meus olhos se fecham involuntáriamente, meu corpo parece pedir por ele, sinto seus lábios tocarem lentamente sobre os meus me fazendo sentir nas nuvens de novo, ele abre mais um pouco sua boca aprofundando o beijo, seu beijo é calmo e me faz não querer parar, sua mão não sai do meu rosto e ele acaricia de leve me fazendo amar mais ainda seu beijo. 

 Ele para e eu abro os olhos e vejo que ele continua com os olhos fechados, será que ele gostou? ele abre os olhos e me vê olhando pra ele que está com seu rosto perto do meu, ele dá um sorriso lindo 

 Noah : é exatamente assim que eu me lembrava. 

 Grace : exatamente assim o que? - falo e ele ri indo um pouco para tras, mas queria que ele continuasse com seu rosto perto do meu.

Noah : o seu beijo, é exatamente desse jeitinho que eu me lembrava. - isso é bom né?  

  Grace : espero que isso seja bom - falo rindo e ele sorri, escuto o telefone de casa tocar

 Grace : preciso atender, espera aí . - falo por que tenho medo de voltar e ele não estar mais ali .. Saio correndo e vejo que ele levanta também, abro a porta e vou até o telefone de casa

Ligação on

 Grace: alô quem fala?

Andréia: sou eu filha, por que não atende o celular?  

Grace: está carregando e deve estar no silencioso - falo mas ele está no meu quarto. 

Andréia: A ok, a gente só queria saber se você já está em casa, vamos ficar mais um pouco aqui no Brendon ok

Grace: ok mãe 

Andréia:  beijos

Grace: beijos, manda um beijo pra Karla e pro Brendon

Andréia: mando sim - ela fala e eu desligo, me viro pra voltar pra frente de casa e ele está parado na porta

Noah : posso entrar? - ele pode ? isso não é uma boa idéia né? ficar sozinha com ele em casa a noite não é bom, apesar que qualquer horário do dia não seria. 

Grace : pode - não adiantou nada pensar nisso por que minha boca não quer ligar pro o que meu cérebro está pensando.. Ele entra e se senta no sofá e eu vou até ele

Grace : quer beber alguma coisa?   

Noah : não, obrigada - ele fala e eu me sento ao seu lado me sentindo nervosa, ligo a TV com medo de ficar um silêncio constrangedor

Noah : você ficou linda com essa roupa - ele fala me fazendo sorrir e olhar pra tv.

Grace : obrigada - falo mas não olho pra ele mas sinto que ele está me olhando, sinto ele se mexer e olho pra ele que está inclinando seu corpo até o meu

Noah : desculpa mas não aguento ficar te olhando ser te beijar - ele termina de falar e me puxa pra frente me beijando, seu beijo é quente e mais selvagem, levo minhas mãos até seu cabelo e dou um leve puxão fazendo ele dar um gemido abafado pelo beijo e eu dou um sorriso, não sei se eu fiz certo em fazer isso nele por que ele me puxou pra cima do seu corpo me fazendo ficar em seu colo, minha saia levanta mostrando mais minhas coxas, ele não para de me beijar e sinto sua mão descendo pelas minhas costas me fazendo arrepiar, ele para sua mão sobre minha bunda e meu corpo pede por ele, sinto ele apertar minha bunda e eu não consigo controlar o gemido, começo a sentir seu membro ficar duro, isso não vai prestar, eu vou acabar transando com ele, paro o beijo e ele me olha ofegante, não sei o que eu fiz mas seu cabelo está todo bagunçado e ele fica lindo assim, me levanto rapidamente.  

Noah : desculpa Grace, eu não sei o que deu em mim - ele fala se levantando tentando arrumar seu cabelo, seus labios estão vermelhos por causa do beijo intenso, provavelmente o meu tambem está, olho pra baixo e vejo que ele ainda está ereto, ele olha pra baixo também

Noah : aí caramba foi mal eu preciso saber me controlar - ele está tão lindo com esse jeitinho todo envergonhado com esses lábios vermelhos e esse cabelo nossa..

Grace : que se foda - falo o puxando pra mim e o beijando, sinto que peguei ele meio desprevenido mas logo ele entende o que eu quero, ele me puxa me fazendo ficar nas pontas dos pés e ele sorri entre o beijo, ele me puxa pra cima me fazendo ficar no seu colo e entrelaço minhas pernas em seu corpo

Noah : onde é seu quarto? - ele fala ofegante 

Grace : a segunda porta a esquerda do andar de cima - ele começa a andar comigo em seu colo e me dar leves beijos em meu pescoço. 

Grace : vai me derrubar seu doido - falo e ele dá uma gargalhada, ele chega até a porta do quarto, abre a porta e me coloca sobre a cama, tiro meu casaco e ele vem até mim e começa a dar beijos pelo meu pescoço me fazendo arrepiar, não perco tempo em tirar sua camisa e apreciar aquele corpo, passo minhas unhas pelas suas costas e ele dá um sorriso gostoso, ele começa a tirar minha roupa e quando fico só de calcinha e sutiã ele para e fica me olhando

Noah : você é muito gostosa - ele fala e morde os lábios me fazendo querer ele mais ainda

Grace : vem cá - falo o puxando e deixando ele cair sobre o colchão e subo em cima dele, tiro sua calça e vejo seu membro aparecer quando puxo sua boxer, fico olhando por que na minha opinião é um tamanho considerado muito bom

Noah : gostou ? - ele fala me fazendo olhar pra ele e sorrir, vou até sua boca e começa a beijar ele que logo vai até o fecho do meu sutiã e tira jogando pra algum lugar do quarto, ele passa a mão sobre todo meu corpo e dá alguns apertões que me fazem gemer, ele aperta meu corpo sobre o dele me fazendo querer ele dentro de mim logo, ele me vira ficando por cima de novo e tirando minha calcinha, ele dá beijos em minha barriga e começa a desceu me fazendo ficar com mais tesão

Grace : a gente não tem muito tempo pra preliminares, meus pais podem chegar - falo e ele para e sorri.

Noah : você que manda - ele fala pegando uma camisinha na sua carteira e colocando em seu membro, ele abre minhas pernas e se posiciona no meio e me olha por um tempo e eu dou um sorriso tímido e sinto seu membro entrando dentro de mim e nois dois acaba soltando um gemido, ele volta a me beijar, ele dá estocadas de leve me fazendo sentir seus movimentos, ele faz um movimento tão gostoso que não consigo segurar meus gemidos

Noah : esse seu gemido é muito gostoso - ele fala com seus lábios encostados nos meus, ele me olha e continua fazendo movimentos de vai e vem me fazendo dar uma leve mordida em seus lábios, ele começa a estocar um pouco mais rápido e continua me olhando, entrelaço minhas pernas em seu corpo fazendo nossos corpos ficarem mais proximos e começo a fazer movimentos pra ajudar ele a ficar com mais tesão, minhas pernas começam a tremer e sinto que não vou aguentar por muito tempo

Grace : Noah eu vou - não termino de falar e fecho meus olhos sentindo que ele também vai gozar. Aperto suas costas e ele dá um gemido e eu aperto meus lábios pra não gemer alto demais, ele sai de dentro de mim e se deita ao meu lado, me viro e olho pra ele que está com os olhos fechados respirando ofegante, eu fiz isso mesmo? não acredito que fiz isso, Grace você é uma doida. 

Eu nunca senti isso na minha vida, nunca senti essa sensação quando fiz sexo com alguém, quando subi pro quarto com ele eu pensei que seria só sexo mas não foi isso, foi bem mais forte, a gente fez amor, ele foi carinhoso e me olhava nos olhos o tempo todo.

Noah : vou no banheiro tá - ele fala se levantando e pegando sua boxer e indo ao banheiro do quarto, fecho os olhos e fico lembrando de cada toque dele e cada beijo, me levanto e coloco minha calcinha e meu sutiã, sinto ele me abraçando por trás e sai um sorriso involuntário da minha boca, me viro pra ele que agora esta de cueca

Noah : você gostou? - ele fala meio sem jeito me deixando mais boba ainda por ele, saco sou muito fraca.

Grace : eu amei - falo e ele dá um sorriso lindo. 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...