História O espírito perdido (BTS Taehyung) - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Visualizações 103
Palavras 658
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Romance e Novela, Sobrenatural, Terror e Horror, Violência
Avisos: Linguagem Imprópria, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 16 - 16


Fanfic / Fanfiction O espírito perdido (BTS Taehyung) - Capítulo 16 - 16

"Você quer mesmo conversa sobre isso?"  Ele abaixa a cabeça mexendo no lençol da cama. 

"A gente precisa conversar sobre isso" Vou até ele pegando em suas mãos as levantando para me sentar junto a ele na cama. 

"Tá bom, por onde você quer começar?" Ele finalmente olha nos meus olhos.

Confesso que Namjoon é atraente, mas não é igual o Taehyung. O Tae me prende de uma forma inacreditável. 

"Você gosta de mim?" Ele nega com a cabeça. "Nossa, que bom, por um momento eu realmente achei que você..."

"Eu te amo" Ele me interrompe. 

"Mas você não amava a Kaily?" Meu coração acelera. Eu nunca imaginei que ele realmente estaria apaixonado por mim. 

"Eu conversei com ela. Ela me entendeu e ainda um outro cara chegou lá, então ela está feliz" Ele se levanta da cama e vai até o guarda-roupa, pegando uma camisa e uma calça.

"Namjoon, olha, você sabe que eu amo o Taehyung e isso não vai mudar" Caminho até ele parando em sua frente. "Desculpa" 

"Eu sei que você ama o Taehyung, mas eu não controlo os meus sentimentos, eu não tenho culpa de te amar, tu acha mesmo que eu queria te amar?" Ele já tinha lágrimas nos olhos. 

"Eu sei que não, Namjoon por favor não chora, não faz tudo ficar pior" Limpo algumas lágrimas que caíam do seu rosto. 

"Eu só quero te esquecer agora, não quero sentir mais nada por você, eu quero acabar de uma vez com tudo isso" Ele vai até a janela e fica olhando para fora. 

Como a casa é alta tem uma ótima vista de tudo que tinha em volta. Era uma casa perto de uma floresta. 

"Namjoon, me desculpa" Caminho até ele.

"Porque está se desculpando se não fez nada de errado. Olha, esquece isso tá, isso só foi um pesadelo horrível" Ele volta a olhar para a janela e cruza os braços. 

"Eu não vou esquecer. Namjoon, eu não quero te ver assim, ainda mais por minha causa" Puxo seu braço o fazendo me olhar. 

Ele olha para todo o meu rosto. Ele me olhava com ternura, com uma certa paixão. Seu olhar não era de maldade.

"Eu vou fazer uma coisa que você não vai gostar, por favor não me odeie e nem pare de falar comigo" 

Ele não deixou eu responder nada, apenas me colocou na parede e ficou olhando para os meus lábios. Tentei sair de todas as formas dos seus braços mas não tive nenhum resultado. 

Ele finalmente selou nossos lábios. Não posso dizer que seu beijo era ruim mas não era o beijo que eu amava, que eu esperei meses para poder sentir. 

Ele não tocou no meu corpo em nenhum momento. Eu não retribui o beijo. Eu tentava parar de todas as formas possíveis. 

Algumas pessoas no meu lugar com toda a certeza aproveitariam a situação para ter um ótimo amante. Mas não era o meu caso.

"Desculpa" Namjoon se afasta de mim voltando a olhar para o guarda roupa.

A única coisa que eu fiz o beijo inteiro foi tentar acabar com ele. Eu não estava sentindo nem raiva o ódio pelo Namjoon. Eu até entendo ele. Mas mesmo assim eu não iria retribuir o beijo.

"Você vai sair?" Ele pega as roupas que já tinha escolhido e vai para o banheiro sem me responder. 

"Sim" Ele responde de dentro do banheiro. "O Taehyung deve estar te esperando, volta para o quarto dele, eu vou ficar bem" 

Eu vou o mais rápido possível para o quarto do Tae. Dou graças a Deus por ele estar dormindo. 

Vou até o mesmo e faço um carinho em seu rosto e tiro seus cabelos de seus olhos. 

"Não quero te perder nunca" Dou um beijo em seus lábios e me deito ao seu lado. 

Ele se vira e me abraça. 

"Eu também não quero te perder, nós não vamos nos perder" Ele fala contra o meu pescoço.




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...