História O guarda-costas. - Capítulo 13


Escrita por:

Postado
Categorias Naruto
Tags Dryka-fenix, Gaanaru, Itadei, Itamina, Kibashino, Minaita, Minakushi, Nejilee, Sasunaru
Visualizações 156
Palavras 1.481
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Famí­lia, Fantasia, Ficção, Ficção Adolescente, Ficção Científica, Hentai, Lemon, Luta, Magia, Mistério, Policial, Romance e Novela, Saga, Shonen-Ai, Slash, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Drogas, Gravidez Masculina (MPreg), Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Voltei

Capítulo 13 - Ciumes.


Depois de sairmos do quarto Sasuke e eu descemos até a sala principal onde se encontravam os outros com exceção de Kiba e Shino, não quero nem imaginar onde aqueles dois estão e o que estão fazendo, bem que eles poderiam ser mais discretos. Neji olhava para o lado de fora da janela e os outros já se encontravam em posição de defesa.

__ O que está acontecendo aqui? – Perguntei atraindo a atenção de todos menos Neji.

__ Tem alguém rondando a mansão. – Disse Shikamaru fazendo sinal para os outros que começaram a se mover.

Sasuke que estava ao meu lado deu meia volta e subiu as escadas correndo sendo acompanhado por Lee, poucos segundos depois apareceram Kiba e Shino acompanhados de Akamaru, o cachorro de Kiba. Kiba se aproximou de mim e me deu uma arma e um colete aprova de balas. E eu? Bom eu continuava sem entender nada. Primeiro eu estava no escritório com um loiro gostoso quase me pegando de jeito, não se esqueçam do quase já que minha consciência pesada e meu querido irmãozinho mais novo impediram tal ato. Depois eu descubro que antes do Gaara partir ele deixou a semente dele por aí e agora eu estou aqui em uma possível invasão. Eu pego as coisas que Kiba me alcançou e fui em direção ao Neji que ainda permanecia na janela.

__ Eu vou perguntar mais uma vez, então eu sugiro que me respondam adequadamente. – Falei os vendo confirmarem. – Alguém pode me explicar o que está acontecendo aqui?

__ Eu estava fazendo a ronda com o Akamaru quando ele farejou pessoas que não trabalham aqui. – Kiba disse enquanto me ajudava a pôr o colete.

__ Então nós dois fomos averiguar a situação e vimos um carro parado em frente a mansão e algumas pessoas saindo de dentro dele. – É sério isso? Eles me colocam a mansão inteira em alerta por causa de um carro parado e umas pessoas suspeitas, eu não os julgo afinal todo cuidado é pouco. - Shimura Danzou está ao volante. - Disse me pondo em estado de alerta  e quando eu estava prestes a dizer alguma coisa o meu, lindo, rico, sexy e loiro, amigo nos interrompe. “Que merda Itachi ele é o irmão do seu noivo morto e ele nem se lembra de você”.

__ O que está acontecendo? – Ele pergunta descendo as escadas vestindo apenas uma calça moletom folgada e com seu peitoral a mostra, e que peitoral.

__ Nii-san olha a baba. – Disse meu irmão descendo a escadaria sendo acompanhado por Naruto que possuía as bochechas levemente coradas.

__ Baka. – Disse sem nem ao menos olhar meu irmão e sem conseguir desviar os olhos do loiro a minha frente. – As vezes eu tenho uma vontade enorme de te matar otouto. – Infelizmente eu tive que desviar os olhos do loiro.

__ Eu também te amo nii-san. – É sério ele está claramente me avacalhando. Eu estava pronto pra retrucar quando o interfone toca e Kiba vai atender, ele volta poucos segundos depois guardando o revólver que tinha em mãos.

__ Tem uma mulher chamada Mary querendo falar com você. – Disse se direcionando ao meu loiro. Espera um pouco como assim tem uma vadia querendo falar com o MEU homem? “ Ele não é seu homem Itachi”, ouço aquela vozinha irritante na minha cabeça, acho que o nome disso é razão, razão que eu estou quase perdendo com esse deus grego na minha frente só de calça moletom e com aquele tanquinho maravilhoso a mostra. – Ela disse que está acompanhada de uma tal de Mey e acho que a outra se chama Kamili. Shimura permaneceu no carro. – Isso aqui virou um puteiro por acaso, quem essas vadias pensão que são pra vim aqui e ficar dando em cima do MEU loiro.

Minato deu permissão para as que três putas de esquina entrassem. Eu olhei aquelas três e me deu uma vontade enorme de cometer um homicídio triplo. A mulher que Minato apresentou como sendo Mary estava usando um micro vestido preto com detalhes dourados, parecia um palhaço de tanta maquiagem e o vestido possuía um decote enorme, não sei o que ela queria mostrar, mas com certeza não era os seios, já que a mesma não possuía.  A segunda mulher de nome Mey vestia um shorts curto, deixando a mostra aqueles gravetos que ela chamava de pernas, qual é? Eu tenho mais pernas do que ela, ela vestia também uma regata decotada que mostrava os seios quase saltando pra fora do sutiã. Imaginam um graveto com duas melancias penduradas, imaginaram? Então vocês imaginaram a tal da Mey. E por último e muito menos irrelevante temos a tal da Kamili, ela usava uma minissaia de paetês preta e uma camisa branca de tecido leve sem nenhuma estampa, eu odeio ter que admitir, mas a terceira era muito bonita. “Você está sendo contraditório Itachi”, ouço mais uma vez aquela vozinha chata.

__ O que você quer aqui Mary? – Perguntou de forma grosseira e eu me segurei pra não gritar “toma sua vadia de quinta” , com certeza eu estou sendo contraditório. – Diz logo o que você quer eu não tenho a noite toda. – “É isso ai gato mostra quem é que manda”.

__ Eu pensei em passar aqui e te convidar pra uma festinha que vai ter lá no apartamento da Sintia. – Ela disse se aproximando do Minato e se esfregando nele.

__ “Hey sua vadia esse homem tem dono, vai caçar um pra você”. – A cada pensamento meu o Naruto se segurava pra não rir. – Desculpe-me intrometer na conversa de vocês, mas Minato eu não acho que seja prudente sair a essa hora. – Me julguem, sei que se ele quiser sair ele estará bem protegido nas mãos do Lee e do Neji, mas o fato é eu não quero que ele saia com essas putas de esquinas.

__ E quem você é? – Perguntou a tabua fantasiada de palhaço ainda grudada no MEU loiro. E eu me segurava pra não pular em cima dela e dizer com todas as letras que aquele loiro maravilha já tem dono.Que foi só por que não deixei ele me comer no escritório não quer dizer que em um futuro, muito próximo de preferência, eu não vá o deixar me pegar de jeito. – Então quem é você? - “Como essa vadia têm coragem de direcionar sua voz irritante de taquara rachada para minha pessoa?”

__ Itachi, Uchiha Itachi e é um imenso desprazer em conhecê-las. – Me apresentei formalmente arrancando de todos os presentes algumas risadas. – E vocês aí não tem mais nada o que fazer? Vão fazer o serviço de vocês seus imprestáveis. – Disse fingindo irritação pelas risadas.

__ Pois você pensou errado. – Uhu é isso lindo, Minato 1 x Vagabas 0. – Pensei em ter deixado as coisas bem claras da última vez que nos encontramos.

__ Mas Minato aquilo já passou e eu estou louca pra fazer algumas coisinhas com você. – Dizia ela se esfregando nele e o cara nem para afastá-la. – Mas se você não quiser ir a uma festa, nós podemos fazer nossa própria festinha. – Essa vadia perdeu a noção do perigo.

__ Eu e você sozinhos? Nunca. – Minato 2 x Vagabas 0

__ Não precisa ser sozinhos podemos fazer uma festinha com as minhas amigas e o seu amiguinho ali. – Disse apontando em minha direção. Essa tabua perdeu a noção do perigo.

__ Até parece, não me achei no lixo. – Falei cruzando os braços e virando meu rosto pro outro lado. - Eu não me misturo com a ralé.

__ Jamais, agora se me der licença eu tenho coisas mais importantes pra fazer do que ficar perdendo meu tempo com você. – Disse e finalmente ele a tirou de cima de si. É sério eu achei que tivesse que ir lá e pegar ela pelos cabelos.

__ Mais importantes do que eu? – Perguntou incrédula. – O que seria mais importante do que eu?

__ Qualquer coisa. – E pra fechar o placar com chave de ouro Minato 3 x Vagabas 0, fez sinal pra que elas se retirassem. Passou por mim levou as duas mãos a minha cintura, desceu pelo meu quadril agarrou minha bunda e sussurrou em meu ouvido. – Acho que temos que terminar a nossa conversa. – Disse de uma forma sexy que fez meu amiguinho se animar e deu uma leve mordida na pontinha da minha orelha. - Segue o mestre.

__ E quanto a vocês três a porta de saída é serventia da casa. – Falei e as vi se retirando do local. Depois de ter certeza de que os três projetos de putas estavam bem longe eu tomei o mesmo caminho que o loiro. – Nenhuma só palavra do que você ouviu. – Disse ao Naruto que concordou fazendo sinal de zíper com as mãos sobre a boca. Antes que eu pudesse sair da sala pude ouvir as risadas do loirinho atrás de mim. – Eu mereço…

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...