1. Spirit Fanfics >
  2. O legado do sexto hokage. >
  3. Novos sentimentos

História O legado do sexto hokage. - Capítulo 8



Capítulo 8 - Novos sentimentos


Já faz uma semana da luta do Reiko com o vilão e uma semana em que ele ganhou o apelido de canino roxo de konoha e por falar nisso o apelido cada vez mais crescia

Em Amegakure, e por lá nisso Shikamaru e sua equipe conseguiram ótimas pistas, ou seja eles completaram a missão, e nesse exato momento eles estavam voltando para konoha.

- Então vamos- Shikamaru perguntou após arrumar suas coisas.

- Sim estamos- os três responderam após arrumaram suas coisas, os quatros saíram do esconderijo com um capuz no rosto e foram para a saída da aldeia e quando se afastaram tiraram o capuz.

Já fazem alguns dias que Shikamaru e sua equipe estão a caminho de volta para konoha.

- Ahh finalmente chegamos- Miraí disse quando viu os enormes portões de konoha.

- Exatamente, quero descansar na minha cama- Izumi diz.

- Bom vão para casa e vou para o escritório do Hokage entregar o relatório.- Shikamaru diz quando eles passaram pelo portões.

Eles foram para casa e o Shikamaru foi falar com o Kakashi.

Reiko entrou em casa e foi direto para o quarto, onde tirou toda a roupa e entrou no Boxer e ligou o chuveiro fechando os olhos aproveitando a água.

Reiko saiu do Boxer pegando sua toalha e se secando e colocando em volta da cintura e saindo do banheiro, ele foi até a gaveta pegando uma Boxer branca e a colocando, pegou um short azul e a vestiu e colocou, e ficou secando o cabelo com a toalha e depois a pendurou para secar e foi para a cama e dormiu.

Ele acordou sonolento e viu que era 4:30 da tarde, ele se levantou da cama e foi até a até a cozinha e preparou um hambúrguer e quando terminou abriu a geladeira e pegou a jarra de suco colocando num copo e colocou de volta a jarra na geladeira.

Reiko colocou na mesa e começou a comer, quando terminou foi até a pia e lavou a louça.

E quando terminou foi para banheiro e começou a escovar os dentes.

Ele saiu de casa e trancou e começou a andar e resolveu ir na casa da Izumi e bateu na porta.

- Reiko,- diz a Izumi que estava vestindo um vestido vermelho.

- Oi Izumi você está ocupada- Reiko perguntou.

- Para você nunca, quer dizer não estou ocupada, porque a pergunta.

- Vamos dar uma volta- Reiko perguntou sorrindo.

-  Claro vamos, só vou avisa a minha mãe e já volto- ele entrou e avisou a mãe e voltou

Então os dois foram caminhando

-Quer ir aonde? -Izumi disse.

-Você escolhe.


-Podemos tomar sorvete ali na praça.

-Claro vamos- Reiko diz pegando na mão de Izumi e correndo.


-T-tudo bem.

Quando chegaram pediram sorvetes e se sentaram num banco para conversarem.

-Ei, ta suja sua boca, deixa eu limpar.

Reiko chegou perto de Izumi e limpou o sorvete que estava no canto da boca da garota, Izumi ficou totalmente corada.

-Obrigada Reiko.

-Por nada.

Eles tomaram o sorvete, conversaram sobre suas missões, muitas coisas, e ali ficaram um bom tempo.

-Está tarde tenho que ir- Izumi disse se levantando.


-Deixa eu te levar.


-Tudo bem.

Quando estavam andando, agora calmamente, Reiko pegou uma florzinha que achou e colocou no cabelo dr Izumi, e achou outra e entregou para ela dizendo: 

-Uma flor para outra flor -Reiko sorriu.

-Obrigada, está sendo gentil demais, quem é você e o que fez com o Reiko.

-Não corta o clima Izumi.

-C-clima?

-Ah chegamos, bom, boa noite.

-B-boa N-noite.


Reiko seguiu para sua casa e quando chegou seu pai já estava la.

-Reiko, onde estava?

-Estava dando uma volta com a Izumi.

-Entendi- Diz com um olhar malicioso.

-Não é nada disso pai.

-Eu não falei nada- diz levantando os braços em rendição.

-Mas pensou- diz apontando para seu pai.


Notas Finais


Eu vou fazer um fashbaak sobre o que aconteceu


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...