História O Filho da Minha Madrasta - Capítulo 8


Escrita por:


Capítulo 8 - Capítulo 8 - Sem escapatória


Caio

Trouxe a Zoe para a casa.

Desde que ela chegou ela só sabe se meter em encrenca e com certeza tem muito pra ver ainda.

Ajudo ela segurando o seu cabelo enquanto ela vomitava na privada.

-Coloca tudo pra fora baixinha.

Reviro os olhos. Eu ainda não suporto essa pirralha.

Cruzei os braços.

Enquanto ela vomitava mais. Isso me dava ânsia de vômito.

Me encostei na parede e ela lavou o rosto.

- Minha cabeça doi tanto.

-A sério? -Pergunto irônico.

Ela me encara e deita no meu ombro.

-Pirralha melequenta? -Pergunto.

Ela dormiu.

Um dia perfeito pra um momento perfeito. Essa garota vai ver amanhã.

Levo Zoe para a cama e fecho a porta do quarto.

1 Dia Depois

Me levanto da cama. O que eu estou fazendo aqui? Olho ao meu redor, estava tudo girando.

Fico um tempo quieta, e começo a me recordar de tudo que estava acontecendo. Aos poucos.

Droga.

Me levanto e vou lavar o rosto, tomo um remédio que tem no banheiro. E vou para o andar de baixo. Sinto cheiro de ovos.

Caio cozinhando ?

- Bom dia - Falo.

-Mal dia né querida. -Diz ele me olhando bravo e colocando os ovos no meu prato.

-São pra mim?

-Já que eu tenho que ser seu babá, vamos fazer este papel direito. - Diz ele colocando o suco no meu copo.

Me aproximo de Caio.

-Me desculpa Caio.  De verdade. Eu apenas bebi refrigerante e...

-Apenas bebeu refrigerante? Eu já sei que você é sonsa, mas não achei que fosse mentirosa.

Dou um tapa na cabeça dele.

-Olha como fala comigo garoto!

-ai!

Empurro ele e começo a comer.

- Aquele babaca graças a deus não fez nada com você. -Disse o Caio.

-Foi ele quem me deu o refrigerante-Digo comendo.

-Aquele desgraçado deve ter colocado algo naquela merda! Se eu o visse eu juro que eu...

Eu olho para Caio séria.

- Você o quê? -Pergunto.

-Nada- Responde ele começando a comer os próprios ovos.

O silêncio toma conta do lugar. Me levanto da mesa e lavo a minha bagunça. Vou para a sala e me sento no sofá. Pego o controle e começo a assistir algo.

-Estupida- Disse Caio atrás de mim, tomando o controle da minha mão.

-A de novo não! -Grito. Pulo em seu pescoço, pegando o controle da sua mão e vou até o sofá.  Caio me empurra para o chão.  -EU AINDA ESTOU COM DOR DE CABEÇA BABACA!

- EU QUERO ASSISTIR LUCIFER

-BEM A SUA CARA ASSISTIR COISAS ASSIM! - Grito.

Tento fugir mas ele me puxa pela cintura me prendendo em baixo do seu corpo.

- E agora pirralha? Não tem escapatória. 

Eu fico encarando profundamente os seus olhos.

-O que você está fazendo pirra? - Perguntou ele olhando pros meus olhos cor de mel.

Dou um chute no meio das suas calças e tiro novamente o controle de sua mão.

- Babaca.  



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...