1. Spirit Fanfics >
  2. O laço de amor eterno - imagine EXO-Sky >
  3. Cap 3

História O laço de amor eterno - imagine EXO-Sky - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Cap 3


Fanfic / Fanfiction O laço de amor eterno - imagine EXO-Sky - Capítulo 3 - Cap 3

Saímos bem encima da hora, estávamos caminhando em direção a cafeteria que eles tinham nos convidados quando algumas garotas nos pararam.

Kai: Ah não acredito que elas nos acharam.- olhei e eram as garotas que davam em cima dos meninos na faculdade quando tinham a oportunidade-

Somy: Ah Kai oppa que conhecidencia.- ela empurra a Byeol que estava perto do mesmo e abraça o braço do Kai- anda malhando oppa?

Kai: Um pouco?- ele olha para a Somy e em seguida para a Byeol, as amigas dela Jisu e Maya fizeram o mesmo com o Chany e o Sehun, mas Sehun a afastou e pegou em minha mão, Kai e Chanyeol fizeram o mesmo-

Maya: Oppa você disse que iria me levar para tomar café.- Noori estava se mordendo para não matar aquela mortal-

Noori: Você disse isso Chanyeol?- ele olhou assustado para a mesma eu me soltei a mão do Sehun e a Jisu viu a oportunidade-

Iseul: Vamos para casa, temos coisas para fazer.- peguei o braço da Noori que se acalmou e saímos-

Jisu: Isso mesmo suas vacas vão embora.- ela me chamou de vaca? Pensei comigo- oppa passa o final de semana em casa comigo, meus pais vão viajar deixa que a vaca faz o trabalho- fui até ela com minhas garras prontas para cortar a garganta da mesma mas peguei só na bochecha fazendo pequenos furos-

Iseul: Escuta aqui sua porca, estou te dando um aviso que serve para as outras se não querem acabar em um matadouro- falei em seu ouvir oque iria fazer com ela a mesma começou a tremer e a chorar- espero que tenha me entendido.

Virei de Costa meu cabelo que estava preso pro um prendedor de ouro e rubis se soltou e saímos nos três os meninos até nos chamaram mas fomos para casa.

》Noori 《

Estava com tanta raiva que foi o suficiente para a escuridão escapar. Minha mãe me contou que quando nasci eles aprisonaram uma espécie de demônio, minha senhora Iseul sabia muito bem que se isso acontece era para me matar sem excitar.

Iseul: Como você está?- olhei para a mesma ela já estava com sua camisola vermelha- está em condições de fazer o feitiço?

Noori: E se der errado? Não posso arriscar a vida de minha senhora- ela suspira e me abraça-

Iseul: Já disse que odeio quando me chama assim, somos amigas. Então pode? Assim o demônio morre.

Byeol: Ela está certa, quando você tomar o sangue da Seul vai matar. E você não terá mais que carregar esse demônio maldito.

Iseul: Eu mesmo mato ele.- ela me olhou confiante e fomos para o porão a Byeol fechou a casa e desceu em seguida, preparei a mistura e a Iseul colocou seu sangue fazendo tudo brilhar ela mesma serviu- estão prontas para se tornarem imortais e para nos formamos nosso próprio clã?

Noori e Byeol: Sim- bebemos e fiquei zonza senti como se meu coração fosse arrancado e vi a Iseul com o mesmo na mão-

》 Sehun 《

Depis que as três saíram a Jisu não encontrou mais em mim e quanto tentava ela se esquiva. Pagamos o café para as três já estava escuro quando voltamos e vimos a luz do quarto da frente acesa olhei para o pesnedor de cabelo da Iseul é fui para a porta.

Kai: Onde vai?- olhei para o prendedor-

Sehun: Deixa para lá, vamos entrar quero tomar um banho.- entramos e tomei um banho, estava descendo de toalha quando a campainha toca- pois não? Iseul?- eu estava de toalha e ela com um sobretudo mas dava para ver que a mesma estava só de camisola-

Iseul: As meninas estão doentes e não vamos ir para a aula amanhã então elas pediram para mim entregar os números dos celulares delas.- ela me entregou o papel- o meu também está ai, nos vamos para a casa do meu tio depois da aula pode ser?- ela olhou para mim e sorriu-

Sehun: Sim, ah você deixou cair o seu prendedor de cabelo. Entra viu pegar ele.- ela entrou e olhou tudo- já volto.- subi correndo e me vesti peguei a presinha quando desci o Chanyeol e o Kai estavam servindo um chá para a mesma- aqui.- ela me olhou surpresa e pegou de minhas mãos-

Iseul: Obrigado- ela me abraça e meu coração começou a acelerar - Sehun por favor fala para a professor que não vou- ela me olhou com ternura e peguei em sua Buchecha- ah você é tão quente.- ela fala em quase que em um gemido-

Kai: Pode deixar nos avisamos os nossos, só cuide das meninas.- ela concorda e deu um beijo em minha bochecha-

Iseul: Até, tenham uma boa noite.- ela sou e fechei a porta-

Chanyeol: Acho que ela quer transar com você Sehun.- eu estava hipnotizado pelo sorriso dela- Sehun?

Kai: Ele tá hipnotizado.- ele entrou os dedos e sai do transe- cara você gosta dela né.

Sehun: Sim, ela é tão perfeita. Tão perfeita para mim.- subi e vi a Iseul só de camisola, era transparente e fazia todo o contorno do corpo dela- ah queria ter te falado que te amo.

Dormi e tive outro sonho com a Iseul ela e eu estávamos em uma lago cheio de cristais e ela estava nua em minha frente e vindo até com seus dentes sedutores sendo cravados em meu pescoço. Acordei de madrugada assustado e vi que ela estava tomando alguma coisa como não conseguia dormir fui pesquisar sobre ela é quando achei algo interessante.

》Iseul 《

As meninas estavam melhor mas presicavam comer, ou seja, sangue. Dei uma bolsa para cada uma e os olhos delas já estavam se adaptando a tudo mas. Algo me chamou atenção na janela do vizinho.

Iseul: Oque o Sehun está fazendo?- abri a janela deixando o frio da noite entrar e me apoiei no batente o mesmo percebeu que eu estava observando ele e faz a mesma coisa- não consegue dormir?

Sehun: Não, vejo que você também não.- sorrir e ele ficou corado- você é bem diferente das outras meninas, e a Jisu ficou bem assustada. Você sabe ser bem intimidadora quando quer.

Iseul: Ah sim, herdei isso dá minha mãe. Meu pai era mais misericordioso do que ela, também criada para ser uma rainha- dei risada e ele me olhou- ah me manda uma mensagem para eu salvar seu número- ele fez e salvei com o nome de Sehunni- prontinho.

Sehun: Ah Iseul você tem algum namorado?- ele perguntou corado estava escuro mas dava para ver, peguei pulei na janela dele e entrei em seu quarto- oque você está fazendo?

Iseul: Estava desconfortável, e respondendo sua pergunta- cheguei bem perto dele o deitando na cama- eu nunca namorei, minha mãe não deixava mas como sou de maior agora eu posso- me sentei em seu colo e ele se levantou e exitou em me tocar- está com medo?

Sehun: Não, é que você está quase nua.- olhei pra ele e sorri peguei uma das mãos dele e coloquei em minha cintura- você é tão macia e cheirosa- ele me abraçou-

Iseul: Ah você é quente, Sehun você gosta de mim?- ele ficou assustado mas mesmo assim o beijei- mas isso você não presica me responder, eu vou indo tenho que cuidar das meninas- tirei minha camisola- um presente.- pisquei e voltei para o meu quarto coloquei uma roupa e fechei a janela fui ver as meninas elas estava acordadas- como se sentem?

Noori: Bem, ah ser vampira é um máximo. Porque não nos transformou antes?

Iseul: A transformação só vai ser completa com o sangue humano eu sou vampira de nascença mas nunca tomei direto do pescoço de alguém.

Byeol: Ah não sei se é uma boa irmos para lugares isolados com os meninos.- ela se sentou na cama e tomou outra bolsa-

Iseul: Se isso acontecer, dem o sangue de vocês eles vão se curar mas cuidem para eles não morrerem se eles morrerem com o meu sangue no organismo eles vão se transformar.

Noori: Pode deixar vou cuidar direitinho do meu Chany.

Byeol: Vou tentar cuidar do Kai, ele até que é gentil.- ela sorri e nos jogamos na cama- ah espero que ele diga que gosta de mim.

Noori: Ah não acredito que a Byeol está apaixonada também, ah nunca achei que um mortal iria roubar bem coração- demos risadas e vimos o sol nascer- ah temos que arrumar as malas.

Iseul: Sim- fui para o meu quarto e vi o Sehun se arrumando para a faculdade sorri e ele não retribuiu- será que fiz algo de errado? Será que eu não deveria ter deixado minha camisola lá?- comecei a ficar corada- ah porque os humanos são confusos.

》Sehun 《

Antes da Iseul entrar no meu quarto eu consegui pesquisar algumas coisas que estavam me incomodando e o resultado desta pesquisa é que talvez ela era uma vampira isso acabou me assustando ainda mais depois que a mesma entrou no meu quarto. Desci e os meninos estavam tomando café, Eu não quis dizer nada para não assustar mas eu iria descobrir tudo a respeito dela.

Kai: Cara você tá muito estranho essa manhã, tudo bem?

Sehun: Sim, só acordei muito cedo e não consegui voltar a dormir. Em vocês acreditam em bruxas ,vampiros e ceifeiros.

Chanyeol: Olha eu fui criado crendo em bruxas mas porque essa pergunta?

Kai: É porque? Você descobriu algo? Vai me dizer que a minha gatinha é uma ceifeira?- ele deu risada-

Sehun: Eu estou achando que a Iseul é uma vampira. Sei lá ela tem um jeito hipnotizante e tem vampiros que usam isso para atrair suas presas, ela se da bem com animais noturnos e ela é sensível a luz do sol.

Chanyeol: Que bobagem, se ela for mesmo uma ela vai ser alérgica a prata ou a alho.

Sehun: Deve ser bobagem mesmo, mas que ela é hipnotizante isso vocês não podem negar- eles concordaram- já arrumei minhas coisas pelo que fiquei sabendo vamos sair mais cedo.

E realmente saímos mais cedo, o horário da sexta era apenas de manhã deixando a tarde livre, quando voltamos para casa tinha três jeep na frente as meninas estavam colocando algumas malas.

Sehun: Nossa vocês já arrumaram tudo?- elas concordaram-

Iseul: Pegaram os celulares por satélite?- as duas concordaram- bom, vamos? Sehun pegue suas coisas quero chegar antes de escurecer ainda mais que meu tio não vai estar em casa no final de semana.

Subi e peguei minhas coisas ela estava dentro do carro ligando para alguém, entrei e ela desligou.

Iseul: cinto por favor.- coloquei e saímos, pegamos a estrada e depois uma estrada de chão- já já chegamos, o Bagjwi vai estar nos esperando.

Sehun: Tudo bem, Iseul você não está cansado eu posso dirigir.- ela nega e pegou minha mão-

Iseul:Ah como eu queria esse tempo junto e sozinhos, acho que devo te contar algumas coisas se não irei morrer.

Sehun: Eu também tenho que queria ficar a sós com você, queria te perguntar uma coisa. Você disse que seu pai era um príncipe certo- ela concorda e não tira os olhos da estrada- eu pesquisei pelo seu sobrenome Darmy Vlady e achei um único príncipe diz que ele era um vampiro e que teve uma filha com uma princesa mortal e quando ele foi morto a esposa se transformou em um demônio. A filha assumiu o trono do pai mas como era uma criança sumiu quando iria completar 20.

Iseul: Onde quer chegar? Você acha que eu sou a princesa?

Sehun: Eu tenho certeza, Iseul me diz você é a princesa?- ela sorriu e ela tinha o mesmo sorri da imagem que tinha visto, o carro parou e uma casa simples estava em nossa frente e tinha várias pedras cristalinas- aqui é a casa do seu tio?

Bag: Senhorita como anda?- uma criança veio correndo até nos- princesa quem é esse?

Iseul: Esse é meu amigo- ela olhou para mim e sorriu- vamos entrando estou cansada- entramos a criança levou nossas malas- ah fique a vontade o Bag já vai fazer um chá, quer saber se sou a princesa romena que sumiu durante o baile de coroação- concordei- é sou eu, eu sou a princesa.

Fiquei assustado, ela era um demônio Não uma vampira, mas isso significa que ela tem 200 anos? Mas ela parece tão jovem.

Iseul: Oque foi? Já sei, você me acha estranha. Sabe tudo bem, se não quer ser meu amigo ou coisa do tipo eu posso dar um jeito. Assim você não irá se lembrar que eu existo.

Sehun: Não, por favor. Iseul, eu gosto muito de você e acho que te amo. Não eu não acho eu tenho certeza.

Continua no próximo capítulo 



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...