História O início da procura - Capítulo 9


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Amor, Drama, Revelaçoes, Romance
Visualizações 10
Palavras 871
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Fantasia, Ficção Adolescente, LGBT, Luta, Magia, Mistério, Romance e Novela, Sobrenatural, Suspense, Universo Alternativo, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Espero que gostem do capítulo
Boa leitura e um beijo para quem quiser

Capítulo 9 - Nine


Fanfic / Fanfiction O início da procura - Capítulo 9 - Nine

Elisabeth off

Giselly on

Após Elisabeth sair bufando de raiva todos olharam para mim e eu dou um sorriso sarcástico

-Giselly, você não sabe? Sua mãe não te disse o que aconteceu com seu pai?

- Você conhecia meu pai? Digo assustada

-Bom... Devo ter me confundido você com outra pessoa

- Há sim digo sem graça (me dói falar do meu pai,ele era um homem bom,me dava brinquedos..  infelizmente quando tinha 10 anos ele faleceu)

O alfa se despede de mim e vai para sua toca, até que vejo na neblina o garoto insolente

- Se continuar me provocando assim eu não vou resistir Diz o insolente olhando meu vestido com cara de malicioso 

- você não percebe que sua presença e desagradável? Digo seca em rápidos segundos ele aparece ao meu lado segurando minha cintura

- e a sua é exitante ele diz irônico

Eu chuto a sua intimidade e ele cai de joelho no chão gemendo e diz 

- WOOOOW, você é forte amor diz ainda sentindo dor

Eu saio irritada e acabo esbarrando em uma senhora

- Me desculpa ,eu machuquei a senhora? Digo preocupada

- Não minha filha. Você é uma certo? 

Balanço a cabeça afirmando que sim 

- venha comigo, você deve estar com fome e cansada

A senhora sai me puxando, alguns minutos depois eu dou de cara com uma casinha aconchegante até que ela abriu a sua porta e eu entrei

- a casa da senhora é linda falo com um sorriso

- obrigado minha querida,a propósito meu nome é Aurora

- Ah sim, prazer senhora o meu nome é... Antes que eu pudesse terminar a frase ela me interrompe

- Giselly ela diz

- Sim kkkk,foi o alfa que disse a senhora ? 

- É.... Bem  .. sim.. ela se embaralha com as palavras

Após a senhora me dá comida eu fui ao banheiro de uns quartos tomar um banho e assim que sai vi umas roupas meio década de 90 na cama do quarto,visto as roupa que a senhora Aurora me emprestou e quando me Retiro do quarto a vejo sozinha na cozinha

- você pode ficar no quarto da minha filha tem roupas e banheiro ,fique a vontade

- há sim ,mas o que aconteceu com a filha da senhora? Pergunto ansiosa

- Bom... Neste mundo tem sereias,magos,Lobos,anjos,fadas,vampiros e bruxas, que sou eu. Os vampiros nunca gostaram de nós por temos o mesmo DNA de vocês humanos, enfim um deles matou a minha filha ela era um aprendiz e não tomou os cuidados que era preciso

- meus pêsames... Mas se um vampiro me ver ao lado de bruxas como a senhora,ele irá querer me matar? 

- bom, querer todos irão, mas nenhum Vampiro pode se alimentar de ninguém da Fantasize, pois a pena desse ato é a morte,mas se souberem que você é humana e está em nosso mundo acredite... todos irão querer te matar de qualquer forma. Irá haver uma guerra para matar você e de quem estiver ao seu lado. Acredite, irá ser um banho de sangue por isso precisamos tirar você daqui o mais rápido possível e até lá você é um ser Sobrenatural raro ou uma bruxa já que temos o mesmo sangue. O que você acha disso se Giselly?

- É... Gostei dou um sorriso cansado -acho que estou com sono

- sim seu dia foi agitado,amanhã cedo irei conversar com Alfa sobre como você irá sair daqui ela diz 

- boa noite digo indo para o quarto da filha dela,após entrar no quarto que era lindo escovo os dentes e me preparo para dormir

Quebra de tempo

Acordo com a luz do sol em meu rosto,escovo os dentes e tomar um banho quente, após procuro uma roupa moderna por mais que tivesse só roupas com estilo antigos por milagre encontro uma calça rasgada da cor preta e uma blusa um pouco mais guardada no fundo do guarda-roupa, me visto com as outras que encontrei e quando saio do quarto não vejo ninguém (talvez ela tenha ido ver o alfa)

Pego uma maçã e saiu da casa para caminhar um pouco, enquanto andava de cabeça baixa eu penso 

(Preciso voltar para casa,minha mãe deve estar preocupada.. sinto saudades)

Até que levanto minha cabeça e vejo ao longe um garoto pálido e com cabelos loiros,não sei porquê não consigo parar de olhar...de repente sinto uma mão em meu ombro e vejo Aurora

- o alfa está te chamando ela diz calma

- ok digo olhando novamente para onde o garoto estava porém não vejo mais ninguém

- o que foi? Esta procurando algo ou alguém?  Aurora disse olhando para mim 

-bom você não pode conhecer ninguém daqui então não me importa quem... vamos o alfa está te esperando

Saímos andando até a montanha 

-bom dia ,o senhor mandou me chamar? 

- bom dia Giselly.. sim ,eu mandei te chamar,preciso conversar contigo

-sobre ? Digo tensa 

- queremos saber se você pode ter poderes ou se já tem ,porém não está aflorado

- totalmente impossível digo como se fosse óbvio

-isso é o que iremos ver ,mas me diga ,você quer saber se tem ou se pode ter poderes também? 

- Bom... Sim

- ótimo, bom... Você já desejou algo é isso se realizou? Ou já tentou entrar no pensamento de alguém e já percebeu que tudo que pensava provavelmente seria o que a pessoa talvez estivesse pensando ? 

- bom,já aconteceu de .....


Notas Finais


Então gente,espero que gostem... Continua sábado a história,por enquanto fiquem na curiosidade kkkkkkkjjj
Obs- segunda e quinta posto tarde dmais por conta que tenho assunto tratado a religião para resolver,espero que entendam


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...