História O jogador da minha vida. (Ruggarol) - Capítulo 16


Escrita por:

Postado
Categorias Sou Luna
Tags Ruggarol
Visualizações 340
Palavras 773
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Ficção Adolescente, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oie galera mais um capítulo pra vcs ❤❤❤
Tem hot hoje e não sou boa, então não reclamem 😂😂😂

Capítulo 16 - Capítulo 14


Pov Karol

Rugge estava estranho, digamos que inquieto.

Karol: O que foi Rugge?

Rugge: A Candelaria me convidou para participar do programa dela e meu técnico disse se eu não aceita to fora do time.  - Disse sentando no sofá, mexendo em seu cabelo.

Karol: Oh, por mim tudo bem, é só uma entrevista né?  - Na verdade não tava nada bem, sei do que aquela cobra é capaz.

Rugge: Mas eu disse que vou para seu programa primeiro, depois o dela.

Karol: Vai ser muito legal esse programa, é meu sonho que se tornou realidade, e saber que as pessoas que eu mais amo na vida estão me apoiando, isso não tem preço.

Rugge: Você merece, e garanto que isso é apenas o começo de um sucesso enorme!

Eu abrecei ele, nos beijamos e eu fui tomar um banho.

POV RUGGERO

Fui para o quarto e de repente vi Karol saindo do banheiro apenas de toalha, e nossa como ela ta linda assim.

Karol: O que foi?

Rugge: Gosto de ver você assim. - Me aproximei dela e comecei a beijar ela, um beijo quente, nossas linguas explorava cada canto da sua boca.

O ar se fez necessário e comecei a descer para seu pescoço, cmecei a dar beijos e pequenos chupões neles e fazendo Karol gemer.

Eu a deitei na cama e tirei a toalha dela deixando seu corpo nu a mostra, eu beijei ela de novo, e desci para seus seios, suguei seus mamilos que estavam duros então terminei e comecei a distribuir beijos por sua barriga, Karol gemia alto.

Então cheguei em sua intimidade que estava molhada e botei minha língua em seu clitóris e Karol gemia, vi que ela ja iria gozar.

Karol: Hummm... Rugge...e-eu... vou gozar.

Assim ela gozou e suguei tudo.

Ja estava muito duro, então fui até a gaveta e peguei o preservativo, retirei minha calça e meu boxe, coloquei o preservativo e pentrei devagar nela. Karol soltou um gritinho quando entrei de vez.

Esperei um pouco e comecei a me mover devagar nela.

Karol: Rugge... rápido. - Então comecei a me mover rápido, eu e ela só gemiamos, vi que logo ela iria gozar.

Rugge: Goza Karol, isso...

Assim ela gozou, dei mais cinco esticadas e também gozei. Retirei meu preservarivo colocando no lixo no banheiro.

Karol estava  com um sorrinho pra mim, entao me deitei no seu lado e beijei sua testa e dormimos de conxinha.

POV KAROL

Me acordei mais cedo que o normal,deve ser porque estou ansiosa, Rugge ainda estava dormindo e então me levantei devagar para não acordar ele.

Tomei um banho bem quente, e coloquei um vestido preto, me disseram que vão me dar a roupa que eu vou usar no programa então não vou me preocupar muito com isso, a make também fiz preta pra combinar com o vestido. To pronta, volto para o quarto Rugge  não estava lá, então desci para a cozinha e ela estava fazendo panquecas, abracei ele por trás.

Karol: Bom Dia ! - Ele virou pra mim olhando cada detalhe do meu corpo.

Rugge: Bom Dia, você ta linda.

Karol: Obrigada, tô super feliz, meu Deus não to acreditando, hoje vou gravar o comercial do meu programa ! Não vejo a hora de gravar o programa de vez.

Rugge: Com a participação de Ruggero Pasquarelli !

Karol: Como iria esquecer kkkkkj. Vou indo já para a emissora.

Rugge: Eu te levo.

Karol: Certeza?  Não vai atrapalhar? 

Rugge: Vai sobrar tempo, mas primeiro come essas panquecas que estão uma delícia.

Karol: Hummm... tão ótimas! -  Disse comendo as panquecas.

 Logo terminemos e Rugge me levou até a emissora.

Rugge: Boa sorte amor. - Disse me dando um selinho.

Karol: Obrigada, tchau. 

Rugge:Tchau. - Então desci do carro, e fui andando até entra na emissora. Até que escutei uma voz.

Cande: Então você é minha nova rival, certo?

Karol: Isso mesmo.

Cande: Seu programa não vai ter muito audiencia sabe disso?

Karol: Eu só sabia que meu programa vai ser um sucesso.

Cande: O Ruggerinho vai ir no meu programa sabia?

Karol: Claro que sim, mas primeiro ele vai no meu, por isso que ele adiou o SEU programa porque ele tem que ir no MEU.

Ela me pegou no pulso e falou:

Cande: Garotinha, não brinque comigo, você não sabe do que eu sou capaz. Você sabe que não tem chance competindo comigo, e eu te aviso, o Ruggero vai volta ser meu.

Karol: Larga meu braço agora. - Ela largou.

Karol: To esperando pra ver. 

Sai de lá com a melhor cara de deboche que eu tinha, e fui gravar meu comercial.

Continua...


Notas Finais


O que acharam?
Até o próximo galera ❤❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...