1. Spirit Fanfics >
  2. O Exilado >
  3. Chapter - II

História O Exilado - Capítulo 2


Escrita por: Luffy-Zueiro

Notas do Autor


Bom, 2° Capítulo né Pai tá brabo ostentando a criatividade que vai morrer daqui a pouco kakakakaka

Capítulo 2 - Chapter - II


10 Anos Depois...

Se passaram 10 anos desde a saída/fuga de Naruto da sua residência, treinando arduamente por incansáveis dias sem parar com o auxílio de Gojou, mas vale-se por lembrar que o Gojou é uma má influência danada então obviamente o Narutinho se reforçou a não ser levado aos caminhos da perdição que eram os outros "Ensinamentos" do Albino. Já na pacata cidade de Kuoh, na frente da academia uma figura loira com cerca de 1,83m de altura e portando o uniforme do colégio caminhando de forma despreocupada, este era Naruto Uzumaki claro, em aparência além do porte físico melhorado não mudou quase nada e por isso muitos os demônios da academia facilmente o reconheceria, estava ali por instruções de Gojou enquanto se dirigia a sala do diretor bocejando.

 

Naruto — Aquele desgraçado... Eu mato aquele sensei de quita categoria mal trapilho pervertido idiota!! - Praguejou contra seu sensei obviamente o mesmo odiava estudar e acordar cedo, junta as duas coisas deixa ele mais puto ainda iria matar o primeiro que olhasse torto para ele, chegando na sala do diretor o mesmo bateu 3 vezes até escutar um "Entre" vindo de dentro e assim ele fez entrando na sala e se sentando na cadeira e na frente dele estava um senhorzinho de idade que parecia boa pinta.

 

Senhorzinho Boa Pinta — Entendo, me chamo Hiruzen Sarutobi e sou o diretor dessa prestigiada escola por isso eu quero lhe dá minhas boas vindas - disse o senhorzinho, e claro suas frases acompanhadas der um "Entendo" e após a rápida apresentação o senhorzinho boa pinta que logo se mostrou um ótimo diretor indicou a sala do loiro e claro após uma despedida o mais novo se retirou da sala — Então ele retornou... Hum... Entendo! - o mesmo voltou aos seus afazeres.

 

Após isso o mesmo estava no corredor e logo achou sua sala, sala 3-B e repetiu o mesmo dando 3 batidinhas na porta e após a permissão adentrou a sala vendo uma esbelta mulher, a observou de cima a baixo e logo já reparou que invés de estarem prestando atenções os alunos masculinos estavam era a comendo com os olhos e até algumas alunas faziam isso também, a mulher era loira e seu cabelo era dividindo em duas chiquinhas, seu quadril fino que portava uma enorme bunda empinada e com os ensinamentos podres de Gojou pode reparar que a mulher tinha... 105 não, 106 de seios e claro o rosto de porcelana e aquelas opacas caramelizadas encantava qualquer um.

 

Tsunade — Olha, temos um atrasado que peculiar... Deve ser o aluno novo eu sou Tsunade Senju professora de Biologia então pode se apresentar - Disse com sua voz estridente que acordou todos do transe de a comer com os olhos, além de super esbelta era explosiva, e isso o loiro pode perceber e após ficar de frente para turma ele enfim resolveu falar.

 

Naruto — Me Chamo Uzumaki Naruto é um prazer conhecer-los, a partir de hoje serei companheiro de vocês e meus interesses ou sonhos não lhes interessa só isso - Após se apresentar rapidamente o mesmo foi até seu assento e logo se sentou organizando seu material, percebeu muitos olhares, de desejo vindo das garotas e de inveja e ódio vindo dos garotos, o loiro era portador de uma beleza enorme mas o que intrigou foi uma morena sentada ao seu lado, o olhar dela era diferente claro tinha o mesmo princípio que as outras meninas, ela o comia com os molhos mas era diferente... Era como se ela estivesse surpresa e tivesse reconhecido seu nome, ele decidiu ignorar e claro teve que aturar cochichos sobre ele

 

Tsunade — SILÊNCIO! Cambada de adolescente imprestáveis, de volta a aula se não é 0 em todo mundo! - Sua voz estridente ecoou toda a sala e estremeceu os jovens que logo se tremiam de medo dela e voltaram a atenção a aula.

 

     [...]

 

Com o passar das horas as aulas enfim chegaram ao fim e o entardecer chegou, nisso o loiro já estava se arrumando para ir embora e percebendo que estava sozinho começou a andar em direção a casa que seu mestre lhe deu para ficar amparado e com residência, era respectivamente perto do colégio cerca de 20 minutos de caminhada e refletiu sobre seu primeiro dia, foi extremamente chato e tedioso além de que ouviu por ali e por lá que Rias Gremory e Sona Sitri também estavam na escola e ambas até que estavam bem, boas notas e cargos importantes. A Ruiva era a garota mais bonita do colégio e atrás estava Akeno Himejima, a morena que o encarava na aula de biologia e Sona era presidente do conselho estudantil.

 

Chegando em Casa o mesmo foi em direção ao banheiro tomando uma leve ducha morna para relaxar o corpo e com isso foi para cozinha onde preparou o jantar, um clássico Ramén e se sentou na mesa enquanto pegou seu telefone começando a vasculhar a Web em busca do que fazer até que sentiu uma presença mágica.

 

Naruto — Estava bom demais para ser verdade... - Ao olhar de onde vinha a presença teria um círculo branco acizentado de onde se formou uma figura esbelta, sua presença era assustadora e faria qualquer um tremer de medo, tinha seios fartos porém menores do que o de Tsunade, bunda bem empinada e quadril até que bem fina, vestia um uniforme de Maid e seu maior destaque eram seus cabelos platinados — Bom, quem é você e o que deseja senhorita? - disse loiro terminando a janta e soltando um suspiro.

 

Grayfia — Me chamo Grayfia Lucifuge, sou esposa e rainha do Maou Lúcifer Sizerchs-Sama, sua presença foi requisitada no Submundo... Herdeiro do clã Uzumaki, Uzumaki Naruto. - Disse a platinada enquanto fitava o loiro que logo suspirou e encarou a platinada seriamente, não queria voltar lá mas nem fudendo.

 

Naruto — Desculpa incomodar mas sobre qual assunto? Não quero e nem desejo voltar para aquele inferno em pelo menos alguns milênios e eles já tem a Naruko - disse o Loiro enquanto se levantou e se arrumou.

 

Grayfia — Seus Pais, senhor e senhora Uzumaki desejam que o Progenitor da família retorne para assumir as obrigações e claro, o casamento da Senhorita Rias Gremory com o herdeiro da casa Phoenix, Raiser Phoenix - Terminou sua frase ainda encarando o loiro que suspirou pesaroso, teria que voltar aquele inferno e planejava viver em paz por pelo menos alguns milênios.

 

Naruto — Tá Tá que inferno... - se levantou e se juntou a Grayfia e logo o círculo mágico se formou e rapidamente os mesmos estavam na sala do trono dos Uzumaki, e neles estavam 3 figuras, reconheceu todas na hora e soltou um pesaroso suspiro não achou que os veria tão cedo — Pelo visto alguém já caguetou minha volta. - olhou para todos eles ainda receoso

 

Grayfia — Como ordenado, Uzumaki Naruto está devolta estou me retirando - se curvou em educação ainda séria enquanto observava o loiro e o mesmo galanteador sorriu para ela e deu aquela piscadinha antes da mesma ir embora deixando a reunião de família.

 

Naruto — Enfim... Como é - Antes que pudesse completar sua frase sua irmã pulou em seus braços animada e o mesmo a segurou e por pouco não caiu no chão mas a maior supresa foi ela ter tomado seus lábios para um beijo quente e amoroso com suas línguas disputando e claro, não era o primeiro beijo já que como Gojou era uma ótima influência quando o loiro fez 16 anos o albino o levou para ter uns ensinamentos diferentes e após alguns segundos a separação foi inevitável e um filete de saliva se formou ligado entre as duas bocas.

 

Naruko — Bem vindo de volta Onii-Chan - Disse a ruiva e agora Naruto percebeu seu corpo estava muito esbelto talvez até rivalizando com a mãe deles, a cintura era fina dona de uma bunda avantajada e seios bastante enormes, tinham por volta dos seus 99-100 de busto e claro, sua beleza que já era grande na infância ficou ainda mais explícita — Finalmente voltou pros meus braços - afirmou sorridente o beijando novamente, claro que o loiro retribuiu de muito bom grado o beijo até seu pai pigarrear a garganta e logo sua Mãe foi quem o abraçou e só faltou matar o menino Narutinho se não fosse por Minato segurando a esposa e a afastando

 

Kushina — Ei me solta Minato! Meu bebezinho ficou longe de mim por tanto tempo quero o apertar tanto e VOCÊ MULEKE, NUNCA MAIS OUSE PISAR 1 PÉ PARA FORA DESSA CASA!!!! - gritou com sua voz para Naruto que não pode fazer nada além de assentir, Kushina brava era pior do que todas as facções juntas e coitada era a alma penada que despertasse a raiva dela.

 

Após a reunião de família e claro, as inusitadas desculpas de seus pais pelos tratamentos em sua infância porém não os perdoou totalmente e assim se seguiu, o mais hilário foi Naruko flertando a cada 5 segundos com o loiro não o deixando em paz e obviamente após tudo isso o mesmo foi a mando/obrigação de sua mãe a um alfaiate para confecção do terno já que a festa do casamento de Rias estava próxima. O Loiro não soube dos detalhes apenas que por causa da falta de demônios de puro sangue esse casamento arranjado que é totalmente desaprovado por parte de alguns membros Gremory foi feito para ter mais demônios assim.

 

[...]

 

Se passaram alguns dias e enfim o dia da festa chegou. Naruto usava um terno de cor inusitada sendo amarelo e por baixo uma camisa social branca, seu cabelo estava despenteado repousava suas mãos no bolso do terno enquanto encantava as belas moças, o mesmo apenas desfrutava do buffet livre e por isso nem ligava para os convidados, claro não era um selvagem por isso comia com modos enquanto ouvia Raiser se vangloriar sobre seus feitos se achando o invencível, alguns dias antes da volta do loiro houve um Rating Game que resultou na vitória do herdeiro Phoenix e com isso o casamento foi reatado novamente. Naruto podia sentir a infelicidade de Rias mas não ligava nem um pouco para isso

 

Naruto — Que saco, festa entediante do caramba. A única coisa que compensa é o buffet - sussurou o loiro enquanto terminava seu prato e observava Raiser realizar seu discurso enquanto seus olhos se cruzaram com o de Rias, seu antigo amor e agora noiva de outro cara. Naruto já perdeu as contas do quanto se imaginou no lugar de Raiser se casando com a esbelta ruiva porém ainda se lembra das ácidas palavras dela — Bom, o que acontece na vida dela não é da minha conta, Vou ir fazer algo da vida quem sabe dormir ou ir comer Ramén - o loiro se virou e prontamente em meio a pensamentos se afastava do palco indo para saída até ouvir aquelas frases.

 

Raiser — E souberam disso pessoal? O fracasso dos Uzumakis retornou para casa depois de 10 anos sumidos HAHAHAHAHAHAHA vamos lá, cadê o Demônio Fracassado? - após dizer isso Naruto cessou seus movimentos e se virou em direção a Raiser com ódio nos olhos mas sua feição era de alguém calmo. Os mais atentos como Sizerchs, Venelana, seus pais e a própria Rias e vários outros líderes notaram que por um tris Naruto não avançou em Raiser — Ah, aí está você... O grande Demônio Fracassado Uzumaki Naruto! Venha venha afinal você agora é o centro das atenções - exibiu um sorriso de vencedor enquanto o loiro caminhou lentamente até ele.

 

Naruto — Como você disse seu verme? - afirmou com um olhar frio mas em ouro desdém do herdeiro Phoenix mas isso enfureceu o outro loiro que logo fez questão de liberar sua IA(intenção assassina) sobre o salão enquanto fitava seriamente Naruto e ambos já estavam preparados para atacar.

 

Raiser — como disse seu fracasso? Eu vou te botar no seu devido lugar seu merdinha - afirmou convicto quase avançando contra Naruto que diferente do que previam, não estava em pose de combate e sim relaxado com as mãos ainda repousadas no bolso do terno e antes que brigassem ali uma voz interviu sendo essa de Sizerchs Gremory.

 

Sizerchs — Antes que briguem aqui, por que não decidem isso num duelo? Ambos lutam e dão fim nessa respectiva discussão, estão de acordo? - os dois se olharam e logo afirmaram positivamente com a cabeça se afastando um do outro, cochichos foram ouvidos sobre o embate que iria ocorrer.

 

Raiser — Se eu vencer, quero a sua irmã. Ela dá uma ótima putinha como a vadia que ela é! Vou fuder tanto ela que vou a deixar paraplégica - afirmou em desdém e com um sorriso no rosto que enojava todos presentes, Raiser Phoenix era um ser desprezível se não o ser mais desprezível que já existiu na face da Terra, isso logicamente enfureceu Naruto mas este se manteve calmo.

 

Naruto — se eu vencer, quero que você saia do Submundo e nunca mais importune alguém com suas merdas - ditou em alto som para que todos ouvissem e após Sizerchs ouvir isso ambos foram levados a uma arena especial e lá estavam de frentes um ao outro e acima deles uma fenda dimensional de onde era visto pela plateia.

 

Continua...


Notas Finais


Até a próxima pessoal Heheheh


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...