História O Jovem Perdido - Capítulo 1


Escrita por: ~

Postado
Categorias Originais
Tags Naruto
Visualizações 4
Palavras 285
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Droubble, Ficção, Luta, Magia, Mistério, Misticismo
Avisos: Álcool, Canibalismo, Estupro, Nudez, Sexo, Tortura
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Capítulo 1 - Um Homem e Seus Sonhos


Fanfic / Fanfiction O Jovem Perdido - Capítulo 1 - Um Homem e Seus Sonhos

A MORTE DOS INOCENTES

O pior dos invernos tinha passado, os alimentos eram escaços  grande parte deste tinha sido destinado aos nobres sobrando apenas migalhas para os plebeus, muitos roubavam uns dos outros para saciar sua fome varias mortes surgiram e uma liga nasceu, esta liga queria tomar total controle sobre os restos de alimentos eles não tinhão coragem de enfrentar os nobres, mas ainda buscam de todas as formas roubar o alimento dos fracos, sobre alei do forte oprimir o mas fracos. Se tornou um grande movimento, chamado de guerra do lixo chamada pelos nobres eles riam só de imaginar vários ratos brigando por lixo.

Quando imagino aquele dia, lembro me de minha paixão e aquele maldito homem, atirando e falando aquelas palavras podres "RATOS TEM QUE SER MORTOS" aquelas palavras ainda ecoam em meus ouvido, porco miserável  ainda vou te matar!!!

Quando entro em meus pensamentos me lembro daquelas semanas, e o doce som daquelas palavras.

???: Ei,ei Flape vamos voltar a aldeia para pegar  algumas sobras de alimentos não conseguimos nada afinal nesta caçada. 

Flape: Claro que não Antonieta ficastes resmungando todo o percurso como queiras que eu pegue quais queres caças.

Antonieta: Quem mandas tu mi trazer  para  dentro  da mata poderias estar querendo algo a mas com tais ações.

Flape ficou corado não imaginara que os pensamentos de Antonieta fossem tão desprovidos.

Flape: Estas louca mulher como insinuastes tais pensamentos sobre mim Ressaltou flape ainda com o rosto corado.

Antonieta: teu rosto não me negas que estas atrido por mim dando um leve sorriso quase que imperceptível ao olhar.

Flape abaixou seu rosto agora ainda mais corado e ficou a praguejar a mossa em seus pensamentos. 

continua, no próximo cap...

 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...