1. Spirit Fanfics >
  2. O grande plano - Imagine Jungkook >
  3. Moleque

História O grande plano - Imagine Jungkook - Capítulo 10


Escrita por:


Notas do Autor


Oi hoje eu estou super hiper mega feliz, hoje saiu trailer de o grande plano queria muito que vocês dessem uma olhada, porque está incrível!!

A @LovelyVk é muito talentosa e o nosso trailer ficou incrível!

O link estará no final do capitulo

Capítulo 10 - Moleque


Fanfic / Fanfiction O grande plano - Imagine Jungkook - Capítulo 10 - Moleque

Vinte minutos depois da polícia tentar entrar começamos a fazer o que realmente viemos fazer neste lugar.

-  Agora vem a melhor parte!  -  Megan exclama animada para os reféns, os reféns eram parte muito importante do nosso plano, sem eles provavelmente não conseguiríamos fazer todo o nosso dinheiro a tempo. Sem eles polícia também já teria nos matado.  -  Agora vamos trabalhar!    -  Era enevitavel não sorrir muito com tudo dando tão certo assim. Estava tudo acontecendo como Yoongi planejou nada estava suando do planejado. O que eu mais quero agora e que as coisas continuem assim aqui dentro, dando certo.

As máquinas de dinheiro eram lindas, magnificas! Jamais vi algo assim, tão lindo, nada me dera uma felicidade repentina como ver aquelas máquinas. Nada era tão, gratificante quanto aquela simples máquina. Era lindo de mais! Podia ver o brilho nos olhos de todos, os sorrisos eram tão sinceros. Até memso os chineses sorriam como nunca antes. -  Eu quero essas máquinas funcionando 24 horas por dia!  -  Megan novamente exclama para os reféns que agora estavam ocupados fazendo o seus trabalhos  -  Como uma noite na balada, sabe como é? Tum, Tum, Tum, a noite toda! Toda vez que agente para é meio milhao a menos, então não vamos parar! Alegria, festa e animação!

O trabalho mais bem pago da história, dois bilhões e quatrocentos milhões! Talvez mais, tudo dependia do tempo que conseguíssemos aguentar aqui dentro.

-  Olha só isso!  É o nosso dinheiro  -  Megan corria animada pelos corredores da máquina, como eu já disse era difícil não se contagiar com toda aquela animação. Aquela sensação era impagável, dizem que dinheiro não traz felicidade, na maioria das vezes não traz mesmo, mas naquela hora aquele dinheiro todo me trouxe uma felicidade enorme.

Nuncá a frase tempo é dinheiro foi tão literal, e que dinheiro! A cada uma hora não impriamos 8 milhões, a cada mil e quatrocentos placas de papel moeda nos cortavamos mil notas de cinquenta.

As vinte horas de assalto se completaram em uma linda manhã de sábado, pelas janelas eu podia ver o sol brilhando lá do lado de fora, há alguns anos atrás não evitaria nem por um segundo sair de casa para pegar um sol. Mas no momento as circunstâncias eram diferentes. Estava tudo tão calmo ao amanhecer que parecia que o plano ia de vento em pompa, não só parecia como ia. Yoongi era o nosso big brother, ele controlava o rádio da polícia e mais dezoito câmeras, então se alguém quisesse não ferrar saberíamos muito tempo antes. Fazíamos treinos para vigiar os reféns, as entradas e é claro a produção. Depois das primeiras vinte horas as rotativas já tinham cuspido mais de 52 milhões, então naquele momento agente estava pensando que tudo iria dar certo, mas toda aquela paz era só a calmaria antes da tempestade. As coisas iam dar tão errado que agente ficaria perto de perder tudo. E se perguntar porque tudo isso? Vou responder, o motivo de tido isso é uma simples história de amor. Afinal o amor é um bom motivo para tudo dar errado. O meu amor toda vez que pass a por mim fazia questão de nem olhará para mim, ver Jungkook fazer isso comigo estava me destruído. Mas tinha que juntar os meus caquinhos, não ficaria fraca por causa disso, não podia ficar força no momento! É agora faria de tudo para que o plano desse certo, assim poderia me resolver com Jungkook.

Naquele exato instante Namjoon estava com uma refém do lado de fora, era um grande risco, afinal quem não pensaria que o cara do lado dela é um assaltante? As chances dela tomar uma bala na cabeça era grandes, de zero a cem eu diria quenissto 90% de chances de acontecer. Mas quando a missão lhe foi proposta ele não esitou nem por um segundo.

-  Estamos trancados, enquanto ninguém estourar a minha cabeça eu vou cuidar de vocês   -  Namjoon começa a falar com os reféns, agora os nosso lindos reféns começariam a cavar o nosso falso túnel de saída. -  Então nós vamos dar algumas tarefas para que vocês não nos deixem tristes  -  Namjoon para na frente de um garoto, era o memso que estava com a ovelhinha no banheiro.  -  Qual o seu nome? 

-  Kwan

-  Kwan, prática algum esporte?

-  Eu sou o capitão da equipe de atletismo  -  Esse garoto era da pior espécie, não fizeram uma pergunta para ele, então ele já deu todo o seu incrível currículo de bom moço, aquele dia no banheiro ele não parecia ser um bom moço.

-  Da um paço a frente capitão!  -  Namjoon agora estava parado no que era para o seu refém favorito, Arturo  -  Olha só Arturzinho  -  Ja podia ver que a expressão do homen se tornar mais apavorada do que ja estava antes  - Você e bom com trabalho manuais?  -  O homen não edita em responder que é terrível com trabalhos manuais, ele era memso sua cara entregava tudo, mas ele era o nosso refém sennior.  -  Eu vou perguntar mais uma vez, mas desta vez tente me agradar e falar a verdade.

-  Eu sei me virar

-   Ótimo! um paço a frente  -  Em uma fila indiana os reféns escolhidos foram atrás de SeokJin, como já disse eles cavariam um falso túnel, enquanto SeokJin cavaria o nosso túnel verdadeiro. 

Neste momento Jungkook devia estar gravando o vídeo para a família da ovelhinha , esse era um ótimo momento para que eu pudesse falar com ele. Com calma Jungkook entenderia os meus motivos para ter falado com ele daquele jeito. Mas quando eu cheguei na nossa sala ele e a ovelhinha pareciam amigo íntimos, pareciam até namorados. Ele deviam ter a mesma idade e Jungkook era um cara bonito, mas ele nunca ficava assim comigo, agora ele parecia ser ele mesmo, isso não era ruim, mas me senti mal porque ele não era ele mesmo comigo.

-  Nada emocionante acontece comigo, o mais legal que aconteceu comigo esse ano foi encaixar o braço   -  A ovelhinha fala desanimada para Jungkook, eles ainda não tinham notado a minha presença.

-  Um Assalto já é mais emcionante  -  Jungkook entra na frente da menina como se fosse protege - lá de algo, ele queria proteger ela de mim.

-  Psnsa no que vai falar para o seu país, quando estiver pronta é só me falar, eu te espero.

-  Você tá sério, o que foi?  - Jungkook estava muito tenso, ele não estava assim quando falava com ovelhinha,  era ruim para a minha autoestima ver que uma garota do ensino médio conseguia conversar melhor com ele do que eu.

-  É porque você se importa? Eu só sou um moleque. Só um brinquedinho seu nesses cinco meses. S/N Eu sofri muito quando eu fui preso, aqueles cinco meses com você, eu achava que você seria melhor para mim do que Ji-hyo foi para mim, mas olha aí você me chutando como ela fez.

-  Eu disse que você era um moleque, que eu nunca ficaria com você. Eu fiz isso para Yoongi não mandar darem um tiro no seu peito. Porque eu não iria ligar sem dessem um tiro em mim.

-  Você não tá falando sério, porque você não gosta de mim, não gosta de mim como eu gosto de você. Eu sempre gostei mais de você do que você de mim.  -  Se nesses últimos meses eu não tivesse me envolvido tanto com Jungkook, nesse exato momento eu não estaria nem ligando para o que ele está falando, mas isso estava ms machucando de verdade.  -  Sabe qual é a verdade? Você não gosta de mim, mas o que eu entendo sobre amor? Eu só sou um moleque.  -  Não aguentaria ficar mais ali ouvindo Jungkook falar isso para mim.  -  Eu nunca te vi rezando, você não é quem eu pensava.

-  Jungkook para de falar isso, por favor.

-  Mas eu não era um moleque quando você pediu para eu te pegar de jeito.










Notas Finais


Gente temos um trailers espero que gostem dele como eu gostei

A incrível @LovelyVK que fez, dem todos os créditos porque ela e incrível!

Trailer:

https://youtu.be/3M4Jq2Nrx_g


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...