História O Garoto Que Eu Gostava - Capítulo 6


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Colegial, Diário, Escolar, Romance, Traição
Visualizações 11
Palavras 698
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Colegial, Escolar, Romance e Novela, Shoujo (Romântico)
Avisos: Adultério, Linguagem Imprópria, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 6 - Rose


Eu levantei na manhã seguinte feliz por estar viva. Fui abrir o guarda roupa para trocar de roupa, e vi que tinham algumas blusas rasgadas.

Ana: Só pode ter sido a Gisele, aquela vadia me paga.

Eu vesti uma blusa que estava em uma caixa em baixo da cama (umas blusas que eu ia doar) elas estavam em bom estado, eu só não usava mais elas.

Fui para a escola, não aconteceu nada demais, a Gisele faltou, não sei o que aconteceu com ela, o Anthony veio comigo até em casa.

Ana: Posso te pedir uma coisa?

Anthony: Ta.

Ana: Eu queria saber o que aconteceu com a Rose, a mãe dela disse q eles foram viajar, mas eu to achando essa história muito estranha...

Anthony: Ué, eles não podem mais viajar? Você também viaja não é? 

Ana: Ah, eu sei, mas é que se a Rose fosse viajar ela me avisaria.

Anthony: É, isso é verdade.

Ana: Sem contar que a Rose é daquelas certinhas que nunca faltam, ela não viajaria no meio do ano.

Anthony: Mas mesmo se ela não tiver ido viajar, ela não está indo para a escola.

Ana: Por isso eu acho que tem algo de errado... Ela nem responde as mensagens, ela recebe, mas não visualiza.

Anthony: Mas no que você quer que eu ajude?

Ana: Quero que me ajude a descobrir o que aconteceu.

Anthony: Mas não tem como eu fazer isso...

Ana: Então deixa que eu descubro sozinha também.- Eu falei brava e fechei a porta na cara dele.

Eu estou preocupada com a Rose, preciso de informações... O único lugar para onde eles podem ter ido é a casa de praia da tia da Rose, mas é inverno, porquê diabos eles iriam para uma casa de praia no inverno? Eu vou tentar falar com a tia da Rose...

-ligação on-

Betty (tia da Rose): Alô?

Ana: Oi, é a tia da Rose?

Betty: Sim, quem fala?

Ana: Aqui é a Ana, melhor amiga da Rose, queria saber se ela está ai?

Betty: Porquê ela estaria aqui? Ela só vem aqui final de ano.

Ana: A mãe dela me falou que elas iriam viajar, e aí foi o único lugar que eu pensei que elas poderiam estar...

Betty: Estranho... A Diana nunca viaja no meio do ano, só se for alguma coisa realmente importante, e ela nunca leva a Rose junto, ela não gosta que a Rose falte na escola...

Ana: Ah, ok, obrigada pelas informações.

Betty: Não tem de que.

-ligação off-

Então eles não estão lá... Eu vou novamente na casa da Rose.

Diana: A Rose não está

Ana: Vocês não iam viajar?

Diana: Íamos, não vamos mais.

Ana: Sabe quando a Rose volta? Preciso falar com ela.

A mãe dela entra na casa, e pouco tempo depois volta.

Diana: Pode entrar.

Ana: Mas a Rose não tinha saído?

Diana: Ela só não queria te ver, mas ela disse que você pode entrar.

COMO ASSIM NÃO QUERIA ME VER? O que tá acontecendo meu Deus. Eu entrei na casa, e fui até o quarto da Rose, onde a mesma se encontrava em um estado horrível, parece que tinha chorado por noites...

Ana: Oi Rose...

Rose: Oi.

Ana: O que tá acontecendo? Por que você não queria falar comigo? Por que sua mãe tava mentindo? Será que você pode me explicar por que você tá me ignorando e não tá mais indo pra escola?

Rose: Eu to triste...

Ana: Por isso você não fala mais comigo? Talvez se você falasse eu poderia ajudar.

Rose: Não, você é a última pessoa que pode me ajudar.

Ana: Mas nós somos melhores amigas Rose, deveriamos contar tudo uma pra outra, não deveriamos guardar segredos e sofrer em silêncio...- Ela me interrompe antes de me deixar terminar de falar.

Rose: Não somos mais amigas Ana.

Ana: COMO ASSIM!? POR QUE!? O QUE EU FIZ!? 

Rose: A culpa não foi sua.

Ana: Mas agora eu quero saber!

Rose: Tudo bem, eu te falo, eu gosto do Anthony...

Ana: Que?! Por que você nunca me disse?

Rose: Porque você também gostava dele, e eu não queria deixar você triste.

Ana: Mas agora você tá sofrendo, eu não sabia que poderia magoar alguém, principalmente você, namorando com ele... Me desculpa Rose.

Rose: Você ama ele, deve ficar com ele, merece mais ele do que eu, eu vou mudar de escola, ok? Avise a todos.

Ana: Não vai não, eu não vou deixar!

Rose: Você não é mais ninguém para impedir.

Continua...





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...