1. Spirit Fanfics >
  2. O INQUILINO 01 - jikook >
  3. 20

História O INQUILINO 01 - jikook - Capítulo 20


Escrita por:


Capítulo 20 - 20


Fanfic / Fanfiction O INQUILINO 01 - jikook - Capítulo 20 - 20


O dia amanheceu ensolarado , era fácil ouvir os som dos pássaros cantando , os primeiros raios de sol invadiram o quarto de jimin, e ele se espreguiçou na cama , queria ficar ali todo emrroladinho, e confortável mas a natureza o chamava , pegou o seu celular ao lado da cama e viu o horário.


7:30 manhã de sábado !


Se levantou , procurou uma roupa e foi para o banheiro , se banhou demoradamente e se vestiu ,pronto  só faltava passar o protetor solar, e estava pronto para ir a praia com Thor.


__ Estou saindo.
Falou olhando para a mãe que estava sentada no sofá assistindo televisão.
__ Não vai comer ?
Perguntou ,e Jimin franziu o cenho .


Carla está preocupada com ele ?


__ Depois você passa mal ,e o seu pai vai me culpar por isso , vá até a cozinha e como antes de sair.
Jimin riu sarcasticamente mas fez o que a mulher pediu , logo depois escovou os dentes e quando ia sair do quarto se esbarrou em ji.


__ Para onde você vai a essa hora da manhã ?
Questionou a jovem.
__ Vou a praia com o Thor , você quer ir ?
Perguntou torcendo para que a resposta fosse sim ,e ele pudesse passar um tempo com a irmã.
__ Não , o Jaebum vem me buscar para irmos ao shopping .
Respondeu, e Jimin fez uma careta .
__ Porque vocês não se grudam de uma vez ?
O rosado fez a pergunta mas não esperou resposta apenas saiu de casa batendo a porta com força .


Desceu as escadas rapidamente e foi ao encontro de Thor , logo os dois estavam dentro de um táxi rumo a praia .


Chegando lá o cachorro estava animado , corria para todos os lados ,e até se arriscava entrar na água vez ou outra , Jimin ria contente.


__ Pelo menos eu sempre posso ter a sua companhia.
Murmurou fazendo carinho na barriga do cão.
__ A minha também se você ainda quiser.
Jimin ouviu a voz mas não reconheceu então se virou rapidamente dando de cara com Yoongi sorrindo para si.


O rosado não tardou em dar um abraço rápido no amigo ,e os dois se sentaram na areia para iniciar uma conversa.


__ quando você volta definitivamente?
Jimin questionou enquanto olhava para o seu cachorro brincando com a bolinha.
__ Acho que não volto , mas vou estar sempre aqui por causa da clínica.
Yoongi explicou.
__ Como vão as coisas com a Dawon ?
Perguntou.
__ Difíceis , algumas coisas aconteceram ,e isso desgastou nosso relacionamento , nem sei dizer se ainda estamos juntos.
__ Sinto muito.
Jimin Murmurou , ele era definitivamente péssimo para dar conselhos, e Falar sobre relacionamentos.
__ Ela é uma boa pessoa sabe , mas deixou todos de lado depois da tragédia, inclusive eu .
Murmurou .


Jimin queria questionar qual foi a tragédia mas ficou com medo de parecer intruso , o rosado falou com a mulher algumas vezes depois que Yoongi mudou de cidade , não eram próximos , mas ela parecia ser uma boa pessoa .


__ Espero que o Jungkook consiga colocar juízo na cabeça dela.
Falou sorrindo ,e Jimin o encarou.
__ O Jungkook conhece sua namorada ?
Perguntou.
__ Sim, na verdade nos conhecemos atravéz dela.
Contou, e Jimin Assentiu.
__ Ele está em outra cidade agora ?
O rosado Perguntou curioso ,e yoongi olhou para o relógio.
__ Deve estar chegando !


(...)


Jungkook dirigiu por cerca de quatros horas para chegar a cidade onde nasceu , estacionou o carro frete a casa dos seus pais, e saiu do veículo.


Respirou fundo antes de ir até a porta da casa e tocar a campainha , não era nada fácil estar ali , afinal foi onde tudo aconteceu.


Depois de tocar a campainha duas vezes a porta foi atendida pelo seu pai Dom e logo depois sua mãe Yun apareceu .


__ Que surpresa boa filho.
O homem falou, e logo o abraçou e sua mãe se juntou ao abraço.
__ Estava com saudades de vocês .
Falou sorrindo, e empurrou seu óculos para cima.
__ Entra filho.
Yun pediu, e Jungkook entrou .
__ Você chegou na hora certa , acabei de por a mesa do café .
Dito isso todos foram para a cozinha.


Já sentado com os pais e comendo o bolo de sua mãe que tanto gosta , começou a contar sobre tudo o que estava se passando em sua vida.


Jungkook estava feliz !


Mas algo preocupava seus pais , porque o filho estava ali , havia apenas uma explicação.


__ Você veio para ver ele , não foi ?
Dom Perguntou.
__ Sim pai , acho que devo a ele pelo menos uma visita de vez em quando.
Murmurou.
__ Você não deve nada a ele , você não tem culpa de nada filho..
A mulher falou tocando em sua mão , mas nada do que ela dissesse diminuiria a culpa que Jungkook sente .


Nada!


(...)


Por volta das três da tarde Jungkook chegou ao hospital , foi até a recepção e logo depois estava liberado para ir até o quarto , a cada passo que dava nos corredores , mas angústia sentia , iria ver outra vez o resultado de seu erro .
Abriu a porta com cuidado, e entrou .


__ Jungkook !
Dawon praticamente gritou quando o viu ,e correu para o abraçar.
__ Você disse que avisaria quando vinhesse .
Falou sorrindo .
__ Quis fazer uma surpresa.
Murmurou forçando um sorriso.


A mulher se pôs a contar tudo o que havia acontecido nesses dois meses que ele esteve fora , tudo nos mínimos detalhes , quando enfim a mulher deixou a sala alegando que iria comer algo Jungkook tomoy  coragem para se aproximar da cama.


Quando seus olhos encontraram a figura ali deitada na cama , seus olhos se encheram d'água, tocou a pele de seu rosto e sua mente foi invadida por muitas lembranças , se aproximou mais um pouco e selou a testa .


__ Ei , eu sei que você está me ouvindo.
Falou ,e respirou fundo.
__ Estou aqui por você , mais uma vez.
Sua voz estava embargada.


Seu coração acelerado , suas mãos soando , como era difícil ver alguém que outrora era tão vivo naquela situação.


__ Me desculpa Amor !


...



Notas Finais


Me deixe saber o que vocês estão achando?!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...