História O fim - Capítulo 7


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Biel Ap, Drama, O Fim, Poesia
Visualizações 2
Palavras 218
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 14 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Poesias
Avisos: Suicídio
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 7 - Início da carta


Com os olhos fechados eu enxergo meu interior, com a mente fechada me faço refém da escuridão, escuridão essa que não significa depressão ou desespero, mas significa que não a luz em minha alma, alma que nem sei se existe. Questione seu ser, seus objetivos devem ser maiores que uma simples estadia nesse mundo, seus sonhos devem ser maiores que as dores que te prendem ao chão, sua felicidade deve estar a cima das opiniões alheias, sabe aquela "maldita" palavra?! O grande inimigo dos jovens?! "Amor"?! Que dói no fundo de sua alma quando se começa, essa dor é para marcar, quando se acaba, é para se apagar.

Dor essa que se é marcada na memória também, você, ele, ela e até eu mesmo posso não ter encontrado meu grande amor, mas com uma possibilidade maior de que ja nos apaixonamos, paixão essa que se tornou a mais importante de nossas vidas, a cada nova paixão nos iludimos pensando que ela é o nosso amor, ou, ao contrário, nos desiludimos como forma de auto-defesa mas magoamos aqueles que se apaixonam por nós, e termino essa minha reflexão com outra.

Prometi "te amar" do começo ao fim da vida, "morreu esse amor" quando descobri que amar não significa ter começo e fim, mas sim começar e perdurar ao infinito.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...