1. Spirit Fanfics >
  2. O herdeiro do clã Uchiha e a Princesa do Byakugan >
  3. Capítulo 3 - Quero um Uchiha

História O herdeiro do clã Uchiha e a Princesa do Byakugan - Capítulo 3


Escrita por:


Notas do Autor


boa noite, mais um cap

Capítulo 3 - Capítulo 3 - Quero um Uchiha


Pov Itachi.

 

- Itachi que bom que acordou meu filho ... seu pai quer falar com você, é sobre ontem mas eu já expliquei o que aconteceu. – minha mãe disse e eu sorri para ela.

- Tô indo para o escritório dele – digo atravessando o corredor da nossa casa.

Bato a porta e ele permite que eu entre.

- Sente-se vamos conversar – ando em direção a poltrona preta em frente a mesa dele e me sento.

- Soube que tinha uma Hyuuga aqui ontem.

- é verdade, ela veio até o clã por que ninguém buscou o Hiro.

- Vou conversar com Shisui depois.

- Todos te viram acompanhados dela e me contaram.

- Otousan, eu só fiz o que a Okaasan mandou. Se ela ficasse sozinha ela iria morrer e nós esntrariamos em guerra com os Hyuugas.

- Sei disso ... não quero uma guerra com Hiashi. Os dois lados sairiam perdendo.

- Entendo...

- Era só isso ... queria saber sua versão da história, pode ir – ele disse eu me retirei do escritório.

 

Me apresso e vou trabalhar.

.

.

.

 

Pov Hinata.

 

- QUEM FOI O HYUUGA QUE ENTROU NO CLÃ UCHIHA... – Hiachi gritava em todo o clã.

- ESSA PESSOA SERÁ PUNIDA – não podia deixar ninguém ser punido por minha causa.

- Otousan ...

- AGORA NÃO HINATA. – ele disse sério.

- Fui eu ... – Ko disse me olhando. Eu não entendi o por que, entrei em despero.

- Ko por que fez isso?

- fui barganhar um pergaminho sobre o sharingan.

- Conseguiu ?

- Sim Hiachi-Sama ... consegui.

- Não vou te punir, você fez um bom trabalho ... mas foi visto. Tenha mais cuidado.

- Hai Hiashi-sama. – ele fez uma reverencia.

 

Todos voltaram as suas respectivas atividades e eu fui atrás de Ko.

 

- Ko por que fez aquilo? – perguntei e ele sorriu.

- Só disse a verdade hinata-sama.

- Sabemos muito bem que não Ko – eu disse o encarando.

- Hinata-sama você estava tão feliz ontem com o rapaz, eu pude vê quando chegou.

- Eu não podia estragar sua felicidade. – ele me disse.

- Ko não faça mais isso é arriscado... não quero que se meta em problemas.

- Digo o mesmo.

 

Dei um abraço nele e fui trabalhar.

Corri e cheguei na hora da reunião com Shino e Ituka-sensei, ficamos conversando sobre os alunos de nossas turmas e se seriam adiantados ou não.  E outras coisas sobre diário escolar, planejamento de aula, novas matérias coisas desse tipo.

Depois fui para a sala esperar meus alunos chegarem, enquanto isso eu fiquei mexendo no meu celular vendo as mensagens que tinham chegado.

 

INO: COMO ASSIM VOCÊ TEVE UM ENCONTRO COM ITACHI GOSTOSO UCHIHA

Às 07:40.

 

- Meu Kami ... – disse olhando para o celular.

 

Depois eu te explico vou trabalhar agora, a proposito não foi um encontro.

Às 07:41.

 

INO: Vai explicar mesmo ... quero saber de tudo.

Às 07:42.

 

Vamos no churras-ko de noite, lá te conto o que aconteceu.

Às 07:43.

 

Meus alunos começaram a chegar, vi que a loira concordou com o almoço... comecei a dar aula sobre as cinco áreas elementares básicas de transformação da natureza.

Entreguei um papel de chakra para cada aluno meu e mostrei para eles os elementos,

- As reações do papel de chakra são as seguintes:

- Fogo: o papel vai inflamar e virar cinzas. – disse olhando para eles.

- Vento: o papel será dividido em dois.

- Relâmpago: o papel vai amassar.

- Terra: o papel vai virar a sujeira e esfarelar.

- Água: o papel vai ficar molhado/úmido.

 

Vi cada um deles descobrindo seu elemento de chakra foi muito legal.

 - Meu elemento é o fogo – Hiro disse.

- O meu é água.

- o meu terra.

- O meu vento

E as crianças foram se empolgando e gostando da brincadeira dos elementos.

A aula foi tranquila e tudo acabou rápido, vi que era o final do expediente e fui em direção ao Churras-ko me encontrar com a loira.

Cheguei ao local e a vi sentada, Sakura também estava junto com ela eu me aproximei e sentei ao lado das minhas amigas.

- Olá meninas – eu disse chegando na mesa, escorregando no banco.

 -Olá nada ... conta o que eu quero saber – Ino disse.

- Ino você está enganada eu não estava em um encontro com o irmão do Sasuke.

- Sei sei ... agora conta do começo.

- Calma porca. – Sakura disse.

- Bom, eu sou sensei de um pequeno Uchiha e os pais dele não foram buscar eu fui deixar ele no clã e uma mulher pediu o filho pra me acompanhar de volta por que estava tarde e eu era uma hyuuga no clã uchiha ... não pegou bem, nisso eu fui acompanhada por ele até o clã, mas parei em uma barraquinha e comprei dango por que eu tava com fome ... foi isso.

- Você conheceu a mãe do Sasuke... – sakura disse.

- Sim e ela é linda e educada.

- E os filhos são gostosos ... todo o clã é abençoado por beleza – Ino disse desejando todos os uchihas.

- Mas como ficaram sabendo disso?

- Naruto contou pra gente... – Sakura disse.

- Ah sim.

- Você ainda gosta dele ?

- Não, ele me traiu ... eu só dei amor pra ele e ele me traiu com a Shion.

- A gente soube na época ... – Sakura disse.

- Gente vamos falar de outras coisas - disse cortando o assunto

- Simmmmm, vamos falar de Uchihas ... eu quero um pra mim – a loira disse.

- Vocês já tem os seus ... quero um ... – disse fazendo birra.

- Eu não tenho ninguém – eu disse.

- muito menos eu, Sasuke sempre pega todo mundo, nem sei mais o que sinto por ele. Eu o amo mas não tenho paciência ...

- Eu falei com Itachi-kun apenas uma vez isso não me faz ter nada com ele ... doida.

- Entendo ... mas ainda quero um. – ela disse empolgada.

Ficamos sentada comendo churrasco e conversando e tomando saquê, muito saquê, sim eu tomei bastante com a Ino por que não iria dar aula amanhã e a ressaca podia bater tranquilamente, ficamos rindo e tudo mais. Vimos um grupo de Anbus entrarem no estabelecimento e Ino já foi logo se atirando.

- Nosssaaaaaa quantos Anbus lindosss – A loira falou alto e estava um pouco alterada.

- Ino cala a boca  - eu gritei com ela.

 eles se viraram e reconheci o que estava sem mascara ...

- Gomen Kakashi – Senpai ela tá muito bêbada. – disse quando ele passou e parou por mim ... os outros pararam ao seu lado mas não reconheci ninguém .

- Hinata ... não tem problema, só leve a Yamanaka para casa antes que ela se sinta pior.

- Eu a levo – o mascarado falou e Kakashi olhou desconfiado.

- Não queremos atrapalhar vocês. – eu disse e percebi que um deles não parava de me olhar por debaixo da máscara.

- Não vai atrapalhar... faz parte do meu trabalho ajudar pessoas ... - quis mostrar que é prestativo

- Hina me desculpa eu recebi um telefonema do Hospital vou ter que ir – Saskura disse saindo apressada.

- Entendi ... bom acho que eu sobrei. Vou pedir a conta e você pode leva-la ...

- Hina não me deixa com o anbu, ele é um gato mas eu quero um Uchiha igual ao seu e da Saky -  A loira extrapolou na bebida e ficou falando pelos cotovelos.

- Ino para com isso ... já te falei que não tenho Uchiha nenhum, olha para mim eu sou uma Hyuuga se isso acontecesse Konoha ia ter uma guerra civil – Kakashi olhou para outro cara de máscara, o que me olhava fixamente.

- Yamanaca você não pode beber dessa forma – o Anbu disse...

- Eu sei, foi por que estávamos comemorando – ela disse.

- O que ? – ele perguntou curioso

- Minha promoção ... agora eu trabalho pra inteligência do Hokage. – a loira nem tinha mencionado isso, escutei de longe e paguei a conta logo voltei.

- Ino vamos... – disse olhando para ela.

- Ele me leva Hina, pode ir pra casa – loira imprudente do cacete, não decide se quer o Anbu ou não.

- Então eu já vou indo Ino e... Kakashi-senpai dê um beijo na Mirai por mim. – ele assentiu com a cabeça eu saí em direção a porta do restaurante e vejo o outro Anbu o que me olhava fixamente andando ao meu lado.

- Não estou bêbada como minha amiga, não se preocupe.

- Pode voltar pra dentro, você deve está cansado do trabalho ... – disse olhando e ele não disse uma palavra.

 Apenas foi me seguindo. Eu fui andando em direção ao clã, mas depois decidi ir para o lago, queria pensar um pouco sobre as coisas que estavam acontecendo e esse anbu não parava de me seguir.

- Volta pra lá ... não quero atrapalhar você. – digo e continuo andando, após alguns minutos eu chego ao local que queria.

Quando ele vê que estamos sozinhos perto do lago ele tira a máscara e sorri.

- Itachi-kun.

- Hina-chan... você está um pouquinho alterada.

- Gomen, foi o saquê.

- Eu ia para casa, mas eu gosto de observar a paisagem e eu amo esse lago.

- Entendo.

- Me desculpe pelo que minha amiga disse, agora que me toquei que você escutou tudo. – eu abaixei a cabeça com vergonha.

- Não tem problema... somos apenas amigos.

- Acho que vou colocar meus pés no lago... – disse e corri para abeira do lago, me sentei na ponte subi a calça e coloquei os pés na água... é eu estava um pouco bêbada. 

Ele veio se sentou ao meu lado e ficamos observando a paisagem, a lua, as árvores ... tudo lindo.

- Está lindo ... – eu disse olhando a paisagem.

- Como você – corei ao escutar isso.

- Itachi-kun ... obrigada pelo elogio, acho que já vou pra casa.

- Fica mais um pouco, eu gosto da sua companhia.

- Tá bom. – meu coração acelerou

- Itachi-kun você teve problemas no seu clã? Aquele dia ?

- Lie.

Eu balançava os pés na água e olhei para cima, o céu estava lindo as estrelas tudo lindo ... estava perfeito, ele olhava para o céu também, fui ficando com sono por causa da bebida e me apoiei no ombro dele, sentada no lago, me aconcheguei no pescoço dele que tinha um cheiro de Anba com toque amadeirado de carvalho ... fiquei um tempinho lá sem ele se mexer e eu apaguei, sentindo seu suave perfume. 


Notas Finais


que lindo ... hahaha


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...