História O Garoto do Pet Shop (Vhope) - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin)
Tags Bangtan Boys, Bts, Jikook, Jung Hoseok, Kim Taehyung, Taeseok, Vhope
Visualizações 41
Palavras 377
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Ficção, Fluffy, Lemon, Musical (Songfic), Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Eaaaeeeew, suavão???
Obrigada pelos comentários e favoritos. Obrigada por estarem acompanhando, estou pegando um carinho enorme por essa fic que eu deixei parada por séculos (igual a outras trocentas no meu perfil).

Foda-se, essa é especial porque é a minha única focada em VHope :3
E vocês estão fazendo parte disso, amo á todos, e muito obrigada novamente!!!

Capítulo 9 - Um presente, Uma notícia


Jung Hoseok me surpreende com essa insistência. Em parte é divertido, eu nunca passei por situações como essas, talvez seja uma maneira chata de me mostrar que me quer por perto.

Por outro lado, considerando o tempo e a súbita forma com a qual nos conhecemos, torna-se um pouco complicado para mim, entender. Sobretudo, mesmo se houvesse alguma forma para retribuir, eu não deveria.

Mordo o lábio inferior e encaro o garoto pela janela. O mesmo sorri largamente e ergue uma sacola branca.

Deduzi sua intenção, talvez fosse comida. Peguei meu casaco, vestindo minha pantufa e sai com o mesmo cuidado de ontem.

Chegando lá o garoto cobriu o rosto de seriedade. Nunca o vi assim, de fato.

- Preciso te dizer uma última coisa - Disse sorridente.

- Última coisa? - Questionei de cenho franzido.

- É que meus planos vão ser interrompidos porque vou ir pra puta que pariu... - Se sentou sobre o gramado e me convidou indiretamente para fazer isso - Então preciso dizer isso agora.

- Não estou entendendo... Vai para onde? - Sento-me.

- Isso não interessa... Quero te entregar isso. - Empurrou a sacola em minha direção. A encarei antes de pegá-la.

Quando a segurei em minhas mãos, quase que imediatamente retirei o que tinha ali dentro, uma caixa média e redonda envolta por um embrulho metal.

- Mais não abra agora, faça isso depois que eu sair. - Riu, provavelmente da minha pressa.

- Não vai falar para onde vai? - Torno a perguntar com extrema seriedade.

- Meu Tio conseguiu algo pra mim em Busan...

- Seu merda, quem vai saber como exatamente cuidar da Suzi??? - Digo irritado.

- Qualquer um que trabalha num pet shop deve ser profissional, então...

Refleti sobre a minha reação.

- Tem razão. - Tirei minha expressão um tanto quanto incrédula e forcei normalidade.

Nesse meio tempo, no qual eu encarava o presente para não olhar diretamente a Hoseok, o mesmo se aproximou de forma tão agilidosa que não me permitira esquivar de fosse o que viesse a acontecer.

Roubou-me um selinho no canto da boca, levantou-se e da mesma forma que conseguiu quase selar nossos lábios, correu para longe, e se afastou mais e mais até que me sumiu de vista.


Notas Finais


Postei e sai correndo estilo Hobi após beijo. Bem, quase beijo sjkskskksk


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...