História O garoto da casa ao lado - Capítulo 18


Escrita por:

Postado
Categorias Got7
Personagens Mark
Tags Romance
Visualizações 68
Palavras 320
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Drama (Tragédia), Famí­lia, Literatura Feminina, Luta, Mistério, Romance e Novela, Suspense, Violência
Avisos: Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 18 - Abuso


Fanfic / Fanfiction O garoto da casa ao lado - Capítulo 18 - Abuso

Depois que convesei Com Dong-sun vim para minha casa

Não acreditava que ele estava com outra garota, mas mesmo que tivesse eu nao deveria me importa pois agente era apenas amigos

Enquanto isso:


Ligação on:

Sun hee: oi dong-sun, queria saber como estão as coisas

Dong-sun: estão indo bem, s/n já está gostando de mim

Sun hee: fassa ela gostar cada vez mais, até ela esquecer mark de uma vez por todas 

Dong-sun: tudo bem, nosso plano está indo muito bem

Ligação off:


(...)

Depois que cheguei em casa deitei no meu sofá, tive um dia tão cansativo que mal podia esperar para cair no sono

Mas esculto a campainha tocar e logo vou abrir

S/n: Dong-sun oque faz aqui?

Dong-sun: eu vim te ver 

S/n: entao entra

Ele entra e fica me esperando fechar a porta

S/n: quer comer alguma coisa?

Dong-sun: não, eu estou bem, só preciso falar com você mesmo

S/n: pode dizer

Dong-sun: e que eu gosto de você s/n, e queria te pedir em namoro

S/n: Dong-sun, eu nao sei oque dizer

Dong-sun: só preciso que você aceite

S/n: não sei se posso aceitar, eu gosto muito de outra pessoa

Dong-sun: eu nao acredito que você está falando daquele cara

S/n: sim, ele mesmo

Dong-sun: mais você vai aceitar meu pedido

S/n: mais eu não quero

Dong-sun: então terei que fazer outra coisa

Vejo Dong-sun descer suas mãos até o zíper de sua calça 

Eu ja sabia oque iria acontecer, mas eu nao queria ser forçada a nada 

S/n: oque está fazendo?

Dong-sun: só aproveita 

S/n: não se aproxime de min

Falo me distanciando do mesmo, mas ele não parava de chegar mais próximo de min

S/n: socorroo

Grito implorando por ajuda, mas parece que ninguém escutava meus gritos

Decidir que tinha que sair dali de qual quer jeito 

Subo correndo paro meu quarto, logo trancando a porta 

Vejo minhas janelas abertas e resolvo sair pela varanda

Dong-sun não parava de bater na porta, ele estava praticamente desesperado.

Desço pela escada da varanda e vou em direção a casa de mark. Essa era minha única opção naquela hora 



 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...