1. Spirit Fanfics >
  2. O garoto da janela ao lado >
  3. Queimada

História O garoto da janela ao lado - Capítulo 14


Escrita por: panqueca2956

Capítulo 14 - Queimada


Fanfic / Fanfiction O garoto da janela ao lado - Capítulo 14 - Queimada

Pov Liam

Estou guardando minhas coisas no armário enquanto escuto o ataque de Nolan após saber que eu perdi minha virgindade com o Theo.

     - Eu não acredito Liam meu Deus vocês mal se conheceram.

- Eu sei Nolan mas não me arrependo e estamos juntos.

   - Você é louco se seu pai descobrir ou o Scott.

   - Eles vão ter que entender que eu não sou uma criança- fechei o armário e fui caminhando com o Nolan pra sala.

    - Você sabe o faz não vou intervir só apoiar- Nolan disse se sentando ao meu lado.

    Até que as primeiras aulas se passaram rápido e já era intervalo estava com o Nolan em uma mesa mais excluída quando vejo Theo vindo até nós.

    - Posso sentar com vocês- ele perguntou sorrindo.

    - Claro- Nolan disse retribuindo o sorriso.

     Theo sentou com a gente e conversava com Nolan e ambos sorriam o clima estava ótimo até que Scott apareceu com suas muletas.

      - O que ele faz aqui!?!- Scott disse com uma cara não muito boa.

    - Scott não começa- falei cansado.

   - Não tem essa, pai mandou eu ficar de olho em você e eu sou seu irmão mais velho então obedeça.

     - Scott cara não precisa disso- Theo começou a falar quando Scott o corta.

    - Alguém chamou você na conversa?

   - Ok Scott já tá ridiculo- falei me levantando.

    - Pareça uma criança- Nolan disse com raiva sem olhar na cara do Scott.

    - Desculpa por isso a gente se vê depois- disse dando um beijo no Theo deixando o Scott irritado e saindo com o Nolan sem falar com Scott.

    

    O sinal tocou e fomos para a sala mais logo o professor de educação física falou que tínhamos que vestir o uniforme e ir para quadra. Estamos na quadra e vamos jogar queimada contra o segundo e como vocês devem imaginar eu só vou correr e fugir da bola, os times já estão cada um em sua metade da quadra eu e Nolan estávamos mais no canto quando a turma do terceiro entrou e fico e fica na arquibancada e Theo estava lá me encarando com um sorriso e sorri de volta o professor começou a explicar as regras e meu time começou com a bola e o jogo começou.

      Os times estavam a todo vapor a bola ia e vinha alguns do meu time e do outro já tinham saído e me deparei com 4 pessoas no meu time e umas 6 no outro um menino do outro time pegou a bola e jogou com força acertando em cheio o braço do Nolan.  

   - Filho da puta- Nolan disse saindo passando a mão no local onde a bola tinha acertado.

    O jogo seguiu normalmente eu nunca pegava na bola apenas desvia até que o mesmo menino que acertou em cheio a bola em Nolan mirou em mim e jogou eu não desviei apenas olhei aquela bola vindo em direção ao meu rosto e acertando com força no mesmo estante um grito agudo saiu da minha boca e minhas mãos foram ao encontro no local que a bola acertou.


-O PROFESSOR BOLA NO ROSTO NÃO PODE - ouvi Scott  gritar da arquibancada.

- Caio você tá fora - O professor apitou.

- Liam você tá bem?

- Estou professor mas não quero continuar jogando - Disse saindo e Nolan veio atrás de mim.

 - Tá doendo - Nolan perguntou assim que entramos no vestiário.

 - Tá-Me abaixei pra lavar o rosto.

- O Caio é um idiota.

- Um idiota com muita força no braço - disse rindo e virando meu rosto pro Nolan  que fez uma cara não muito boa.

- O que? O que foi - Me virei para o espelho e metade do meu rosto estava vermelho parecia um tomate.

- Acho que não vai ficar roxo só colocar gelo.

- Posso entrar ? - logo aquela voz conhecida surgiu e Theo apareceu com cara de preocupação.

- É eu tenho que ir e algum lugar que não é aqui já volto - Nolan disse saindo sorrindo pro Theo.

- Você tá bem - Ele disse se aproximando.

- Estou foi só uma bolada disse rindo.

- Não você não está olha seu rosto tá vermelho eu devia quebrar a cara daquele merda - E deu um murro forte no armário fazendo um puta barulho.

- Não Theo você não tem que quebrar a cara de ninguém- Falei calmo pegando sua mão vermelha no soco dando um beijo e alisando a mesma.

-Mas ele te machucou Liam...-o interrompi beijando seus lábios, estava tentando me acostumar com uns surtos de raiva do Theo.

- Você me acalma - Ele sussurrou em meus ouvidos.

Theo voltou a me beijar e sua mão envolta da minha cintura me mantinham preso como se tivessem medo da minha fuga, o beijo se intensificou e Theo me beijava com mais vontade e descia no meu pescoço algumas vezes, ficamos ali apenas curtindo um ao outro até percebi que Theo queria algo mais.


- Theo aqui não. 

- Porque? Estamos no clima tão bom.

- Theo eu não vou transar no vestiário da escola - Assim que terminei de falar o mesmo me levando me jogou no seu ombro e começou a andar em direção à saída do vestiário. 

-O que você está fazendo !!?.

 - Resolvendo o problema.

Theo caminhou comigo até uma sala que era vazia e logo entrou na mesma, ela tinha algumas cadeiras mas sem birô devia ser alguma sala de arte ou alguma matéria parecida, Theo me colocou no chão e pegou um tapete que estava enrolado no canto da sala e colocou no chão abrindo o mesmo.

- Pronto agora deixa eu te fuder por favor ?. 

-Que boca suja é essa Theo

- Há eu falo fuder, transar fazer sexo é pra broxa - Ele disse me fazendo rir.

- temos pouco tempo não posso muito tempo fora se não o Scott desconfia. 

- Prometo ser rápido -um sorriso sacana se formo em seus lábios.

Theo veio em minha direção me beijando e dando impulso pra que eu colocasse as pernas envolta da sua cintura ele me levou até o tapete se deitando comigo ainda na mesma posição e começou a me beijar no pescoço.

- Meu deus não acredito que vamos mesmo fazer isso - Falei rindo.

- Você vai adorar.

Ele começou a descer os beijos e já foi abaixando minha calça, ele começou a beijar minha virilha e a fazer movimentos de vai e vem com a mão no meu membro é mais uma vez estava lá me deixando levar pelo Theo, seus beijos foram descendo e logo foram parar na minha entrada me fazendo arrepiar.

- Não vou ter muito tempo pra te preparar, você aguenta?- Ele perguntou olhando fixamente pra mim e confirmei com a cabeça

Agora aperto os braços do Theo com força enquanto ele me penetrava com força, no início doeu mas agora já estou acostumado e o Theo cada vez mais rápido, Theo estava a toda força e um gemido alto saiu da minha boca e o mesmo tapou minha boca.

- Sem gemer alto se for pra gemer é no meu ouvido e só o meu nome - Theo falou ofegante e começou a penetrar com mais força.

Theo levantou a cabeça sua testa se encontrava suada e seu rosto vermelho ele estava chegando no seu ápice e o meu chegou gemi seu nome sujando meu uniforme da escola, Theo deu uma estocada forde e urro me fazendo arranha seus braços e logo Theo caiu cansado em cima de mim.

-A gente podia fazer isso todo dia - Ele disse rindo 

- Idiota kkk temos 10 minutos ainda.

- Da tempo da sua boca trabalhar não acha?


POV. Nolan


O Liam tinha sumido com o Theo e eu estava com Scott e tentava o distrair ao máximo para não perguntar sobre o Liam.


-Agora que eu notei onde está o Liam? - Scott  perguntou olhando pra mim enquanto eu mexia no seu cabelo.


- Quer ir na minha casa hoje?-perguntei olhando pra ele que estava com a cabeça no meu colo.     - Claro meu amor - Ele se levantou me dando um beijo carinhoso.

- Mas onde está o Liam?

- Não sei, a gente não é grudado-  Falei rindo e o mesmo fecho a cara.

- Nolan estou falando sério você sabe de alguma coisa que eu não sei ? Onde está o Liam? 

- Estou aqui " Papai"- Liam apareceu do nada.

- Onde estava ?.

-Não te devo satisfação você não é meu pai.

- Claro que deve sou seu irmão mais velho.

-Meio irmão -Liam o corrigiu e o Nash travou um pouco.

-Gente sem brigar por favor - Os dois me olhando e logo discutiram mais uma vez esquecendo minha existência ali, aí esses dois vão me dar dor de cabeça.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...