1. Spirit Fanfics >
  2. O Garoto da Floricultura (Imagine Kim Taehyung) >
  3. Serei sua esperança.

História O Garoto da Floricultura (Imagine Kim Taehyung) - Capítulo 29


Escrita por:


Notas do Autor


EU VOLTEI PRA VOCÊS!💗
AMORES DA MINHA VIDA!💗
BOA LEITURA E NOS VEMOS NAS NOTAS FINAIS!💗
AMO VOCÊS!💗

Capítulo 29 - Serei sua esperança.


Fanfic / Fanfiction O Garoto da Floricultura (Imagine Kim Taehyung) - Capítulo 29 - Serei sua esperança.

P.O.V KIM TAEHYUNG

A felicidade que transmitia através de meu olhar era algo incrível. Só de ouvir seu nome, uma felicidade imensa percorria todo o meu corpo.

Tae: Já está na hora de ir buscá-la. --- sorri.

Percorri o trajeto até o trabalho de (S/N), estava atrasado uns 10 minutos, e quando cheguei o vigia avisou que (S/N) havia saido mais cedo hoje, e abatida. Me senti estranho e desconfortável no mesmo instante. Agradeci o mesmo e depois entrei no carro.

Tae: Porque me sinto estranho? --- me questionei. Talvez poderia ser coisa de minha cabeça. Liguei para seu celular inúmeras vezes e em nenhum momento o mesmo foi atendido. --- O que está acontecendo meu amor?

Resolvi ir até sua casa, pois meu coração já estava as loucas de preocupação. Em poucos minutos consegui chegar ao local. Saí do carro as pressas e apertei a campainha.

Tudo o que eu pedia era que (S/N) estivesse bem, e que isso não passasse de um susto. A demora se tornava constante em abrir a porta. Girei o trinco da porta e a mesma estava aberta.

Tae: (S/N)? Minha nossa o que aconteceu aqui? --- indaguei ao abrir a porta, já me deparando com uma bagunça na sala.

Meu coração se descontrolou ao ver (S/N) naquele chão.

Tae: (S/N)? O que aconteceu com você? Acorda.

A mesma estava um pouco machucada por conta dos vidros pelo chão. Peguei-a em meu colo e a coloquei deitada sobre o sofá. Imediatamente liguei para que Hoseok viesse atendê-la, e agradeci pelo mesmo está com tempo livre.

Tae: Calma, vai ficar tudo bem. --- segurei seu rosto. Peguei um pano úmido e passei pelo seu rosto, na forma de tentar limpá-lo.

P.O.V (S/N)


Ao abrir meus olhos, me deparei com Taehyung ao meu lado com sua afeição preocupada. Tudo o que eu menos queria era vê-lo triste ou preocupado.

(S/N): Tae?

Tae: Oi meu anjo, eu tô aqui, fica calma, vai ficar tudo bem.

(S/N): Tae. --- indaguei com a voz embargada. --- Eu tô esgotada.

Tae: Xi. Você é forte, a minha princesa, fica calma. --- Tae me entregou um copo com água.

Tomei um gole e tentei respirar.

(S/N): Tae, desculpa não ser forte o suficiente, eu me descontrolei. Eu não sei o que fazer, minha família tá destruída, appa e omma... estão mortos.

Tae se assustou ao ouvir aquilo saindo da boca de sua amada, estava sem entender e o desespero da garota era imenso.

Tae: Vem cá. --- abraçou a mesma, tentando acalmá-la.

Escutei a campainha sendo tocada, logo em seguida Hoseok entrava pela casa meio atordoado com a bagunça.

Hoseok: O que aconteceu por aqui? --- observou-me em seguida. --- (S/N)? Quem fez isso? Tae? --- indagou assustado.

Tae: Calma, só é complicado. Por favor, ver se ela não tá machucada.

Hoseok: Tudo bem, só tenha calma, você tá branco. Por favor não desmaia. --- Tae acenou com a cabeça.

Tae: Vou pegar algumas roupas suas e você irá comigo pra casa.

Hoseok: Boa idéia, ela não pode ficar sozinha nesse estado.

Hoseok examinou-me dos pés a cabeça, e apenas um machucado no braço levou pontos. O mesmo recomendou-me um remédio para que eu pudesse tomar e descansar bem durante a noite, e estava precisando mais do que nunca, dormir e esquecer meus problemas.

Hoseok: (S/N), eu sei que a vida não são flores todo o tempo. Nesse momento você precisa ser forte, e sabe que tem o Tae ao seu lado, ele é muito importante pra você, e eu nem sei o que você tá passando, mas só de ver você nesse estado, eu me preocupo e isso não parece nada bom. Tenha ESPERANÇA de que tudo vai se resolver, corra atrás e descubra tudo o que você estiver procurando. --- sorriu para a mesma.

(S/N): Obrigada pelas palavras Hoseok. --- abraçou o mesmo.

Hoseok: Você e o Tae são importantes para mim. Por favor, me prometam que vão fiquer bem, e qualquer coisa liguem para mim.

Tae: Nós iremos ficar bem meu amigo, e você também fique bem. --- sorriram.

Mais algumas observações Hoseok fez nos machucados de (S/N), e a liberou em seguida.

Por mais que eu quisesse chorar ali naquele momento, segurei todas as minhas lágrimas, eu precisava ser forte. Mas nem todas às vezes é possível segurar às lágrimas. Nem toda princesa é forte o suficiente. Mas, eu precisava ser.

Taehyung me levou para sua casa, e ali cuidou de mim como nunca.

Tomei um banho, vesti uma camisa sua e uma calça minha, já que sentia frio naquela noite. Tae fez uma sopa para mim, comi tudo, porque sei que precisava de forças, mesmo estando fraca.

(S/N): Estava deliciosa. --- sorri fraco.

Tae: Amo te ver sorrindo. --- o mesmo beijou-me. --- Agora, vem, vou passar o remédio nas suas feridas.

(S/N): Você pode passar, onde mais dói? Eu não quero mais sofrer. --- baixei meu rosto.

Tae: Ei, meu amor, vai passar, eu juro. --- abraçou-me. --- É só um momento. Ainda há esperança.

(S/N): Não! Não há. --- fungou.

Tae: Pois eu serei sua esperança.

Um sorriso fraco escapou de meus lábios. Mesmo sendo difícil, Tae estava comigo, bem ao meu lado.

(S/N): Dorme comigo. --- pedi e o mesmo aceitou.

Tae logo deitou comigo, me abraçou e começou a cantar para me acalmar.

"Um barulho de algo se quebrando

Eu acordo do meu sono

Um som desconhecido

Tento tampar os ouvidos, mas não consigo ir dormir

A dor em minha garganta piora

Tento protegê-la

Não tenho voz

Hoje, ouço aquele barulho novamente"


Chorei por breves instantes, e percebi que Taehyung começava a chorar fraco enquanto cantava.

(S/N): Vai ficar tudo bem meu amor. --- apertei o mesmo entre meus braços e Tae fez o mesmo, assim, continuando a cantar.

"O barulho continua soando

Outra rachadura neste lago congelado

Eu me atirei no lago

Enterrei minha voz por você

Sobre o lago de inverno que fui jogado

Uma camada grossa de gelo se formou

No breve sonho que tive

Minha agonizante dor fantasma permanece a mesma

Eu me perdi

Ou ganhei você?

Eu corro repentinamente até o lago

Meu rosto está lá

Por favor, não diga nada

Estendo minha mão para cobrir a boca

Mas no final, a primavera chegará

O gelo derreterá e sumirá

Diga-me se minha voz não é real

Se eu não deveria ter me atirado

Diga-me até mesmo se essa dor não é real

O que eu deveria ter feito, então?"





(...)


Notas Finais


OOOOOIIIII AMORES DA MINHA VIDAAA😍
EU FICO TÃO FELIZ QUANDO ATUALIZO PRA VOCÊS, SÓ TRISTE COMIGO MESMO QUANDO EU DEMORO.
BOM, QUERO PERGUNTAR ALGO A VOCÊS, AI VOCÊS PODEM ME RESPONDER NOS COMENTÁRIOS.
TAVA PENSANDO EM FAZER UM GRUPINHO COM A GENTE, PRA QUE EU PUDESSE CONHECER VOCÊS E ME SENTIR PERTINHO DE VOCÊS MESMO QUE SEJA POUCAS PESSOAS, AI SE VOCÊS QUISEREM, NO PRÓXIMO CAPÍTULO OU ATÉ MESMO NOS COMENTÁRIOS EU POSTO O LINK DO GRUPO DO WHATSAPP. IAE, TOPAM?

AH, O QUE ACHARAM DO CAPÍTULO? SAD NE?
TA VINDO DESCOBERTAS POR AÍ. OPS. HEHE 👀

Levando que a música que o Tae canta é Singularity!💗😍

Quero agradecer a vocês por sempre me entenderem e me apoiarem, e principalmente por continuarem aqui comigo. Vocês não imaginam o quanto sou grata por ter vocês em minha vida. Amo vocês. 🥺❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...