História O Lado Obsceno de Benjamin Florian - Capítulo 123


Escrita por:

Postado
Categorias Descendentes
Personagens Carlos de Vil, Chad, CJ, Dizzy, Doug, Dude, Evie, Gil, Harry Gancho, Jane, Jay, Lonnie, Mal, Personagens Originais, Princesa Audrey, Príncipe Ben, Uma, Zevon
Tags Chadrey, Devie, Hevie, Jarlos, Jonnie, Malen, Muma
Visualizações 52
Palavras 1.272
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Fantasia, FemmeSlash, Ficção Adolescente, Magia, Romance e Novela, Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Estupro, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Oi gente...Tudo bem?
Teremos um visitante
misterioso (Ah, vá!) como
vcs viram no título.
E teremos mais 2 participações:
Taylor Lautner-Diablo (Ex-Corvo de Malévola, Agora, Humano)
Kristin Chenoweth-Malévola (Mãe de Mal)
Merrin Dungey-Úrsula (Mãe de Uma)
PS: Resolvi colocar como Úrsula, a
personagem de "Once Upon a Time", do que
a Whoopy Golberg-que faz a voz dela em D2

Capítulo 123 - Bônus 78-Um Visitante Misterioso em Auradon


Fanfic / Fanfiction O Lado Obsceno de Benjamin Florian - Capítulo 123 - Bônus 78-Um Visitante Misterioso em Auradon

P.O.V Mal

Cheguei em casa exausta das "Aulas de Dança" e do "Namoro com a Uma", louca pra tomar um banho, jantar e dormir com o meu Ben.

-Boa noite, Majestade!-me cumprimenta Horloge enquanto pega a minha 'bolsa' e entrega para a Charlotte, que trás os meus chinelos.

-Boa noite, Horloge! Onde estão todos dessa casa?-pergunto à nosso mordomo-O 'Ben' já chegou?-completo enquanto tiro os sapatos. 

-Rei Adam e Rainha Bela estão na Biblioteca, os príncipes e princesas estão fazendo o dever de casa e o Rei Benjamin os está ajudando. Já Madame Samovar e Lumiére estão na cozinha com os 'últimos preparativos' do jantar, que daqui a pouco será "servido", Majestade!

Subi para meu quarto e fui direto para o banheiro, liguei o 'chuveiro' e enquanto a água "esquentava", me despi e soltei meus cabelos.

Entrei debaixo do chuveiro, me deliciando com a 'água quente' e lavando meus cabelos, até que senti os braços de Ben me abraçarem!

-Senti sua falta, "mon amour"! Como foram as aulas com as "meninas"? Aposto que a Uma se divertiu vendo você dançar, não foi, Mal?

-Como sabe que ela foi lá?-perguntei enquanto o abraçava e me sentia inebriada dele beijar meu pescoço-Alguém contou à você, Ben?

-Não! Eu deduzi que ela iria lá, porque depois que você saiu, alegou que estava com "cólicas". Eu desconfiei que ela iria espionar você!

-E você não está bravo?-perguntei enquanto ensaboava seu corpo e ele, o meu-Isso não vai implicar numa demissão para ela, vai, Ben?

-Não, "mon amour"! Dessa vez passa! Mas a próxima vez que ela me desobedecer e sair no meio do expediente, será demitida! Avise-a. 

Ao terminarmos nosso banho, ainda estava nua quando Ben veio por trás e sussurrou em meu ouvido para eu 'abrir as pernas' para ele.

Ele me debruçou na pia e me penetrando, puxou meu corpo de encontro ao dele e afastando os meus cabelos, mordeu o meu pescoço.

-Diga, Mal! A quem você pertence, "mon amour"!-ele sussurrou enquanto colocava um dedo em minha boca e eu chupava com prazer.

-À você, "mon roi"! Eu pertenço à você!-eu disse ofegante enquanto o sentia estocar em mim e me levar para o "paraíso" mais uma vez.

-Acho bom que saiba disso, Mal!-disse me colocando sentada na pia, dessa vez de 'frente' para ele e começávamos uma nova "rodada".

Terminamos essa rodada nos beijando e dizendo 'Je t'aime' ao mesmo tempo um para o outro, como sempre fazíamos ao nos amarmos.

Nos aprontamos, descemos para o jantar com a Bela, o Adam e os nossos amados filhos, que nos contaram como havia sido o dia deles.

No dia seguinte, Ben pediu para eu e Uma verificarmos algumas 'obras' em Auradon e mesmo com ela, tive a "sensação" de ser seguida.

Olhei para trás e vi um rapaz "todo" de preto, que nunca havia visto aqui em nosso reino. Não parecia que era "filho" de alguém daqui.

-O que foi, lindinha?-perguntou Uma sussurrando-Algum problema? Nossa! Você ficou pálida! É melhor você sentar um pouco! Venha!

Ela pegou um copo de água para mim e eu falei para ela que estava com a 'sensação' de ser seguida e ela olhou e viu que era o "rapaz".

Aproveitei para contar à ela, que Ben já sabia onde ela havia ido e foi a vez dela ficar "pálida", mas a "tranquilizei" dizendo que ele não havia ficado bravo, mas que a próxima vez, ela seria demitida. Não por ter saído no meio do 'expediente', mas por ter mentido para ele.

O dia foi passando e o rapaz continuava nos seguindo até entrarmos no escritório do Ben, onde fechei a porta. Uma, ficou em sua mesa.

-O que houve, "mon amour"?-perguntou Ben-Meu Deus! Está pálida! Uma, pegue um copo de água para ela, rápido! Ela está 'nervosa'!

-Um rapaz de preto estava nos seguindo e fez isso o dia todo, Majestade!-disse Uma enquanto me entregava a água-Ela já estava assim!

-Vá atrás dele, então, Uma! Pode ser que ele queira 'alguma coisa' de nós e esteja com vergonha de vir até mim!-disse Ben-Eu a acalmo!

Ela foi e voltou com o rapaz, que diante de nós, fez a costumeira 'reverência' e se dirigindo a mim, que estava sentada, ajoelhou e disse:

-Perdão por tê-la assustado, Majestade! Mas não creio que não esteja me reconhecendo! Estou em forma humana, mas sou eu, Diablo. Sua mãe, Malévola, conseguiu voltar à sua forma 'humana' com a ajuda de Úrsula, a mãe de Uma, e elas querem muito falar com vocês. Aliás, com a ajuda de Úrsula também, virei 'humano'para sempre, em troca de chamar as meninas. Malévola quer muito falar com Mal.

-Se Mal e Uma vão, eu também vou!-disse Ben-Uma, por favor, chame Harry e Gil para irem conosco! Lembre-se do que 'ocorreu' antes!

-O que minha mãe quer, Diablo?-eu perguntei ao "fiel escudeiro" de minha mãe-Ela não adiantou o assunto com você, que é fiel à ela?

-Não, Majestade!-respondeu ele-Depois, Úrsula também quer falar com a sua filha, que pelo que vejo, está se dando muito 'bem' aqui.

Nos aprontamos, pegamos a nossa limousine e fomos para a "Ilha" e lá chegando, para o "Castelo Bargain". Entramos: o Ben, eu e Uma.

-Ora, ora, ora!-disse minha mãe-Não é que Diablo conseguiu trazer minha 'garotinha malvada' para a mamãe? Como está, Rainha Mal?

-Estou bem, mãe!-disse a encarando-Como vai, Úrsula?-completei me "dirigindo" à mãe de Uma, que estava sentada próxima à minha.

-Estou bem, queridinha!-respondeu Úrsula enquanto ia com Uma para a sala próxima à nossa. Ela estava com pernas e sem tentáculos.

-Porque trouxe esse "Projeto de Fera"?-perguntou a minha mãe se referindo á 'Ben', que havia ficado encostado no "batente" da porta.

-Esqueceu que estou casada agora, mamãe? O Ben é meu marido e pai dos meus filhos!-respondi à ela-Fale logo o que você quer, mãe!

-O que acha que eu quero, Mal? A varinha, é claro! Porque não trouxe? E ainda me transformou naquela lagartixa horrorosa!-disse ela.

-Não, mãe! Você mesma se transformou naquela lagartixa! Sabe porque? Você não tem amor nesse coração de pedra, Dona Malévola!

-Me traga a varinha ou eu acabo com você e com esse "Projeto de Fera" que você chama de marido!-disse ela se levantando do trono.

-Estou morrendo de medo, mãe! Sabia que sou uma mãe "melhor" do que você foi para mim? Eu amo meus filhos com todo o coração! Mesmo que você tenha voltado à sua forma humana, você vai ficar presa na 'Ilha' para sempre, enquanto nós, voltamos para Auradon.

-O "Projeto de Fera" aí não está com raiva de ser "corno", Mal?-perguntou ela-A Úrsula me "contou" da "paixão" de vocês duas, sabia?

-Não, Malévola! Uma ajuda à apimentar meu casamento com Mal, além de ser o nosso "braço direito"no escritório no reino.-disse Ben.

-Mãe, nada que você diga vai me fazer ir buscar a 'varinha' para você!-disse-Ainda bem que você não quer conhecer seus netos, porque imagina a decepção das crianças de ter uma avó como você! Mas Bela, é uma "avó maravilhosa", por isso, dei até o nome dela à nossa filhinha caçula. O Rei Adam, é um ótimo avô também! E também tem o nome de nosso caçula. Ah! E o meu Ben é um pai 'maravilhoso'.

E dizendo isso, saímos "abraçados" e fomos para fora do "Castelo Bargain" esperar por Uma, que falava "alegremente" com a mãe dela.

Não demorou muito, ela saiu e se encontrando conosco, aproveitamos para 'verificar' mais algumas coisas de que a "Ilha" necessitava. 

Depois de falarmos, eu e Ben com minha mãe e Uma com a mãe dela, pegamos nossa limousine e voltamos pra nossa Auradon Preppy. 

***


Notas Finais


E então? Gostaram?
ATÉ QUARTA &
SONHOS MALÉFICOS!


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...