História O garoto da rua de baixo: JIKOOK ABO - Capítulo 17


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS), Black Pink, EXO, Got7, Red Velvet, TWICE
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Personagens Originais
Tags Jikook Namjin Vhope Etc
Visualizações 174
Palavras 2.070
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Drama (Tragédia), Festa, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Estupro, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Pansexualidade, Sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Demorei um pouquinho pois tive que escreve tudo de novo pois tudo que eu escrevi apagou umas coisas mais já escrevi de novo e tô postando. Tô tentando melhorar então desculpe se tive erro.

Espero que gostem e até o próximo capítulo^_^❤️

Capítulo 17 - Você tá bem ?


Fanfic / Fanfiction O garoto da rua de baixo: JIKOOK ABO - Capítulo 17 - Você tá bem ?

Queria amar sem sofrer, com calma...mas não tem jeito, eu não sou assim..Sou passional em tudo que sinto, em tudo que faço...


Jimin P.O.V


O evento estava tudo ótimo até aquela menina beija o Jungkook. Eu fiquei em estado de choque, não sabia o que dizer apenas sentir lágrimas descerem pelos meus olhos. Eu não vou mentir, eu tô gostando mesmo do Jungkook, mesmo ele tendo a fama de galinha e blá blá. Eu gosto do Jungkook pelo simples fato dele me fazer sorrir e por se super fofo comigo, na verdade nem sei dizer o que me faz gosta dele, mais ao ver aquilo meu peito doeu senti tudo desabafa. Não somos nada mais eu fiquei mal.


Desde o  acontecido não mantive contato algum com Jungkook. O mesmo me mandou mensagem e até ligou mais eu não atendi. De fato fiquei bem chateado me senti como só mais um na lista dele é realmente parece que eu sou isso. Não vou mentir eu tô tão pra baixo que nos últimos 5 dias não tenho me alimentado muito bem. Sinto meu corpo fraco e até sinto algumas tonteira mais não consigo comer. Estou indo a aula mesmo não dormindo a noite direito. Tenho chorado nos últimos dias não só pelo Jungkook mais pela chegada da morte do meu appa. Realmente aquelas lembranças vivem passado pela minha mente, até hoje sinto o que eu senti aquele dia. Dor era a palavra. Eu amava meu appa o como amava. Perde ele foi como perde meu chão. Passei por vários psicólogos mais acho que não ajudam muito.


Acordei em torno das 5:30. Era uma sexta o que significa que teria curso de novo. Fui ao banheiro fiz minhas higienes e tomei um banho. Logo sair e botei meu uniforme. Desci e vim senhora Joy na cozinha.

- Bom dia senhora Joy - digo me sentando.

- Bom dia Jimin - disse - O que quer de café ?

- Nada vou só comer uma frutinha. Tô sem fome - digo 

- Você deve comer em Jimin.Pode fica doente assim - disse

- Não se preocupar vou fica bem - digo - Vou indo 

- Tchau meu filho. Se cuida- disse 

- Tchau - digo e dou um beijo na sua testa e pego minha mochila.


Seguir para o metro e meu ânimo tava realmente zero. Fui bem de vagar afinal  ainda faltava bastante tempo e nisso também pensei um pouco nas coisas. Ao chegar vi Tae e Hobi juntos me esperando. Estava ouvindo give me love do Ed Sheeran. Essa música me representar hoje.

- Bom dia - digo 

- Bom dia Jimin.- disse Hobi - Ainda com essa cara ?

- Não tenho culpa - digo 

- E aquilo do Jungkook ainda né ? - perguntou Hobi

- Mais o menos. Não quero fala sofre isso - digo

- Mais uma hora você terá que fala disse - falo Tae - E queríamos te chama para ir no parque.

- Não quero - digo - Sem ânimo pra isso.

- Por favor Jimin - disse Hobi - E só pra se divertir e tira essa sua cara.

- Vocês são um porre - digo 

- Eu juro que se você for não tocamos mais nisso de Jungkook - disse Tae 

- Tá eu vou - digo - Mais não vou demora.

- Eba. - disse Hobi

- Então tá combinado. Amanhã às 14:30 - disse Tae 

- Tá. Agora vamos antes que cheguemos atrassado- digo 

- E bora - disse Tae 


Pegamos o trem e eu sentei sozinho afinal o casalzinho tava no banco da frente aos abraços e carinho. Ouvia minhas músicas bad realmente eu tava um caco hoje mais do que os outros dias. Chegamos na escola e logo seguir pra sala. Me sentei no lugar de sempre e logo o sinal tocou e os alunos entraram. Vi Lisa entra e me olha torto mais não dei muita importância.


Eu e Lisa éramos amigas junto com Hobi mais acabou que ela me odiou pelo simples fato do garoto que ela gostava no fundamental gosta de mim. Eu não dava muita importância mais ela se importou e tomou ódio de mim. As vezes senti falta da Lisa éramos realmente amigos mais aí o Tae chegou e assim não me importei mais tanto com ela. Logo o professor chegou e deu início a sua aula. Minha cabeça estava em outro lugar tanto que as aulas passaram voando.


*******


O recreio chegou mais rápido do que esperava. Hobi disse que ia ao refeitório e eu resolvi fica na sala não tava animado pra ver todos. Fiquei de cabeça baixa na minha mesa e continue a ouvindo música. Logo Tae e Hobi apareceram.

- Trouxemos isso pra você - disse Tae me entregando um pão.

- Obrigado- digo

- Você tá meio pálido Jimin - disse Hobi - Tem comido ?

- Mais o menos. Ando sem apetite- digo

- Mais deveria comer vai ficar doente assim - disse Tae 

- Falou que nem a senhora Joy agora - digo 

- E verdade. Lembra aquele dia que comemos só besteira na sua casa? Ela falou a mesma coisa - disse Hobi.

- Verdade - digo

- O dia que vocês esqueceram de mim - disse Tae.

- Você tava viajando amor - disse Hobi - Não faz drama.

- Pra quem falou que nunca iam fica juntos olha hoje - digo - Fico feliz em ver vocês assim.

- E quem diria que eu ia conguistar esse alfa aqui - disse Hobi abraço o Tae.

- E eu me apaixonei por esse ômega lindo aqui -disse dando um selinho em Hobi.

- Agora chegar de melação- digo

- Até parece que não vai fica assim quando namora - disse Tae

- Não sou uma pessoa que gosta de melação- digo

- Veremos. - disse Hobi - Vou guarda essas palavras.

- Você é ridículo - digo e eles riem.


Meus amigos conseguiram me anima um pouco e realmente eles sabem como fazer pra me fazer sorrir. O resto das aulas passaram bem rápido e novamente não prestei a atenção. Fui para o curso logo assim que sair da escola.

O curso foi uma bosta, não prestei atenção em nada. A mulher falava e eu nem me importava só queria ir pra casa e dormi eu tava exausto afinal não durmo a vários dias. No caminho passei onde meu irmão trabalhar pra compra um café. A fome tava batendo e eu não me alimentei nem um pouco direito hoje é eu também tava morrendo de frio então pensei porque não compra um café ? E assim seguir para o café onde meu irmão trabalhar e quando entrei logo vi ele.

- Boa tarde senhor. O que deseja ? - perguntou meu irmão.

- Aaaah ridículo. Quero um café - digo 

- E pra já maninho - disse  e eu me sento no balcão.

- Oi Jimin - disse Suho amigo do meu irmão. - E bom velo por aqui.

- Oi Suho. E bom velo também - digo dando um sorriso.

- Aqui está seu pedido - disse meu irmão entregando o copo.

- Obrigado. Tá aqui o dinheiro- digo

- Pode deixa  que fica por conta da casa - disse meu irmão.

- Obrigado. Tchau gente. - digo me levantando.

- Tchau - disse Suho - A gente se ver Jimin

- Concerteza - digo


Seguir para o metro. Vi que tinha começado a dá uns pingo de chuva então peguei um casaco na minha mochila que leve e botei. Eu ainda sentia frio apesar de está tomando o cafe.Logo vi que tinha começado a chover.Ótimo ainda tô a 10 minutos da estação. Quando cheguei na estação eu já tinha tomado uma bela chuva. Entrei no trem e em 10 minutos estava onde eu tinha que desce. Caminhei até em casa e quando cheguei em torno das 19:30 e vi senhora Joy na cozinha.

- Você tá todo molhado Jimin - disse

- Peguei uma chuvinha- digo

- Vai toma um banho antes que fiquei refriado- disse.

- Tô indo - digo indo para meu quarto.

- Rápido rápido menino - disse senhora Joy- Olha a molhadeira 

- Desculpa - falo já no meu quarto.

Entrei para o banheiro e logo tirei a roupa molhada e assim entrei para o chuveiro. Deixei a água quente corre sobre meu corpo. Realmente é ótimo pra relaxa. Fiquei um bom tempo até que sinto uma leve tonteira e então parei o chuveiro. Vesti uma boxe preta e uma blusa de manga azul que ia até o meio das minhas pernas e então me deitei afinal eu tava com uma dor de cabeça enorme então porque não dormi um pouco.


*****


Eu dormi a noite toda só acordei quando era 6:30 do sábado. E realmente eu tava com sono mesmo. Fiquei deitado vendo uns vídeos pelo celular até às 8:30 foi quando ouvi alguém na cozinha e deduzi ser minha omma. Me levantei e botei um casaco e fui até a cozinha. E lá vi meu irmão Chanyeol.

- Já está acordado? - perguntou

- Dormi cedo ontem - digo

- E vi que quando cheguei já estava dormindo. E tava cansado né - fala meu irmão.

- Não dormi direito nos últimos dias - digo

- Quer uma panqueca? - perguntou .

- Aceito - digo e ele pega um prato e bota uma panqueca e também pega uma xícara de café.

- Aqui está - disse me entregando

- Obrigado.- digo.

- Como vai na escola ? - perguntou

- Tô indo bem - digo 

- Que bom. Você anda meio triste rolou algo ? - pergunto me olhando

- Não só tô andando casado e tal - digo 

- Sabe que se preocupo. Se precisar de mim pode conta comigo você sabe né - disse

-Sim pode deixar. Não se preocupar tá tudo bem - digo

- Pode lava a louça pra mim depois? Tô meio atrasado. - disse

- Pode deixa que lago - digo

- Ok. Vou indo. Dá um beijo pra omma por mim.- disse se levantando

- Ok. Tchau irmão - digo

- Tchau - disse saindo da coxinha.

Lavei tudo que ele sujou,e também joguei fora o que eu não comi eu tava enjoado um pouco, depois voltei para meu quarto. Vi mais vídeos até eu pegar no sono de novo. E eu ta a realmente com sono, e minha cabeça ainda latejava.

Dormi até 10:10 até eu ouvi minha omma entra pelo quarto e abri as cortinas.

- Bom dia filho - disse

- Oi omma.- digo

- Ouvi você e seu irmão na cozinha mais cedo - disse 

- E eu acordei cedo- digo

- Você parece pálido. Tá comendo direito Jimin ? - pergunta preocupada.

- Mais o menos ando sem apetite- digo - Mais tô bem.

- Filho tem que comer em - disse botando a mão no meu rosto - Você tá quente.

- Não é nada omma. Tô bem.- digo

- Ok então. Quer ir fazer umas coisas comigo hoje ? - perguntou.

- Pode me deixa no parque depois? - pergunto

- Sim. Vai encontrar os meninos?- disse se levantando

- Sim- falo

- Ok. Vou me arruma.- disse saindo pela porta

- Também vou - digo me levantando com cuido ainda me sentia meio estranho. Pego no meu armário um remédio pra dor e tomei.

Fui para o banheiro e assim tomei um banho e me arrumei. Logo fui encontrar minha omma que tava com a Jennie na sala. Minha omma levou a Jennie para aula de dança e eu fui junto com ela para uns lugares e depois ela deu a ideia de ir ao shopping e aqui estamos.

Minha omma fez questão de compra algumas coisas. Depois ela me levou a um restaurante e pediu estrogonofe e eu pedi uma salada e frango grelhado. Comi só um pouco tanto que deixei até comida no prato. Minha omma mais uma vez ficou preocupada mais eu disse que tava bem.

Depois ela me levou até o parque é lá né despedi da mesma. Sentei num banco até espero Hobi e Tae aparece. Eu tava me sentido mal mais só ia fala um pouco com eles e ia volta pra casa. Fiquei sentando esperando mais nada deles aparecerem. Fiquei lá até que sinto alguém torca no meu braço e ao olha era o Jungkook.

- O que faz aqui? - pergunto e me levanto supresso

- Vim fala com você - disse - E isso de encontrar Hobi e Tae foi ideia minha.

- O que você quer fala comigo Jungkook? - pergunto sério.

- Quero me desculpa com você - disse - Você tá pálido Jimin. - disse e me olha - Você tá bem ?

- Sim.- digo e vejo que meu corpo tava estranho e quando eu vi tudo escureceu.



Não vi mais nada só senti braços me segura.




Continua.....



Notas Finais




Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...