História O estranho caso de Bill Cipher e Dipper Pines - Capítulo 1


Escrita por:

Postado
Categorias Gravity Falls
Visualizações 2
Palavras 918
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo
Avisos: Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Hi!

Venho aqui mostrar para vocês minha Fanfic( reescrita, rs). Espero que todos gostem dela <3

(Aliás, não se preocupem com spoilers. Não terá tantos assim•^•)

Capítulo 1 - Chapter 1: um encontro estranho


Fanfic / Fanfiction O estranho caso de Bill Cipher e Dipper Pines - Capítulo 1 - Chapter 1: um encontro estranho

Era aparentemente um dia comum na a pacata Gravity Falls, em Oregon. Dipper estava lá, sentado em uma pedra no centro de uma floresta. Estava tudo escuro quando Dipper olhou para trás, e novamente viu Bill Cipher. Ele não espera reencontra-lo.

“Acha que pode escapar de mim, fantoche?” Disse Bill, com um tom sádico e uma risada

“não...De novo não!”Dipper tenta se levantar da pedra, ele corre pela floresta mas è alcançado por Bill...

E è nessa hora que Dipper acorda, com um pulo. Ele fita sua irmã, que estaria em cima dele, por um tempo ao perceber que não estava Na cabana do mistério, e sim no chão, no meio da floresta.

“Você ainda è o Bill?” Disse Mabel, fitando Dipper. Ela mantinha um tom sério na fala.

“D-do que esta falando? ” Disse Dipper, surpreso e um tanto assustado com a pergunta.

“Lembra do Bipper? Ele voltou.” Disse Mabel, numa tentativa de resumir a historia

“Não è possivel! Se ele tivesse mesmo voltado, eu teria o visto como fantasma...espera...Bill deve ter voltado, muito mais forte” Disse Dipper, se esforçando para manter um tom neutro.

“E agora?! Nossos tivôs são os únicos que podem dete-lo e eles estão viajando!” Disse Mabel, num tom um tanto histérico, mas Dipper logo a acalma

“Acalme-se, Mabel...o Vencemos uma vez, e podemos vencê lo de novo... Talvez vamos precisar de ajuda” disse Dipper, levando sua mão ao ombro da irmã. Mabel se acalma, suspirando, e Após mais um tempo conversando, Dipper e Mabel retornam a cabana.

À noite, Dipper estava quase dormindo quando mabel o acorda, com um grito.

“DIPPER! DIPPER! Achei alguém que pode nos ajudar!” Gritou Mabel, sacundindo o irmão para acorda-lo

“Como assim, Mabel?! ” disse Dipper, ainda com um pouco de sono

“è que... Meio que eu falei sobre Bipper, Na internet. Mas ninguém acreditou, na verdade mal visualizaram. Maaas eu encontrei um comentario interessante aqui, de alguém chamado Henry...Eu acho...” Mabel fala, mas è interrompida por Dipper, que esboça uma expressão surpresa.

“o que?! Sera que... Ah, Deixa eu ver!” Disse Dipper. Mabel entrega o notebook a Dipper, que imediatamente arregala os olhos, surpreso com o que acabara de ver.

“Não...Acredito! Henry Jekyll esta em gravity falls!”

“Quem è esse?”Disse Mabel, com uma expressão animada, mas confusa.

“Mabel, ele è incrivel. Se tem alguém, alem dos nosso "tivôs", que possa nos ajud---” Dipper fala enquanto escreve algo, mas se interrompeu no meio de sua Frase, ao perceber que Mabel não estava mais ali. “Mabel?!”

Dipper então procurou pela irmã, e, enquanto isso, Mabel caminhava pela floresta. Estava procurando seu porco fujão, Waddles. Ela caminha por ali quando Acidentalmente derruba sua lanterna e acaba a quebrando.

“Ah, Droga!” Lamentou Mabel, tentando juntar as peças da lanterna, porém, estava escuro demais para isso.

Mabel olha em volta. Seus olhos ficaram cansados ​​ por olhar tanto tempo para a escuridão da floresta. Se alguém estivesse por perto, certamente ela teria visto se aproximar, mesmo no escuro. ou seja, ela estava sozinha.

quando ela piscou os olhos, ele percebeu que um jovem estava ao lado de uma arvore, exatamente na frente de Mabel. Ela Gritou, com um susto.

“Agora, sério, senhorita, eu nem estava tentando te assustar.” Disse o Jovem, que só agora, Mabel percebera que era Loiro e possuia olhos verdes. Sentindo-se tola, Mabel tentou recuperar a compostura.

“Ah- ah ... e-eu...Eu... Ah!” Gaguejou Mabel, com as bochechas coradas, mas tentando disfarçar.

O Loiro sorriu, esperando pacientemente que Mabel se acalmasse, porém, o jovem parecia estar quase rindo de Mabel.

“uh... D-desculpe. Sou Mabel Pines, e você?" Disse Mabel, se recompondo e abrindo um largo sorriso.

“Eu? erh... Eu... Sou Edward Hyde” Disse o loiro. Por um momento, Mabel teve a certeza que ele inventou aquele nome, mas decidiu apenas aceitar.

Ele estendeu a mão e Mabel notou que arregaçara as mangas, pois suas vestes pareciam ter o dobro do seu tamanho. O casaco parecia ser de tecido fino, e se ele pudesse pagar, certamente poderia dar ao luxo de levá-la a um alfaiate também, Pensou Mabel.

Mabel apertou a mão de Hyde, e uma sensação de frio correu por seu braço e se estabeleceu em seu peito. Ela tentou deixar isso de lado, mas não conseguiu abafar o repentino desejo de não ficar mais com esse garoto.

"V-você sabe se a cabana do mistério fica muito Longe? A-acho que me perdi... " Disse Mabel, gaguejando Novamente.

"Não faço ideia." disse Hyde, observando a garota 'Dos pés a cabeça '. “mas, Você acredita em uma piramide de chapéu ?”

“Piramide de chapéu?!” Disse Mabel, a impressão de que Hyde realmente não era alguém para ser cruzado era tão forte, que por um momento Mabel se esquecera totalmente de Bill Cipher

“Sim! Você è surda? Ou apenas não acredita em mim? ”Disse Hyde, mantendo a mesma expressão enquanto a olhava.

Mabel Hesitou por um momento, e apos pensar um pouco sobre a tal piramide, a imagem de Bill Cipher vem em sua mente, e Mabel da um pulo.

“B-Bill Cipher falou com você?!” Disse Mabel, com uma mistura de surpresa e medo.

“è, mas não fui com a cara dele. Ele tentou se meter em assuntos meus e do doutor.” Disse Hyde, num tom tão natural que tirou uma risada de Mabel, mas ao ouvir a última frase De Hyde, Mabel volta a um olhar curioso

“Doutor? Que doutor?” Disse Mabel. Por um minuto, ela pensa na possibilidade de Edward ter fugido de algum hospício, mas rapidamente a descarta.


Notas Finais


Então? O que acharam? ( quem leu The Glass a scientists deve entender melhor, rs) enfim, comentem o que acharem, caso queiram! A opinião de vocês vale MUITO para mim <3


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...