História O lobo - Capítulo 3


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jungkook (Jungkook), Jung Hoseok (J-Hope), Kim Taehyung (V), Personagens Originais
Tags Vkook
Visualizações 11
Palavras 705
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Ficção, Ficção Adolescente, LGBT, Mistério, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Homossexualidade, Insinuação de sexo, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Capítulo 3 - Outro alguém..


Fanfic / Fanfiction O lobo - Capítulo 3 - Outro alguém..

Um rapaz jovem, cabelos bagunçados sorrindo alegremente vindo em minha direção, quando seu sorriso abre vejo as pressas -Deus.. Logo jungkook vai se afastando e levantando sem tirar os olhares do garoto - ja imagino quem é só não quero acreditar. Ele pensam para si mesmo olhando o rapaz que fecha o sorriso por um instante.

- Eu sei..você está espantado..posso explicar. Ele diz com um tom de voz baixa se aproximando de jungkook que no momento estava paralisado.


- E-explica..com um suspiro ele leva uma mão em seu rosto tampando sua visão.

- Você é o lo.. antes que ele termine a frase é surpreendido com um abraço.

Tirando as mãos de seu rosto ele vê o jovem com olhos fechados alegremente o apertando, sem reação facial, ele empurra o mesmo.

- Desculpa..

O garoto da passos para trás e sorri sem graça.

- Tudo bem..você sabe quem eu sou nós dois..eu achei que já tínhamos uma intimidade.

Levantando as sombrancelhas ouvindo aquelas palavras não sabia se tinha do ou fugiria, pois contato com *anormais" é errado contra a lei.

- Olha..eu não quiz passar isso.

Leva a mão no ombro do garoto e sorri para o mesmo que estava cabisbaixo.

- Eu sempre te chamei de lobo..mas como é seu nome?

- taehyung! Ele responde imediatamente levantando a auto estima em logo. 

[...]


O dia foi passado e os dois logo na floresta foram as amigando cada vez mais, até que jungkook teve a brilhante ideia de taehyung ir conhecer sua casa mas para isso ele veste a jaqueta do outro Jung arruma seu cabelo bagunçado e os dois saiem da mata, após alguns minutos andando na estrada taehyung segura a mão de Jung, um pouco apavorado e com medo dos outros ele caminhava olhando para todos e tudo parecia uma criança andando em uma loja de brinquedos.

Eles pegam o metro e chegam até a moradia de Jung, assim que ele abre a porta o menor corre para dentro se jogando no sofá.

- Fica avontade. Jung sorri vendo o outro.

- Pode deixar.. taehyung vê os controles e se estica para pegar sem noção nenhuma doque servia ele fica olhando enquanto Jung ia pra cozinha.

Alguns minutos depois de taehyung revirar tudo da sala Jung retorna com lanches e suco, deixando em cima da mesa ele pica um e leva a boca.

- Pega um para você. Ele observa a forma inocente do outro de ser que leva o copo de suco em seus lábios lentamente encostando e tirando o suco de sua boca, talvez ele estava tentando sentir o gosto, vai entender.

- Posse te fazer uma pergunta? Jung diz enquanto deixava seu lanche no prato.

- pode !

- Por que você não é como os outros..você não parece ser mau. Sai a pergunta meio pesada com um tom até mais baixo.

- Eu e minha família não fazemos mau a ninguém. Ele responde com clareza no olhar a pergunta não tinha o encomodado então.

- Onde está sua família? Jung pergunta curioso sentando ao lado do menor.

Com aquela pergunta sim Tae parecia se incomodar ele respira fundo e diz com um tom mais baixo.

- O governo os levou..

Por alguns minutos o silêncio dominou o local, os dois perderão os pais por conta da guerra inútil, Jung olha para o prato o menor não avia se alimentado.

- Você não vai comer? 

- Não obrigado..Ele responde após um bocejo fraco.

- Vem comigo. Jung sai andando na frente enquanto o outro vai atrás, eles passam na frente de um quarto trancado, acho que vou dormir aqui pensa Tae, porém ele continua a caminhar até o último quarto, ele abre a porta e entra se jogando na cama.


- Não tem problema dormir aqui né? Ele pergunta se virando na cama puxando os lençóis que estavam jogados por lá.

- Não não tem..o mesmo vai junto a cama se enrolando junto.

Depois de alguns minutos, o silêncio domina o local só ouvindo os barulhos da rua é a suas respirações, Tae se vira para o que estava dominado pelo sono já, ele leva um de seus dedos no rosto do maior s fica o admirando enquanto o sono não chega.

- melhor e único amigo.. ele sussuta baixo olhando o mesmo dormir, seus olhos pesavam e em poucos segundos ele adormece deixando um, eu gosto de você no ar.


Notas Finais


Obrigada por le ♥️


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...