1. Spirit Fanfics >
  2. O espelho. (Park Jimin) >
  3. Capítulo 1

História O espelho. (Park Jimin) - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Mais uma fanfic anjos!
Espero que gostem, Boa Leitura!

Capítulo 1 - Capítulo 1


Sn on.



E lá estava eu em mais um dia totalmente entediante na pequena e pacata cidade de Riverdale.

Como uma adolescente qualquer de18 anos, me encontrava pensando no meu futuro. Será que meus planos para o futuro realmente acontecerão?; Me perguntava curiosa pois, sabia que meus planos poderiam dar errado.

Ainda mais, quando você tem um histórico amargo de sofrimento pessoal em sua infância. Quando pequena, ouvia vozes estranhas e até mesmo, pessoas estranhas. Toda noite, via o mesmo rosto, no mesmo lugar, repetindo as mesmas palavras.

Não sabia o porquê, mas aquele rosto era familiar! É como se já tivesse visto aquela assombração em algum lugar, mas não se lembrava de onde. 

Como era sonâmbula, costumava vagar pela casa, mas sempre acordava no mesmo lugar. Penteando seus cabelos na frente do espelho.

Frases como: Foi tudo sua culpa!, você me matoué a minha alma pela sua, e eu posso parecer o monstro da históriamas a vilã aquié você, acompanhavam seus sonhos seguidos por um garoto em uma sala cheia de espelhos que nunca havia mostrado seu rosto.

Mas agora que cresceu e procurou ajuda, esses sonhos vinham com menos frequência. Se negava ter um passado tão misterioso, e apenas seguiu sua vida normalmente como se nada havia acontecido.

            .            (........)


Como meus pais estavam viajando a trabalho, estava com Min Yoongi. Um garoto que meus pais haviam contratado para ser meio que meu babá, o que eu não vejo precisão.

Esse garoto era realmente te muito estranho. Olhava insaniamente para mim como se quisesse ver minha alma. Eu realmente me assustava, e por isso, sempre deixo algo de emergência tanto no meu quarto, quanto nos outros cômodos para se ele tentar algo, eu possa me defender.

Enquanto penteava meus cabelos na minha velha cômoda, vejo algo parecido com uma sujeira nele. Como tinha um pouco de toque, passo levemente meus dedos para tentar limpar, mas logo desisto quando um líquido percorre pelas minhas mãos. Desesperadamente, tento desgrudar minha mão do espelho, mas é como se algo quissese me puxar então no desespero, com minha mão livre, quebro meu espelho o deixando despedaçado arrancando sangue nas minhas mãos.

Fiquei em choque com o que havia acontecido, mas fico mais apavorada ainda quando uma voz percorre em meu quarto sussurrando como um segredo.



"Pra quê todo esse desesperoA brincadeira ainda nem começou!


Notas Finais


Beijos.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...