1. Spirit Fanfics >
  2. O garoto da janela ao lado >
  3. Final de festa

História O garoto da janela ao lado - Capítulo 8


Escrita por: panqueca2956

Capítulo 8 - Final de festa


Fanfic / Fanfiction O garoto da janela ao lado - Capítulo 8 - Final de festa

Pov. Liam 

Theo me olhava com uma cara de confuso sem tirar as mãos da minha bunda.

- Eu não posso fazer isso, você não presta e eu estou com Isaac- disse tentando sair do colo do Theo que me apertou mais forte.

- Eu não presto más você não parava de rebolar no meu colo- disse sem paciência.

- Agora parei deixa eu sair.

- Qual é? A gente estava se divertindo, deixa de ser estraga prazeres- Theo dizia depositando beijos e leves chupões em meu pescoço.

- Theo por favor eles vão perceber minha demora- disse me tentando me manter firme.

- Tudo bem- Theo disse bufando  se dando por vencido.

 Saímos do carro, esperei Theo colocar a camisa e me ajeitei um pouco também parecia que eu tinha sobrevivido ao furacão. Antes do Theo sair veio em minha direção me beijando de novo e descendo no meu pescoço, não percebi que ele pretendia fazer, logo Theo colocou os lábios no meu pescoço e sugou minha pele deixando  vermelho no local.

- Gosto de marcar território- disse sorrindo e logo saindo, ótimo agora tenho um chupão pra esconder.

Saí andando  a caminho da festa logo entrando indo em direção ao sofá onde Isaac parecia desconfortável com Scott e Nolan tadinho o deixei de vela.

- Voltei gente e quero dança vem Isaac- disse jogando o celular na direção do Scott e logo arrastando o Isaac pra pista de dança.

 - Por que demorou tanto?

 - Eu não estava achando o celular- disse sorrindo.

 " Les't Marvin Gaye and get it on 

You got the healing that i want 

 Just like  they say it in song 

Until the dawn, Les't Marvin Gaye and get it on"

 - Eu não sei dançar.

- É fácil coloca a mão na minha cintura- ele apoio de leve aos mãos em minha cintura  um pouco receoso me fazendo sorrir.

- Dois passos pra frente e dois passos pra trás- e começamos a dançar porém no meio dança grito quando Isaac pisa no meu pé.

- Nossa desculpa Liam, eu disse que não sabia, machucou?- ele fala com tanta preocupação que eu queria morder ele de tanta fofura.

- Não tá tudo bem, acidentes acontecem- voltamos a dançar.

Dançar com o Isaac era divertido más o Theo não saia da minha cabeça, o seus beijos pareciam uma droga eu desejava mais, eu não podia fazer isso ele é um idiota e o Isaac é tão fofo. Tive uma ideia pra tirar o Theo da minha cabeça.

- Isaac o que você acha da gente ir lá pra cima em alguns dos quartos- falei sussurando em seu ouvido.

 - O que você quer lá?- Issac falou com uma certa malícia em sua voz.

- Privacidade.

 Isaac não pensou duas vezes antes de me pegar pelo braço e me arrastar até o andar de cima, todos os quartos estavam ocupados menos um que não era bem um quarto e sim um escritório entramos e fechamos a porta. Assim que a porta se fechou ataquei os lábios do Isaac com vontade ele logo correspondeu doce mais eu não queria isso, quero o desejo que eu estava sentindo quando o Theo tocava meus lábios.

- O que deu em você?- Isaac perguntou enquanto me beijava me encostando em uma mesa que tinha lá.

- Nada só queria te beijar não posso? 

- Há com certeza pode- ele disse isso logo me beijando, até que eu parei deixando ele confuso- o que aconteceu?

- Suas mãos.

- Estão na sua cintura.

- Sim você acha que sou uma freira? Coloca elas num lugar mais útil- assim que eu falei ele desceu as mãos até minha bunda logo dando impulso pra que eu me sentasse na mesa.

O beijo do Isaac era bom más não se comparava ao do Theo e eu estou me sentindo mal por esta pensando tanto nele.  Isaac começou a beijar meu pescoço e aquilo só me lembrava  mais cedo os lábios do Theo no mesmo local.

- Há Theo- disse em um sussurro, fazendo o Isaac para e me olha com um olhar na bom pra mim.

- Você disse Theo- perguntou com raiva.

- Não Isaac claro que não é...... Eu disse papel- assim que acabei de falar ele ficou mais confuso.

- Por que você falaria papel...... 

- Não estou me sentindo bem. Me leva pra casa?- falei tentando fugir do assunto.

- Sério? Claro vamos.

 Logo desci da mesa e me arrumei, descemos pro andar de baixo com um clima estranho, nos despedimos rápido do Nolan e do Scott finalmente saindo daquele lugar. Chegamos na frente de minha casa, Isaac abriu a porta do carro e eu saí.

- Valeu por hoje, me diverti muito obrigado- disse o abraçando.

 - Fico feliz em saber disso e obrigado por ter aceitado.

 - Então boa noite nos vemos depois- disse já indo em direção a minha casa quando Isaac me puxou e me beijou.

 - Agora sim vou ter uma boa noite- disse colocando as mãos em minha cintura.

- Vai me ver jogar amanhã?

- Claro, quem vai consolar vocês quando perderem- disse rindo.

 - Não vamos perder, bom tenho que ir te vejo amanhã- depositou um selinho nos meus lábios e entrou no carro logo partindo.

Entro em casa e vou direto pra cozinha estava morrendo de fome. Entro no meu quarto  pego uma cueca e uma camisa e vou pro banheiro tomar um banho, nossa como é bom tomar banho me acalma e bom pra afastar os pensamentos ligados ao Theo e tudo.  Acabo meu banho, visto minha cueca e blusa, quando abro a porta do banheiro vejo que a janela tá aberta vou fechar pois está muito frio, fecho a janela quando de repente.

 - A noite não acabou- levo um susto viro e do de cara com o Theo como ele tá aqui?

- Theo como...- logo fui interrompido por Theo atacando meus lábios ferozmente, correspondi no mesmo segundo ele foi me guiando pela cama até me deitar na mesma.

- Agora só é eu e você- disse o mesmo levantando e abrindo o sinto da calça.

- Theo o que você pretende fazer?

- Xiiii baby não confia em mim- ele disse se deitando por cima de mim e distribuindo beijos em meu pescoço.

- Não- disse fazendo rir.

 - Vou cuidar bem de você baby- disse o mesmo rindo e ficando de joelhos na cama tirando a camisa. 

 

 




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...