1. Spirit Fanfics >
  2. O idiota que caiu com o carrinho. >
  3. Idiota lindo.

História O idiota que caiu com o carrinho. - Capítulo 1


Escrita por:


Notas do Autor


Espero que gostem, tentei deixar engraçado kkkk (acho que) fiz meu melhor.

Bom, não vou enrolar aqui. Boa leitura♡

Capítulo 1 - Idiota lindo.


Tudo começou comigo indo pro mercado, eu tava entediado e decidi que isso era uma boa ideia pra animar. Já tinha estacionado meu carro e estava indo na direção da entrada enquanto falava no celular

- Aniki, estou no mercado, sinto muito, se tivesse chegado na minha casa um pouco mais cedo isso não teria acontecido

- Sério isso, Sasuke?! - revirei o olho, tenho um hábito de fazer isso o tempo inteiro - Eu estou aqui no seu apartamento já! Vou ficar aqui, tomar um café, e esperar assistindo um filme... - e Itachi continuou a falar, eu mereço isso? Me arrependo de ter dado a chave do meu apartamento pra ele.

Estava chegando na entrada do mercado quando um rapaz loiro saiu do mercado com um carrinho, mas quando vai descer a calçada o carrinho deu um giro para frente e levou ele junto que caiu batendo a cabeça e depois as costas. Ele sentou todo desnorteado e eu que tava parado ainda em choque desliguei na cara do meu irmão e corri pra ajudar o loirinho idiota.

- Tá tudo bem? - Eu perguntei estendendo a mão pro garoto que segurou e depois ficou me encarando. O loiro tinha os olhos mais azuis que já tinha visto, era lindo.

Ficamos mais um tempo se encarando. Quando eu consegui me concentrar no que eu estava fazendo de novo, puxei ele pela mão pra que ficasse em pé e voltei a perguntar

- Oe dobe, tá tudo bem?! - perguntei mas ele nem parecia estar prestando atenção no que eu falava

- Você é a pessoa mais linda que eu já vi na minha vida - ele falou isso me olhando tão intensamente que eu senti minhas bochechas esquentarem - Q-quer d-dizer... - acho que ele percebeu o que tinha falado e corou também envergonhado.

- É, eu sei disso. - falei convencido depois de me recuperar

- Mas tô vendo que é um convencido arrogante - ele disse soltando minha mão, que ele segurava até agora, e colocando na cintura rindo - Uzumaki Naruto, prazer - ele disse estendendo a mão de novo

- Uchiha Sasuke - disse apertando sua mão e vendo ele arregalar os olhos

- Das empresas Uchiha's?! - ele perguntou e eu confirmei, as pessoas sempre me tratam diferente por causa disso - Ah, agora tá explicado esse seu jeitinho - arregalei os olhos, nunca alguém me tratou assim... acho que já gostei desse cara

- Quer ajuda com as compras? - perguntei com um sorriso de canto e uma sobrancelha arqueada. Ele resmungou um sim e começamos a arrumar a bagunça que ele tinha feito na entrada do mercado, que por sorte estava vazio naquele horário - Pronto! Agora é só levar pro carro, dobe

- Esse é o problema, teme!! Meu padrinho disse que iria me buscar mas é um tarado que provavelmente não vai chegar aqui tão cedo - revirou os olhos, e acho que esses olhos que estão mechendo comigo pra eu pensar em fazer isso

- Vem comigo, vamos pra minha casa enquanto seu padrinho não chega - ele me olhou surpreso

- Leva estranhos pra sua casa todo dia assim?

- Não. Só os mais lindos - virei na direção dele pra piscar mas vi que estávamos perto demais. Olhei pra boca dele e vi ele lamber os lábios, tão convidativo. Estávamos quase nos beijando quando meu celular toca. Ele ficou todo corado e eu senti minhas bochechas esquentarem, me distanciei um pouco pra atender - Quem é? Inferno!

- Nossa... calma irmãozinho, tá estressado? - tinha que ser, revirei os olhos

- Fala logo, desgraça!

- Só liguei pra pedir pra comprar um refri pra eu comer com pipoca e- desliguei na cara dele, tava quase beijando o desconhecido mais lindo que já vi e ele me vem com essa.

Voltei pra onde o Naruto tava

- Era meu irmão... - o clima tava meio estranho quando no entramos no carro que eu agradeci a Deus, nem acredito tanto em Deus, quando o Naruto começou a falar sobre a vida dele e me perguntar sobre a minha

Quando cheguei no meu apartamento o Itachi tava fazendo pipoca e tinha um balde do lado que estava sujo, da pra ver que ele tá fazendo mais uma vez pipoca

Ele me olhou e depois olhou pro Naruto umas três vezes antes de abrir um sorriso malicioso. Lá vem!

- Olha só o que temos aqui... - ele foi na direção do Naruto, só parou quando lê lancei um olhar que dizia pra fuçar longe - Não vai me apresentar seu... amigo, Sasuke?

- Naruto, Itachi. Itachi, Naruto. - apontei pra cada um - agora pode ir embora, porfavor.

- Nossa, grossa! - ele resmungou e tirou o avental pra ir até a porta e antes de fechar gritar - Não esqueçam da camisinha!!

Meu Deus, eu xinguei ele mas óbvio que tava longe pra ouvir. Olhei pro Naruto ele tava muito corado, bela primeira impressão Itachi.

- Não liga pra ele, tem problemas mentais... um demente retardado. - falei e vi ele rindo, já é um bom começo. Fui até a cozinha, meu apartamento não era tão grande porque não gostava de me sentir sozinho - Quer pipoca? - ele aceitou e acabamos vendo filmes enquanto comíamos

Depois eu acabei deixando ele na frente do prédio dele. Na hora da despedida as coisas ficaram um pouco estranhas

- A gente se fala? - ele perguntou e eu concordei, já tínhamos passado os nossos números um pro outro. - Então é isso né? Até depois... - ele se virou pra ir mas eu não deixei, puxei ele de volta pela gola da camisa e lasquei um beijo, e ele correspondeu. E num é que beija bem? Fiquei sem folego. Além de lindo... aiai, meu dia de sorte.

- Agora sim... - falei depois de me recuperar, nós dois estávamos corados - Tchau - ele abriu um sorriso.

Meses depois já estávamos namorando. Hoje foi o dia que nos conhecemos e estamos comemorando, como todo ano. Se passou 3 anos dês daquele dia, quem diria que Uchiha Sasuke aprenderia a amar assim...

Conhecendo um idiota que caiu descendo um degrau com o carrinho...   









Notas Finais


Espero mesmo que tenham gostado dessa one-shot! Foi feita com amor e carinho.
Bjs!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...