1. Spirit Fanfics >
  2. O Herdeiro Uchiha - Itachi x Sakura >
  3. Precisamos Conversar- Itachi e Sakura

História O Herdeiro Uchiha - Itachi x Sakura - Capítulo 26


Escrita por:


Notas do Autor


Pessoal, espero que gostem desse capítulo. Favoritem e comentem por favor, é muito importante saber se estão gostando.
Obrigada 😊

Capítulo 26 - Precisamos Conversar- Itachi e Sakura


Fanfic / Fanfiction O Herdeiro Uchiha - Itachi x Sakura - Capítulo 26 - Precisamos Conversar- Itachi e Sakura

Itachi-

Voltei para casa animado com os meu planos. Ia cedo até uma joalheria que era de um conhecido da família e compraria uma joia para dar a Sakura. Queria que o pedido fosse perfeito.

Cheguei em casa e fui direto para o quarto, me lembrando do que aconteceu ali só olhar para a cama e ver que ela estava um pouco úmida nos pontos que deitei e meu cabelo encostou.

Tirei a colcha da cama e me deitei pensando em Sakura. Eu estava cada vez mais apaixonado e não deixaria que nada nos atrapalhasse.

Tirei minhas roupas e fiquei só de cueca. Fechei os olhos tentando dormir mas em vão. Estava ansioso para o dia seguinte.

(...)

- Itachi, está muito cedo! Você não tem pena do seu amigo?- perguntou Shisui atendendo a porta só de cueca.

Ele me deixou entrar, nesse momento vi Ino parada na cozinha. Ao me ver ela ficou um pouco vermelha mas me cumprimentou.

Fiquei um pouco surpreso ao vê-la na casa do Shisui, mas fiquei feliz por eles estarem se acertando. 

Ela me ofereceu chá e eu agradeci.

- Que bom que encontrei você aqui Ino! Quero te pedir ajuda com uma coisa- disse e expliquei a ela o que eu pretendia fazer.

Ino se sentou e bateu palmas de felicidade ao ouvir meu plano.

- A testuda vai amar! Queria muito ser uma mosca para ver a reação dela! - disse Ino levantando e andando pela cozinha pequena.

Dei um sorriso ao ver como ela estava empolgada com tudo. E como ela se importa com a amiga.

Shisui apareceu com os cabelos molhados mas todo vestido e deu um beijo em Ino. Ela ficou vermelha e se sentaram na minha frente. Notei que eles fazem um casal perfeito.

- Então, o que vocês estão planejando?- perguntou Shisui e Ino contou a ele tudo animada.

- Nossa, Itachi, a Sakura te fisgou mesmo. Você nunca foi disso- disse Shisui se levantando após tomar café.

Olhei para ele dando um sorriso irônico. Estávamos eu e ele na cozinha, Ino foi buscar a bolsa.

- Como se você pudesse falar algo! Você nunca deixou nenhuma mulher dormir aqui. E olha você e a Ino agora, fazendo coisas de casal- disse rindo.

- Nem me fale! Essa mulher me deixa louco- falou Shisui com um brilho nos olhos.

Me levantei e fomos andando. Ino disse que não poderia demorar, tinha que ir trabalhar no hospital de Konoha.

Chegamos ao Centro de Konoha rapidamente e fomos direto na joalheria que eu queria. 

Ino ficou olhando as vitrines impressionada com os anéis e brincos que tinham ali.

Falei com o joalheiro e disse que queria algo especial para Sakura, mas não queria necessariamente um anel, isso eu deixaria para dali um tempo. 

Ele nos mostrou algumas pulseiras e brincos, mas nada chamou a minha atenção até que vi na vitrine um colar simples. Eu o apontei e perguntei sobre ele.

Era uma corrente fina de prata com um pingente pequeno com uma esmeralda que reluzia em formato de gota. Ao olhar para ele me lembrei da cor dos olhos dela.

Sorri e o apontei satisfeito.

- É esse, pode embrulhar que irei levar- disse animado.

Ino sorriu e disse que Sakura iria amar o presente. Saímos da joalheria e ela se despediu de nós e foi em direção ao hospital.

- Vocês estão namorando?- perguntei a Shisui enquanto caminhávamos de volta até o Distrito Uchiha.

Shisui enfiou as mãos no bolso e ficou calado por um tempo até que me olhou e deu um sorriso.

- Pedi Ino em namoro ontem, não quero perder essa mulher- disse ele vermelho dando um sorrisinho.

Assenti e sorri para ele. Shisui merecia ser feliz. 

(...)

Perto da hora do jantar eu corri até uma floricultura e comprei um buquê de rosas para dar para a mãe de Sakura.

Estava com uma calça preta, blusa branca e blazer preto, meus cabelos estavam soltos.

O presente de Sakura estava embrulhado em um estojo com uma fita vermelha. Eu o guardei em uma sacola. 

Cheguei no endereço indicado e bati na porta. Estava ansioso. Quem abriu foi Sakura. Ela me olhou e deu um sorriso deslumbrante.

(...)

Sakura-

Acordei tarde, havia desligado o despertador. Me espreguicei e olhei em volta. Queria ficar na cama sem fazer nada. Mas teria que me levantar. 

Tomei meu café sentada no sofá de pijama. 

- Hoje irei relaxar- disse pegando meu livro de romance e me deitando no sofá.

Fiquei assim até o horário que estipulei para começar a me arrumar. 

Fui tomar banho e lavei os cabelos, deixando eles soltos para secarem naturalmente.

Escolhi uma saia midi preta e uma blusa de manga curta verde escuro, ela possuía um decote arredondado e deixava meus ombros de fora. 

Escolhi uma sandália simples, de tiras finas preta e salto alto fino.

Meus cabelos estavam completamente secos e passei um óleo nas pontas só pra dar uma hidratada.

A maquiagem fiz algo simples e passei um batom rosa claro nos lábios.

Me olhei no espelho e fiquei satisfeita com o resultado. Tranquei o apartamento e guardei a chave na bolsa.

(...)

Itachi estava parado na minha frente, ele estava lindo. Senti meu rosto esquentar ao olhar para ele. 

- Boa noite Sakura- disse Itachi me dando um beijo carinhoso na testa.

Ele trazia um buquê de flores e ao me ver olhar para o buquê deu um sorriso de lado entrando na casa.

- Essas não são para você- falou baixo me vendo corar.

Minha mãe apareceu junto com meu pai e vieram cumprimentá-lo. 

- Essas flores trouxe para a senhora Mebuki-san, espero que goste- disse ele e minha mãe abriu um sorriso gigantesco e o agradeceu.

- Você é tão gentil Itachi! Muito obrigada- disse indo colocar as flores num vaso.

Nos sentamos no sofá enquanto minha mãe terminava o jantar. Meu pai conversou animadamente com o Itachi e fomos jantar. Minha mãe o encheu de perguntas e insinuações sobre nosso relacionamento, eu queria me enfiar em um buraco de vergonha.

Itachi respondeu a todas as perguntas com tranquilidade. 

Minha mãe fez uma comida muito boa. Itachi a elogiou bastante por isso e vi o peito dela inflar de orgulho.

Fez ainda a minha sobremesa preferida e comi feliz. Itachi recusou educadamente. 

- Você não sabe o que está perdendo- falei enfiando a colher na boca.

Itachi me olhou saborear o doce e sorriu.

- Posso imaginar- disse baixo me olhando atentamente.

Comemos e decidimos ir embora, no dia seguinte eu teria que ir para o hospital cedo. 

Minha mãe fez Itachi prometer que iria voltar mais vezes na casa dela. Nos despedimos e ele segurou minha mão firmemente.

- Vem, vou te levar para casa- disse ele sorrindo.

(...)

- Itachi, você quer entrar?- perguntei timidamente.

Estava ansiosa e esperava que ele aceitasse. Não queria esperar mais. Eu o queria  na minha cama.

Ele sorriu e aceitou, fiquei um pouco nervosa mas respirei fundo. Me lembrei de tudo que Ino havia me dito, para não ter pressa e ir com calma.

Entramos e ofereci a ele algo para beber. Itachi pediu água. Enchi um copo grande e fui até o banheiro lavar as mãos e me olhar no espelho.

Peguei a escova de dentes e os escovei rapidamente. Retoquei o batom e ajeitei meus cabelos.

Voltei e me sentei ao lado dele. Itachi pegou minha mão e beijou meus dedos.

- Sakura, precisamos conversar- disse ele e senti meu coração acelerar, pensando que ele terminaria comigo.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...