1. Spirit Fanfics >
  2. O livro milenar (YU-GI-OH) >
  3. O anel misterioso

História O livro milenar (YU-GI-OH) - Capítulo 3


Escrita por: Mai-sama02

Capítulo 3 - O anel misterioso


Fanfic / Fanfiction O livro milenar (YU-GI-OH) - Capítulo 3 - O anel misterioso

Atem pov

- Não acredito,oq vamos fazer agora??? - Sayuri tentava manter a calma, mas estava clraro que isso não estava dando certo

- Vamos manter a calma

- E AGORA? NÓS VAMOS MORRER, NINGUÉM SABE AONDE ESTAMOS,NOS SAÍMOS ESCONDIDOS,SE MORREMOS A CULPA É SUA SAYURI - Mana por outro lado estava nervosa

- COMO ASSIM A CULPA É MINHA????

- Gente,calma

- SE VOCÊ NÃO TIVESSE DADO A IDEIA DE FUJIRMOS NÃO ESTARÍAMOS AQUI AGORA

- VOCÊ VEIO POR QUE QUIS, NINGUÉM TE OBRIGOU A NADA

- GENTE CALMA,TODO MUNDO TEM CULPA

Elas viramos o rosto pro lado,eram orgulhosas demais pra admitirem que estavam erradas

Solto um longo suspiro,essas duas vão me dar trabalho,mas nada que eu não aguente

- Palacios normalmente tem mais de uma entrada - Sayuri falou e correu na direção contraria

- Espere - Gritei mas parece que ela não me ouve

Novamente corremos atrás dela até a alcançarmos, eu segurei o seu braço forte a forçando a parar e me encarar

- Você deveria tomar cuidado

- Eu sei, desculpa, eu só tô um pouco nervosa, nós fomos parar em uma cidade fantasma no meio do deserto por minha culpa,e agora estamos presos dentro de um castelo que está caindo - disse nervosa

- Não se cobre tanto, mas por que veio correndo pra cá? - falo olhando em seus olhos

- queria ver o castelo de perto

-  Gente vem ver isso - falou Mana que estava um pouco mais afastada, agachada olhando para algo no chão

sayuri pov

Chegando mais perto podemos ver o que era, um lindo anel feito de ouro com uma grande pedra lilás no centro, em volta haviam seis pedras, tres de cada lado, duas vermelhas, duas amarelas e duas azuis

 

- É muito lindo - eu realmente estava encantada com tanta beleza

- Parece ser do tamanho do seu dedo, ele é perfeito para você- talvez Atem estivesse certo

ele se abaixou e pegou o anel, após se levantar se virou para mim e colocou-o no meu dedo

- Como eu havia dito, ele é perfeito para você

-Ele é perfeito mesmo, pena que não posso ficar com ele

- Por que não?

- Oras Mana, ele não é meu, não posso ficar com ele

- Acho que ninguem sentirá falta dele - até você Atem? - fique com ele - me dei por vencida e acenei positivamente com a cabeça

- Temos que encontrar a saida logo - Mana nos lembrou do nosso principal objetivo então olhei ao redor - afinal que local é esse?

- acho que é a sala do trono - falei observando uma cadeira feita de ouro 

continuei olhando ao redor e pude ver uma cena orrivel, havia ossos se desintegrando em alguns lugares e a elforia e empolgação por ter fujido se foi e pude perceber o quanto o clima daquele lugar era pesado

- o que aconteceu aqui?- perguntou Mana com medo

- não sei - Atem a respondeu - mas eu não quero ficar aqui para descobrir, vamos logo

continuamos andando por um bom tempo,em todos os lugares que passavamos a unica coisa que viamos era destruição 

- Encontrei vocês - ao olhar-mos para a direção de onde vinha a vóz encontramos Mahad, parece que a nossa fuga não foi tão bem planejada quanto pensamos - vamos de pressa,antes que o faraó chegue

- Mahad? o que faz aqui? - Mana foi a primeia a se pronunciar

-  o portador do colar do Milênio me avisou, ele disse que os encontraria aqui - colar do milênio? o que é isso? estou curiosa mas achei melhor perguntar depois, a nossa prioridade agora é encontrar uma saída - o Faraó retornará a qualquer momento, se ele retornar e não encontrar seus filhos ele ficará muito irado

(ps: faz um tempo que eu não assisto o anime então vai ter várias coisas diferentes, por aqui o colar do milenio era de um personagem que nós humildemente chamamos de figurante, ele só ficou nas posses de Isis quando Atem virou faraó, o mesmo vale para Mahad e o  Anel do Milênio, tanto Mahad quanto Isis foram escolhidos a dedo por  Aknamkanon (o pai do atem e atualmente faraó) para treinarem des de pequenos, assim, quando Atem sucedesse ao trono, os dois seriam seus ajudantes)

Mahad nos mostrou a sáida, demos a volta no palácio pelo lado de fora e pegamos os cavalos e fomos embora

........

por sorte chegamos antes que o pai do Atem retornasse, nos escondemos até chegar no quarto de Atem, nos sentamos e ficamos conversando até que o faraó apareceu na porta do quarto

- Mana poderia se retirar? preciso falar a sós com meus filhos

- claro senhor - antes de se retirar Mana olhou para mim e perguntou - nos vemos amanhã na aula? - após recber a minha confirmação ela saiu

o faraó se aproximou e sentou em um canto da cama perto de nós

- vocês fujiram para cavalgar não foi?

- Como o senhor sabe? - perguntou Atem surpreso enquanto eu abaixava a cabeça envergonhada

- Vocês estão sujos, os cavalos tambem, e vocês vivem aprontando, apênas juntei os fatos até chegar em uma conclusão

- Desculpe - falei encarando o chão, não conseguia encara-lo, afinal, eu aqui com 23 anos estou agindo como uma criancinha de 10, se bem que essa é a idade da Sayuri e tecnicamente a minha tambem - por favor não brigue com Atem e com a Mana, a ideia foi minha

- Mas eles a incentivaram a continuar e foram junto, todos são culpados - a vóz dele era pesada, e continha repreenção e desapontamento, me senti ainda mais culpada, ele fazia tudo por mim, ele me acolheu quando até meus propios pais me abandonaram, (e, sim, com o tempo eu consegui as memorias da verdadeira Saryuri,era como se nossas almas tivessem se juntado e seus sentimentos fossem os mesmos meus, então, sim, eu fui abandonada) o que eu fiz para retribuir tudo o que ele fez por mim? eu fuji, e incentivei o filho dele a fazer o mesmo.. eu já sentia uma lagrima em minha bochecha quando ouvi um suspiro - o que eu faço com vocês? - ele pareceu pensativo como se analisasse a cituação, mas logo ele se levantou e virou para nós crusando os braços em frente ao corpo - apartir de hoje os treinos irão se itencificar, acho que estão pegando leve com vocês caso contrario não sairiam para cavalgar no horario de descanço, não façam mais isso

Ele virou as costas e saiu

- Estamos encrencados ou muito encrencados? - perguntou Atem em tom de brincadeira e com um sorriso travesso no rosto, sorriso esse que murchou assim que viu o meu rosto triste e todo molhado - ei, o que foi?

- Ele está decepcionado com a gente - me coloco na posição fetal abraçando as minhas pernas enquanto chorava como uma criança

- Se acalma, ele logo vai esquecer - Atem fala me dando tapinhas nas costas enquanto tentava me acalmar - Mas ele está certo, amanhã teremos treino e temos que descançar, vá se lavar e dormir um pouco

Fiz como ele havia dito, foi para meus aposentos,me lavei e me deitei para dormir. Em pouco tempo senti um peso ao meu lado e já sabia quem era

- Nos separamos há pouco tempo e já sentiu a minha falta?

- Cala a boca e dorme



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...