História O irmão da minha melhor amiga - Capítulo 24


Escrita por:

Postado
Categorias Cameron Dallas, Nash Grier, Shawn Mendes
Visualizações 513
Palavras 1.359
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Crossover, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 24 - Traição?


Cheguei da escola agora, o dia foi bem normal. Vou até a cozinha fazer pipoca pra mim e a Aaly, depois vamos assistir Harry Potter e a Pedra Filosofal.

- Assistem o meu filme favorito e nem me chamam - diz Shawn descendo as escadas.

-Oi, pensei que não estava em casa - digo

-Tava dormindo um pouco - ele chega me dá um beijo na bochecha e pega um punhado de pipoca.

- Isso explica a cara amassada - diz Aaly rindo.

- Minha querida, eu sou lindo até com a cara amassada. - ele diz rindo

- É verdade - digo e lhe dou um selinho.

- Namorem logo e parem de fazer cu doce. - Eu e Shawn nos olhamos e rimos.

Quando terminamos de assistir Harry Potter e a pedra filosofal começamos a assistir a Câmera Secreta. Já era umas 20:00 e precisava comer algo que sustentasse meu estômago sem fim.

- Vamos comer o que no jantar? - pergunto.

- Eu vou me encontrar com o Nash e o Cameron e não sei que horas volto, vocês podem pedir uma pizza, pizza é a melhor coisa - ele diz e sobe pra se arrumar. 

Eu e Aaly pedimos uma pizza de peperoni e ficamos ali no sofá mesmo fazendo maratona de Harry Potter. Quando já era bem tarde subo para meu quarto, tomo um banho, visto meu pijama, escovo meus dentes, organizo meus materiais pra amanhã e vou me deitar, Shawn ainda não tinha voltado, não quis mandar mensagem pra ele perguntando se estava bem e depois de uns minutos adormeço. 

Terça feira /7:00 da manhã

Acordo, faço minhas higienes, e coloco minhas roupas mais quentes lá fora tava caindo uma tempestade de neve. Quando desci Aaly já estava na cozinha. 

-Bom dia - digo 

- Bom dia 

Me sirvo de uma xícara de café e ligo a TV para ver as notícias e a previsão do tempo, programas de tiozão eu sei mas a tempestade de neve tava muito feia.

As aulas da Toronto High School foram canceladas por causa da tempestade de neve. Bom dia.

-Aaly é a nossa escola.

- Eu vou voltar pra cama, tchau.

- Vou fazer o mesmo - largo minha xícara de café na mesa e subo.

Antes de ir pro meu quarto, decido passar pelo quarto de Shawn pra ver se ele estava bem, abro a porta devagarinho pra não acordar ele, não acredito no que vejo, uma mulher loira muito parecida com Hailey deitada na cama dele nua e Shawn estava abraçado nela e dormiam igual anjos, no chão do quarto tinha várias roupas espalhadas. Fiquei perplexa e desço as escadas cambaleando e sento no sofá chorando baixinho. Como ele pode fazer isso? Eu pensei que ele gostava de mim e como ele pode perdoar ela? Ela tinha traído ele, mas agora parece que a traída aqui foi eu. Não conseguia respirar direito, eu amo o Shawn e ai acabo vendo uma cena daquelas, é muito pra mim, não quero nem ver ele mais. Fico chorando ali no sofá deitada encolhida e acabo adormecendo. 

- Hey, acorda - sinto mãos me chacoalhando, abro os olhos, vejo que é Shawn e lembro de tudo que eu vi, dou um pulo.

- NÃO ENCOSTA EM MIM - digo gritando.

- Por que? O que aconteceu?

- Além de traíra se finge de sonso, mas é muito cara de pau mesmo.- digo já com a voz um pouco controlada.

- Do que você tá falando? 

- Da mulher pelada que estava na sua cama a umas horas atrás. Quando você ia me contar que tinha voltado com a Hailey? 

- Como você sabe que eu dormi com a Hailey? Eu não voltei com ela, foi só uma noite e eu estava bêbado ontem, eu vou te explica...

- Não quero explicação nenhuma, nada que você diga vai fazer a raiva evaporar de dentro de mim. E você quer saber como eu sei que ela dormiu aqui? Bom, a BURRA AQUI foi lá no seu quarto ver se você estava bem e se tinha chegado em casa, mas vi que você tava muito bem e bem acompanhado ainda por cima. E saia da minha frente - digo me levantando e saindo de perto dele. Ele me segura pelo braço - Me solta - digo entre os dentes.

- Eu não vou deixar você sair daqui até eu poder explicar tudo - ele diz ainda segurando meu braço.

- Se é o único jeito de eu não ver você na minha frente nunca mais, pode ser e solta meu braço - digo me sentando no sofá e ele também, me distanciou dele quando ele senta do meu lado.

- Eu sai com o Nash e o Cameron, fomos pra um bar a umas 2 quadras daqui, e a Hailey estava no bar também só que eu juro que não sabia que ela estava lá, se eu soubesse eu nem tinha ido. Acabei bebendo demais e a Hailey chegou me beijando e trouxe ela pra cá e aconteceu aquilo que você sabe. Quando acordei hoje e vi ela do meu lado comecei a me lembrar de ontem e queria que fosse um pesadelo porque eu não amo ela amo voc..

-Ah me poupe desse discurssinho de eu te amo, por favor - digo o interrompendo 

- É a verdade, eu te amo, mas posso prosseguir?

- Não tenho outra escolha mesmo, você não vai deixar eu sair daqui.

- Bom, depois que eu percebi que não era um pesadelo eu mandei ela embora e pedi pra ela não contar aquilo a ninguém e pra nunca mais me procurar, porque eu não sentia mais nada por ela. Fim, eu sei que você tá com ódio, mas por favor me perdoa, eu te amo. - ele diz chorando.

- Limpa essas lágrimas falsas ai, e não, eu não te perdoo. Vai ser difícil te esquecer mas não impossível e eu estou indo embora agora mesmo daqui.

- Não são lágrimas falsas Alice, são lagrimas de dor e arrependimento e você não vai sair daqui olha o caos que tá lá fora e você vai pra aonde? Seus pais não voltaram ainda. 

- É só uma tempestade de neve não o fim do mundo e você não precisa saber pra aonde que eu vou - digo e vou em direção as escadas.

- Você não vai a lugar nenhum - diz Aalyiah parada de braços cruzados e parada na minha frente. 

- A quanto tempo você tá ai? - pergunto.

- A tempo suficiente pra entender a cagada que meu querido irmão fez. Sério Shawn? A Hailey? Você é tão burro assim? 

- Eu estava bêbado, não estava em sã consciência - ele diz ainda chorando e eu reviro os olhos.

- E o Nash e o Cameron não tentaram te parar? Eles não sabem de mim?- pergunto 

- Claro que sabem e tentaram me parar, mas eu não dei ouvidos a eles.

-Ai fica difícil te perdoar né Shawn? - digo suspirando

- Eu sei a tremenda burrada que eu fiz, mas me perdoa, se você me ama.

- Amar eu até amo, mas é que uma traição é difícil de perdoar, você sabe disso, mas parece que você perdoou ela num estalar de dedos, comigo já não vai ser assim tão fácil. E Aaly sai da minha frente, preciso arrumar minhas coisas.

- Você não vai embora, não de bola pro idiota do Shawn.

- OK, vou tentar. Mas é por você não por ele.

- Eu sei-  e ela me abraça


Shawn ficou trancado o dia inteiro no quarto, não quis almoçar e nem jantar. Vejo no noticiário que a tempestade não ia melhorar e as aulas foram suspensas a semana inteira. 

- Alice, eu sei que o Shawn fez burrada, mas já não deu de castigo por hoje? Ele ficou o dia inteiro no quarto sem comer nada, só chorando.

- Ai Aaly, eu to tentando perdoar ele, mas aquela cena da Hailey deitada ao lado dele me machucou muito.

- Entendo, vai descansa um pouco, talvez amanhã vocês conversam com mais calma.

- Tá bom, boa noite

Subo e faço tudo o que tinha que fazer. Eu e Shawn nem estamos oficialmente namorando e acontece tudo isso? Acho que estou pegando pesado com ele, vou dormir e amanhã falo com ele melhor.









Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...