História O Livro - Capítulo 1


Escrita por: e Virgo-Sama

Postado
Categorias Histórias Originais
Visualizações 1
Palavras 840
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Comédia, Drama (Tragédia), Ecchi, Famí­lia, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Literatura Feminina, Luta, Magia, Mistério, Saga, Shoujo (Romântico), Slash, Sobrenatural, Suspense, Terror e Horror, Universo Alternativo, Violência, Yaoi (Gay), Yuri (Lésbica)
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Canibalismo, Drogas, Estupro, Heterossexualidade, Homossexualidade, Incesto, Linguagem Imprópria, Mutilação, Necrofilia, Nudez, Pansexualidade, Sadomasoquismo, Sexo, Spoilers, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Oi gente primeira fic minha espero que gostem. ☺

Ignore os erros de português por favor! 😢

Boa leitura! 😘

Capítulo 1 - Prólogo - O Livro da capa vermelha


Fanfic / Fanfiction O Livro - Capítulo 1 - Prólogo - O Livro da capa vermelha

Migthana 

Uma cidade aparentemente normal, não é uma cidade grande, mas também não é pequena. Muito bonita e aconchegante. E casas com padrões medievais. Flores, árvores e borboletas enfeitam a linda cidade, dando a ela um toque mágico, especial e único. 

Poucas pessoas sabem sobre as histórias da cidade. A milhares de anos atrás, quando o mundo era dominado por criaturas sobrenaturais, a cidade era a capital e palácio de um dos maiores demônio. Daruki

Daruki era um demônio tão cruel, mais tão cruel, que até os arcanjos da deusa Sônia o temia. Os arcanjos eram os seres mais fortes do mundo, com poderes comparados a divindades. Eles se reuniram para derrotar Daruki. Bruxas, anjos, lobisomens, vampiros, fantasmas e vários seres sobrenaturais se reuniram para derrotar Daruki. Mas depois de 500 anos eles conseguiram um feitiço que o derrotaria, já que o mesmo estava fraco de lutar contra vários monstro todos os dias. Pressentindo que o perigo de aproximava. Daruki escreveu um livro e o escondeu ele em uma árvore e selou a alma de sua guarda pessoal composta de sete crianças nos quais eram conhecidos como os sete pecados capitais (N/A=meio clichê né? Ou séria plagio? :x). Todos filhos de Daruki, os irmãos híbridos, cada um era filho de uma mãe diferente, cada um representava uma raça ou clã. Daruki antes de ser selado, gritou aos quatro ventos. 

-EU VOLTAREI E ME VIINGAREI DE VOCÊS SEUS MERDAS! 

Durante séculos tentaram achar o livro. Para Mas 300 anos depois, uma ninfa chamada Jacy o achou. Jacy se tornou a guardiã do livro e o protegeu por 400 anos. Antes de morrer selou a alma dela em uma pedra e a escondeu junto com o livro em um velho poço. 800 anos depois uma arqueóloga o achou e presenteou a biblioteca da cidade.  

Mas voltando ao presente. Esse livro se encontra intocado pelos historiadores, pois eles não deram muita importância após não terrem coragem de abri misterioso livro que apenas continha um bilhete que dizia:

 "Por favor não abram o livro! Ele irá  trazer desgraças a sua geração e ao mundo"

Como eram supersticiosos, eles apenas guardaram o livro junto  com outros de forma que ele permanecesse escondido. 


Mas vontando 50 anos ao presente, nessa cidade,  ha apenas duas escola na cidade de Migthana {Pronuncia- Miguiti rana}. A Hing Schol Academe {N/A= nome bosta da porra} e é la que nossa história/fic começa. 


~~~~~~~~~~~~~~~~~

Na biblioteca, um grupo de garotas arrumavam ela. Ou é o que elas deviam estar fazendo. 

-MEEEEEEEEEEELLLLL!!!!!  DESÇA DAI DESGRAÇA! VOCÊ NÃO É NINJA SUA LOUCA! - gritava uma garota de cabelos castanhos olhando sua amiga dando uma de louca mais uma vez. 

-deixa ela Bel, E VAMO TOCA FOGO NO MUNDO!? MUHAHAHAHAAAA!! HOJE EU TÔ PRO CRIME! - gritava uma loira pulando e colocando os fones de ouvido e logo colocando na play list do celular a sua música favorita- Pude te reconhecer assim que te vi. Como se estivéssemos chamando um ao outro. O DNA nas minhas veias me diz. Que você é quem eu venho procurando. - cantarolava ela num canto a musica em português sorrindo boba. 

-Ester ta cada vez pior- falava uma garota ajeitando uns livros na estante. 

-concordo Erika- falava Cristal mexendo no celular. 

- GENTE ALGUÉM ME HELPA!!!! TÔ CAINDO!!!! (T^T) - chorava Mel enquanto se segurava na estante que se inclinava. 

-eu te avisei! Agora morra ai- falou Bella terminando de guarda  os livro da mesa. 

-deixa que eu ajudo! - falou Cristal se levantando e correndo pra ajuda a amiga. 

-tô com medo... -choramingava Mel. 

-NÃO OLHE PARA BAIXO! VOU PEGA A ESCADA PARA TE AJUDAR! - gritou Cristal enquanto corria atrás de uma escada. 

-o-ok- falou Mel, na sua cabeça se xingava mentalmente por ter a brilhante ideia de subir naquela estante atrás de uma vaga-lume. 

Mel abriu os olhos castanho após olhar o que parecia ser uma pequena luz vindo de um dos livros. Esticou a mão e o pegou, mas perdeu o equilíbrio e acabou caindo. 

-MEEEEL!!! - gritaram todas se jogando no chão para pegar Mel. 

Todas cairam e Mel acabou caindo em cima delas abracada com um livro da capa vermelha

-AAAAAIIII- gritaram juntas após o impacto. 

-DISCUMPA MENINAS! - pulou Mel e ajudando as amigas a se levantar. 

-Mel vamo fazer um regime ok? - resmungava/choramingava Cristal limpando a roupa. 

-vai pra merda Otaka fedida! -falou Mel dando o dedon do meio pra Cristal. 

-Fedida tá é o Teu Cu! - revidou Cristal. 

--Que porra de livro é esse Mel? - perguntou Bella impedindo suas amigas de cairem na porrada. 

-sei la- colocou o livro na mesa. 

-vamos abri-lho? -perguntou Ester. 

-mas aqui tem uma bilhete dizendo que não é pra abri - Bella lia o bilhete com letras estranhas. Ela é ótima em decifrar escritas antigas. 

-é melhor não! Vai que estamos libertando demônios? - falou Erika se benzeno. 

 -a Erika-chan tem razão! Não podemos arriscar- falou Cristal séria. 

-Vai que é pegadinha? Vamo abri! O que pode acontecer de ruim? - perguntou Mel. 



         Continua?.... 


Notas Finais


Então mina continua ou para por aqui mermo?


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...