História O fruto de um erro ou obra de um destino? namjin - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink
Personagens Jennie, Jeon Jeongguk (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé
Visualizações 25
Palavras 1.170
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Famí­lia, Ficção Adolescente, Fluffy, Lemon, LGBT, Romance e Novela, Shonen-Ai, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Gravidez Masculina (MPreg), Homossexualidade, Insinuação de sexo, Intersexualidade (G!P), Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


olaa meninas e meninos para hj e isso

Capítulo 3 - Capitulo 2


P.O.V. JIN

 

Já se faz uma semana desde aquele dia no hospital e eu continuo pensando naquele cara ele era realmente perfeito, aqueles olhos, aquele sorriso, aquelas covinhas, aquele cabelo, aquelas covinhas, os ombros largos, aquelas covinhas, aquela altura, aquelas covinhas, eu já falei das covinhas? Porque elas eram realmente encantadoras quase tanto quanto sua altura ele deveria ter o que? 1 metro e 80? Algo assim talvez? Tento sair dos meus devaneios indo assistir televisão, ligo em um canal onde esta passando um filme sobre dinossauros vai entender assisto o começo, mas logo fico no tédio e resolvo ir fazer pipoca, volto com um balde cheio e mudo de canal encontro um dorama sobre um alfa podre de rico e um Omega podre de pobreza nada fora de comum só outro clichê eles se encontram por acaso eles se apaixonam o alfa faz merda eles brigam o Omega descobre estar grávido eles voltam o alfa enche ele de coisas inúteis e ambos vivem felizes, Kim seokjin prometa que nunca cobiçara esses clichês ridículos, eu prometo, amem, gloria a deus, segue o baile, sou retirado da minha imaginação pela voz do tae soando pela sala.

-Eu realmente não entendo doramas cara são tão clichês, esses ômegas vestidos de mulheres, se maquiando para parecerem mais bonitos e femininos, e agindo como menininhas indefesas, qual e? Não e porque somos ômegas que devemos ser substitutos para mulheres eles deveriam ter mais orgulho de si mesmos, jin prometa pro seu hyung que jamais fará esse tipo de coisa ok?-

-qual e eu já sou uma beldade em forma de humano não preciso de nada disso ainda quer que eu prometa?- ele me olha com deboche e afirma com a cabeça.

-ok, ok, prometo que se algum alfa um dia me pedir pra usar roupas femininas, maquiagem ou agir de modo mais feminino irei chutar o saco dele e logo em seguida arrancar – lhe um dente, satisfeito?- ele fica em silencio com uma cara fechada, mas logo vejo um sorriso brotar na cara dele.

- fechado- ele me olha e começamos a rir um da cara do outro, quando de repente sinto a necessidade de sair correndo para a privada mais próxima o mais rápido possível e assim eu faço saio do sofá e vou correndo e direção ao banheiro e boto tudo pra fora, fiquei ali botando tudo pra fora durante uns 20 minutos, acho que vomitei ate a comida da semana passada de tanto que botei pra fora, tae veio atrás de mim e me perguntou se eu estava bem, fiz à egípcia e disse que sim nem fodendo volto no medico, odeio aquele lugar, sempre que entro La tenho a sensação de que posso não sair vivo, sento no chão e depois de passar um tempo sentado já me sinto melhor, provavelmente deve ter sido a pipoca será que ela estava estragada?

 

----------QUEBRA DE TEMPO----------

 

Já faz uma semana que os enjoos têm continuaram e sinto que estão ficando pior, eu não consigo comer absolutamente nada sem ter que botar tudo pra fora dentro de poucos minutos depois de ingeri-los.

-ok já chega você vai ao medico agora, levanta e vamos- ouvi a vovó lisa dizer e todos sentados à mesa me olharem.

-o que? Claro que não, por quê?- respondo com o coração na mão, será que devo correr pro meu quarto tranca-lo, sair pela janela e fugir pela janela?.

- não faz a egípcia pra cima de mim não moçinho, acha que não percebi? Já faz uma semana toda vez que você come sai disfarçadamente da mesa e corre pro banheiro pra vomitar? Eu já notei, e não sou boba garoto – eu já estava vagarosamente me levantando para fugir, mas tae percebeu e me agarrou.

- não ouse fugir tão descaradamente – ela diz com um tom de voz levemente irritada

-que tipo de irmão e você?- olho pro tae que ainda me segura pra que eu não fuja

- o tipo que se preocupa, e que quer seu bem- droga de bom irmão

- tae bota ele no carro – fico desesperado e tento sair dos braços do meu irmão mas ao que parece ate meu omma esta contra mim porque ele me aplicou o golpe fatal pressionando um ponto em meu pescoço e me fazendo desmaiar.

 

----------QUEBRA DE TEMPO----------

 

Eu acordo e dou de cara com todos me olhando.

-jiiiiiiiiinnnnnnnnn- fodeu ela ta puta e ta me encarando como se quisesse me matar... O que merda ta acontecendo afinal?

-voceeeee como ousa?- ela vem em minha direção olho pra traz pra ver se tem alguém atrás de mim, mas não tinha.

-eu? Ta falando comigo vovó?-

-não ouse me chamar de vovó, seu, seu, seu cretino, como pode fazer isso comigo?- fodeu a velha ta ficando loca.

- ta falando de que vovó?- ela me da um tapa na cara, e eu a olho indignado enquanto levo minha mão ate meu rosto onde o tapa acertou, meu hyung e meu omma fizeram cara de chocados.

-MAS QUE MERDA VOCE TA FAZENDO? PORQUE ME BATEU?-

-NÃO FINJA QUE NÃO SABE VOCE MENTIU PRA NOS-

-menti? Do que você esta falando? Eu não fiz nada, eu sou inocente-.

-NÃO MINTA PRA MIM, DIGA O NOME DELE-.

-nome dele? Nome de quem?-

-não guarde segredos de mim você sabe que mais sedo ou mais tarde eu descubro, diga o nome do pai desta criança, o filho da puta que junto com seu descuido estragou sua vida-.

-pai desta criança do que você ta falando?-

-TO FALANDO DE VOCE, VOCE ESTA GRAVIDO, QUEM E O PAI? DIGA-

-PERA TO OQUE?-

-grávido, você esta grávido meu filho, por favor, diga o nome do pai da criança, porque escondeu da gente? Sabe que não precisava esconder nada de nos, estou decepcionado filho, achei que me contaria quando estivesse apaixonado, ou quando fosse ter sexo pela primeira vez- omma disse em voz de decepção e seu olhar de magoa era profundo.

-mas que merda ta acontecendo aqui? Filho? Grávido? Eu? Como assim? Eu nunca namorei, nunca transei, omma, vovó, eu nunca nem beijei como posso estar grávido? Vocês estão brincando comigo não e mesmo? Se for isso pare porque não tem graça- digo quase chorando

-você... Você esta falando serio? Jin, como pode explicar isso? Você esta grávido faz 1 semana – foi a vez do hyung ele me olha como se estivesse com esperança de tudo ser verdade e isso apenas ser brincadeira, aceno com a cabeça confirmando.

- se o que você diz e verdade então como explica essa criança na sua barriga? Fizemos o exame 3 vezes e nas 3 deu positivo jin- omma me entrega os exames- isso não e brincadeira você esta grávido- vovó fala já mais calma e com cara seria, começo a chorar de desespero eu não sei o que ta acontecendo por que esses exames estão dando positivo? Eu realmente estou grávido? O que e faço? O que vai acontecer? Ao me ver meu desespero todos vem me abraçar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...