1. Spirit Fanfics >
  2. O Fim De Um Mundo É O Começo De Outro >
  3. A noite mais escura

História O Fim De Um Mundo É O Começo De Outro - Capítulo 2


Escrita por: Fanhistory47

Notas do Autor


Olá a todos hoje trago mais um capitulo deste novo projeto.
Bem eu não sou uma pessoa que escreve longos intros, por isso boa leitura

Capítulo 2 - A noite mais escura


Fanfic / Fanfiction O Fim De Um Mundo É O Começo De Outro - Capítulo 2 - A noite mais escura

A praia continuava com a grande festa e dentro do quarto, Adora e Catra mantinham-se distraídas uma com a outra como se tudo o que houvesse a volta não significasse nada, durante beijos e suspiros, Catra vai se ajoelhando, beijando o pescoço e deixando marcas roxas por toda a pele branca da loira, descendo os beijos, até o abdómen da garote olhos azuis, ela começa a retirar os shorts dela, mostrando um membro bem rígido.

- Olha só já estas assim depois de uns beijinhos. – segurando o membro de sua amada, a garota morena olha diretamente nos seus olhos, enquanto vai lambendo a base do membro e subindo devagar, provocando um arrepio na espinha da mais alta. Logo em seguida abocanha-o com tudo alternando entre movimentos rápidos e lentos, aproveitando todo o sabor daquele membro que tanto desejou por anos e não conseguia dizer nada, mas agora ela não ia recuar iria fazer daquela noite a mais especial delas as duas. (N.A.: Acho que vai ser especial, mas não da maneira que elas querem.)

- C-Catra, se continuares eu… - Adora não conseguiu terminar a sua frase pois, a Catra agora chupava com mais força e vontade, a razão disso é que ela gostou de que o seu nome fosse pronunciado daquela maneira e queria ouvir mais vezes. Enquanto fazia movimentos de cima para baixo aproveitando o tamanho toda do membro da sua garota. Entre suspiros e gemidos, Adora não ia aguentando, então no momento ela sentiu que todo o seu corpo enrijeceu, quando atingiu o seu ápice.

- Catra, isso foi incrível. – foi tudo o que a loira podia dizer no momento. A morena sorriu.

- Mas é claro eu sou incrível. – Disse cheia de deboche.

Num movimento rápido, adora deita a garota, na cama e se posicionou por cima dela, ambas olharam um apara outra, sentimentos podiam se ver, em ambos os olhos, elas sabiam o que queriam, não eram necessárias palavras para descrever o que elas sentiam uma pela outra.

- Catra eu te a… - nesse momento elas ouviram um grito vindo da praia, Adora não espera um segundo e vai ver o que se estava a passar, Catra aborrecida, por não ter ouvido o resto da frase, também se levantou e foi ver o que ela estaria a ver, mas no  momento em que ela pois a cabeça de fora, ela só viu aquilo que ambas podiam dizer que era o próprio inferno tinha vindo para eles. Criaturas misteriosas, iam arrancando membros e devorando-os, as pessoas corriam, gritavam empurravam uns aos outros para terem uma chance de sobreviverem, Adora e Catra virem Bow e Glimmer a correrem para a casa, sem perder tempo Catra pegou nos lençóis do quarto e os amarrou e atirou da varanda para os noivos puderem subir, já Adora  correu para fora do quarto indo trancar todas as portas e janelas que conseguia encontrar, algumas das criaturas, tentaram entrar, mas adora pegou numa cadeira e atirou contra esses seres, o que criou um oportunidade de fechar a fenda por onde eles tentavam entrar, depois de ter pegado uma frigideira, ela retornou para o quarto, lá ela encontrou a Catra, a Glimmer chorando, o Bow abraçando-a com força, o Hawk com a Mermista, a Scorpia, a Perfuma e a Frosta. Todos estavam muito tristes então Adore se aproxima de Catra questionando-a.

- Catra, o que raio aconteceu? – Apesar da loira ter feito uma pergunta ela tinha mais cinco questões para tentar entender o que se passava, num momento está a ter a melhor noite da sua vida, no segundo seguinte o mundo se tornou um filme de terror, a morena olhou para ela, e respondeu.

- Os pais da Glimmer, se sacrificaram para que ela e o resto pudesse sobreviver agora eles foram devorados por aquelas criaturas lá fora, a pior parte é que ela viu tudo acontecer.

- Ohhhh. – a loira se levantou e foi ter com a sua amiga. A rosada levantou um pouco a cabeça, e viu-a, depois disso ela tinha mais um par de braços a agarrando, ela acabou de perder os seus pais, mas mesmo assim ela por um momento sentiu que havia mais duas pessoas que queriam o seu bem.

Nesse momento todos ouviram a porta a ser destruída, a Adora pegou na frigideira que tinha trazido e se preparou para tudo, ela viu Hawk e Bow se levantarem e ficaram ao seu lado, a Catra e Scorpia, ficaram ao lado da porta, elas ouviam passos a ver até elas, todos estavam em silencio, foi ai que ouviram uns cliques, cada vez mais  altos, então esses mesmo cliques param e no lado da Catra uma mão apareceu, e ela rapidamente se desvia para baixo, quando a criatura entra no quarto, nesse mesmo momento Adora salta para cima dela, e acerta com a frigideira, na cabeça fazendo com que ele caísse para o lado, mas o som do acerto foi ouvido pelas outras criaturas que estavam dentro de casa e todos elas foram para onde o som veio, sem esperar um segundo todos saíram daquele quarto e pegaram em tudo o que tinham na mão, exceto a Glimmer que ainda estava em choque por causa dos pais, eles foram contra os monstro e acertaram com tudo neles, naquele corredor, só ouve caos, os zumbis ela o dobro deles, e alguns deles saltaram por cima dos outro, um desses ia contra a Mermista, mas Hawk agarrou-o e atirou de volta contra os outros, e Mermista que tinha pero um banco acertou com tudo nos dois esmagando as suas cabeças, Bow estava no outro lado atirando tudo o que encontrava para ver se acertava alguma coisa e apesar de tudo acertar, nenhum fazia efeito neles, então ele foi contra eles desviando para o lado e impulsionando com os pés na parede ele empurra as duas criaturas para o andar de baixo que morreram por causa da queda. Scorpia fez o mesmo que o moreno, mas em vez de usar a parede ela usou o seu corpo avantaja para os agarrar e atirar para o chão, Catra e Adora trabalhavam em equipa para afastar os últimos, e enquanto uma atraia os a outra os finalizava, depois do ultimo zumbi ter morrido, todos eles estavam cansado eles, voltaram a entrar no quarto que tinham saído, Adora e Scorpia pegaram no corpo de zumbi usando o cobertor da cama elas o atiraram para a praia onde, os zumbis vagavam sem sentido, todos estavam exaustos, e acabaram por adormecer mesmo ali.

A Catra no últimos momentos antes de adormecer ela olhou para a janela e naquela noite até a lua desapareceu.

- Na manhã seguinte-

Todos tinham acordado, mas o primeiro a se levantar foi o Hawk que vigia a partir da varanda da casa a situação da praia e o ressoltado não era o melhor.

- Então Hawk como estamos ainda cercados? – questionou Bow.

- Não, mas acho que esse é o menor dos nossos problemas. – disse, todos olharam para ele sem entender o que ele disse, Bow decidisse questioná-lo.

- Bem é que não à corpos!

- O QUÊ!!!!!!! – todos correram para a varanda e viram a praia estava vazia, o que aconteceram aos que morreram naquela noite, onde foram todos os monstros.

Mermista decide então ligar a TV do quarto e ver se conseguiam ter alguma notícia.

“ Sejam bem vindos ao canal da manhã com as ultimas noticias, o meu nome é Double Trouble, ontem durante a noite, ouve um ataque do que as pessoas começaram a chamar de o Apocalipse, e neste momento acredito neles, estou aqui perto da ponte, onde o exercito tenta conter os zumbis, mas estão a ter falhas, muitos dos homens estão morrendo, sendo devorados pelas criaturas, mas o que é isso os soldados estavam a se levantar, tenham cuidado.” Fim da transmissão.

Ninguém ousou dizer uma palavra, eles não sabiam o que estava a acontecer, mas sabiam que agora era matar ou morrer, a única que parecia calma era a Catra, ela saiu do quarto, e foi procurar, uma sala especifica, por ser amiga de infância da Adora sabia que o pai da Glimmer gostava muito de armas, apesar de ser contra o uso delas, ela ia descendo as escadas, sendo seguida pelos outros, foi até o cofre, onde olhou para a Glimmer, ela entendeu e abriu o cofre, rapidamente, pegou na chave aproximou-se do quadro, da família Moon, o quadro subiu mostrando armamento pesado, ai todos entenderam que agora, tinham de sobreviver, com tudo, as regras da sociedade tinham ido à vida, e eles iam descobrir o que trouxe estas criaturas aqui, ou mataram todos o que entraram no seu caminho.  


Notas Finais


Espero que tenham gostado, vou especificar aqui uma coisa, os próximo capitulo será com o outro lado da cidade, com a serie the owl house, mas a partir daí quero que me digam em quem querem que o capitulo se foque.
Bem acho que é tudo, até ao proximo capitulo e tenham um bom dia.


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...