História O filho do amigo do meu pai - Capítulo 11


Escrita por:

Postado
Categorias Saint Seiya
Personagens Fudou de Virgem, Kiki de Áries, Mu de Áries, Shaka de Virgem
Visualizações 16
Palavras 642
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Famí­lia, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Insinuação de sexo, Nudez, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oiiiiiii espero que gostem !!
Desculpem pelos erros

Capítulo 11 - Mudanças


Olho pra ele te perdoar ? Agora não mas sei que vou .

Agora vem tenho que falar pro meu pai ele vai gostar de saber que será avô.

Shaka olho pra eles com os olhos marejados sempre sonhei em ser avô ,ver meu filho forma uma família e agora parece tão triste algo que deveria ser alegre.vamos fudôu o meu amigo vai ficar feliz eu também estou parabéns meus filhos espero que vocês tenham sabedoria e juízo pra criar esse bebê!

Miceyas

Vamos sim tio ,vamos cria-lo com carinho mesmo que não estivéssemos juntos ,vem fudôu vamos descer vamos dar a notícia pra nossa família.

Fudôu

Sigo eles com um olhar triste pois sei que hoje mesmo sendo um dia pra comemorar perdi novamente alguém que me amava e dessa vez a culpa foi minha vejo meu pai chamar todos pra sala quando todos estão reunidos olham pra gente com interrogação

Vejo o Kiki nos olhar com curiosidade .escuto miceyas falar

Querida família eu eo fudôu temos a honrra de informar que daqui a alguns meses teremos um Serzinho aqui pra fazer comphias.e me abraça passando a mão sobre minha barriga ainda lisa .

escuto Debas dar um grito de felicidade mas ao mesmo tempo olha pra nós vcs Sá tão. Novos !

Olho pro Kiki que começa a ri parabéns ! O vadio do corno se fosse você pediria um teste afinal vagabundo dorme com qualquer um .

Meus olhos enchem de água porque minha voz falha porque vc tá dizendo isso porque eu não sou vagabundo eu não sou qualquer um ,antes de falar mais alguma coisa escuto um barulho de tapa que foi dado por Mu em seu filho .como vc ousa falar algo assim do fudôu vocês sempre foram tão amigos porque disso meu filho ?

Vejo o Kiki olhar pra ele como você tem coragem de me bater por causa desse vadio .

Cala a sua boca nojenta pra falar dele seu imundo ou te quebro a cara ! Fala o miceyas com raiva

Debas vamos embora meu filho deixa ele se acalmar o fudôu tá branco parece que vai desmaiar.

Kiki

Quer saber pode ficar eu que vou tenho que ir ver minha noiva ,e pai espero que você saiba que jamais vou te perdoar por me bater ! E pra voces dois espero que vocês nunca sejam felizes ,saio de casa e vou direto para casa dos meus amigos.

Miceyas pego as malas do fudôu e me despeço dos outros shaka resolve ir pro hotel onde está hospedado e eu vou pro apartamento com o fudôu .

Chegamos no apartamento e ele olha tudo com atenção vejo uma lágrima correr em seu rosto faço que não vejo pego suas malas e levo pro quarto , suspiro imaginei tão diferente nossa chegada aqui imaginei agente nos amando pela primeira vez no nosso lar entro no banheiro e vou tomar um banho deixo a água cair e com ela me entrego na dor e choro por toda dor que estou sentindo por todas as coisas que perdi . saio do banho e vejo o fudôu sentado na cama olhando fixamente pra parede com os olhos vermelhos ,minha vontade era ir lá e ajudá-lo mas chega de ser assim pego um casaco no guarda roupa e saio vou direto para casa abandonada e encontro os garotos e começo a beber pra esquecer. Já se passa das duas da madrugada eu resolvo ir embora já estou mais que embreagado caio me dá uma carona eu e ele a muito tempo atrás já ficamos e ele e lindo sempre me ajuda abraço ele enfrente de casa e choro ele simplesmente me abraça sem perguntas e nada acaricia meu rosto e beija minha testa e diz que tudo vai dar certo eu só o olho e me pergunto porque eu não

Me apaixonei por ele .



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...