História O caso do ônibus - Capítulo 2


Escrita por: e Jbg31

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Visualizações 14
Palavras 1.025
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 2 - Uma treta foi gerada por causa de porra


Fanfic / Fanfiction O caso do ônibus - Capítulo 2 - Uma treta foi gerada por causa de porra

O juiz começava batendo o martelo na mesa, e por incrivel que pareça, o juiz era Robson, o ex diretor da nossa antiga escola. O suspeito BG estava no lado do advogado Bruno, enquanto a vitma sem nome revelado, estava no lado do outro advogado

Juiz- ORDEM! O advogados estão prontos?
Bruno- ROBSON? VOCÊ? JUIZ?
Juiz- Senhor Juiz para você! Depois a gente conversa. O advogados estão prontos?
Bruno- Sim senhor.
Douglas- Estou pronto. Vamos começar logo
Juiz- Então ok, vamos começar essa merda!
[...]
BG- Ei Bruno! Aquele ali não é o Douglette?
Bruno- CARALHO! É MESMO!
Douglette- Quanto tempo, não Bruno?
Bruno- Douglette! Como você virou advogado de ataque?!
Douglette- Foda-se, decidi virar agora!
Bruno- Isso não faz sentido! Ah que se dane, vamos começar logo isso ae!

O juiz bate na o martelo na mesa, começando o tribunal.

Douglette- Enfim, gostaria de chamar a primeira testemunha. Chamo a vitma do caso, a senhora Margarete

Margarete é uma senhora de 30 anos, digo senhora pois ela tinha uma aparência muito de velha, provavelmente por que ela fumava muito. Enfim, ela então vai para o lugar onde fica as testemunhas, para explicar o caso


Douglette- Então, gostaria que você dissesse o que aconteceu lá no ônibus
Margarete- Eu estava sentada  indo para o meu local de encontro, que fica da federal...
Douglette- Pera, que coincidência! O suspeito e a vítima são da mesma faculdade! Continue.
Margarete- Eu estava indo pra lá, quando de repente esse jovem assediador GOZOU no meu ombro!
Bruno- OBJEÇÃO! O cara estava comendo um pão com requeijão! É impossivel ser a porra dele!
Douglette- Errado seu merda! Pegamos a camisa dela e fizemos testes. O QUE HAVIA DERRAMADO ERA REALMENTE GOZO!
Bruno- O QUE?!

As pessoas que estavam no juri popular ficaram supreendidas com a prova chave, e começaram a falar entre si. Mas claro, Robson teve que dar ordem.

Juiz(batendo no martelo)- ORDEM!
Juiz- Um teste de semen? Interessante!
Douglette- E eu ainda trouxe o semen em um frasco para provar para todos! Eu trouxe 125ml de semen, mas de acordo com a vítima, ELE GOZOU MUITO MAIS QUE ISSO!
Bruno- OLOCO! O cara que gozou isso tem um saco grandão que nem o teu!
BG- Eu não quero ir pra cadeia! EU SOU INOCENTE!
Bruno- Eu sei que você não faria algo do tipo... vamos lutar até o fim amigo!
?????- OBJEÇÃO!

Uma voz de um cara misterioso estava vindo da porta do tribunal. Era de alguem com uma voz extremamente familiar.

Douglette- QUEM DISSE ISSO?
Paulo Guina- Eu!!
Todos- PAULO GUINA?!
Paulão- Preciso revelar algo! BG é inocente e posso provar isso!
BG- Bruno, deixe ele como testemunha, rápido!
Bruno- Meritíssimo, quero botar Paulo Guina como testemunha.
Juiz- Ok senhor Bruno

Então, Paulo Guina vira testemunha, e começa outra onda de perguntas.

Bruno- Então Paulo Guina, gostaria de saber o que você tem a falar sobre esse caso
Paulão- Irei começar...
Paulão- É impossivel BG ter liberado mais de 125ml de gozo! Eu organizei uma puta orgia ontem a noite na casa dele.
Bruno- E VOCÊ NEM ME CHAMOU?
Douglette- É SEU FILHA DA PUTA! ME CONVIDAVA TAMBÉM!
Paulão- Vocês não respondiam no Whatsapp, então eu ignorei vocês.
Bruno- Enfim, continue.
Paulão- Naquela orgia, tava geral lá, a casa dele ficou cheia de porra, saia até porra pela janela do quarto dele! Portanto, É IMPOSSIVEL ELE TER GOZADO TUDO AQUILO NO OMBRO DA SENHORA!
Douglette- OBJEÇÃO! E se ele não gozou nessa orgia?! Ae sim ele poderia ter gozado isso tudo no ônibus.
Paulão- Hehe, mas se eu te falar que ele mandou umas mensagens no whatsapp falando que ele realmente gozou?
Juiz- Deixa eu ver a conversa por favor!
Juiz-....
Juiz-Hmmmm
Juiz- Realmente! Isso não é fake! E ainda mandou mensagem de voz!
[...]
Celular(Voz de BG)- Ae mano, gozei muito nessa orgia que você arrumou. Valeu cara!
[...]
Bruno- Agora imagino onde ele colocou o pinto, hehehehehe!
Douglette- OBJEÇÃO! Ele poderia ter um saco monstruoso!
Juiz- Como assim? Me explique por favor!
Douglette- Vocês nunca viram algum vídeo da atríz pornô Miho Ichiki?
Bruno- C.claro que já vi! Tem uns vídeos dela com uns caras que tem um sacos gigantes... oh merda....

As pessoas que estavam no juri popular ficaram supreendidas com a explicação, e de novo, o juiz teve que levantar ordem


BG- Caralho to vendo ela aqui no xvideos, mó gostosa.
Bruno- GUARDE ESSE CELULAR!
Juiz(batendo o martelo)- ORDEM, ORDEM!
Bruno- Ah Douglette, você não me deixa escolha!
Juiz- Como assim?
Bruno- Douglette, eu quero examinar esse frasco de porra.
Douglette- Hmmm, ok.

Bruno abre o pote de porra, pega um pouco com o dedo e coloca na boca.

Douglette- AHH QUE NOJO! O QUE VOCÊ TA FAZENDO SEU GAY?
Juiz- ISSO É PEDERASTIA, SENHOR ADVOGADO DE DEFESA!
Margarete- Meu Deus...
Bruno- Hmmm, essa porra... com certeza não é a dele!
Douglette- O QUE?!

AGORA ESCUTE A MÚSICA QUANDO QUASE ACABA O CASO DO PHOENIX WRIGHT (phoenix wright cornered)


Juiz- COMO ASSIM ESSE GOZO NÃO É DELE? ME EXPLIQUE!
Bruno- O gozo de BG é muito mais salgado que esse daqui. Esse gozo que acabei de provar parece ser muito... doce!
Douglette- UM MOMENTO! Esse esperma ficou guardado por 24 horas!
Bruno- Onde ele ficou guardado?
Douglette- A porra ficou guardada em uma geladeira especifica, e....
Bruno- OBJEÇÃO! O gosto da porra não muda quando fica em geladeira! Sei disso por experiência própria! E alias, esse gosto é muito familiar!
Douglette- EXIGO UM TESTE DE DNA NESSE GOZO!
Bruno- Hm, aceito essa proposta!
Juiz- Enfim, enviarei essa porra para uma clínica. BG, preciso que você vá para a clínica junto com um auxiliar meu!
BG- Entendido!
Juiz- O próximo tribunal será amanhã. Vejo todos vocês amanhã

Todos estavam saindo, mas Bruno resolveu ficar por lá mesmo pois estava conversando com o seu amigão Guilherme no facebook, até sobrar apenas ele

Bruno- Hehe, esse cara é muito foda! E... pera, aquela mulher vítima esqueceu a bolsa dela!
Bruno- Hmmm, a bolsa dela está aberta!
Bruno- Pera, um papel amassado! Deixa eu ler.
Bruno- Não brinca! Eu tenho que usar isso como prova amanhã!

CONTINUA



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...