1. Spirit Fanfics >
  2. O Lord do Fosso >
  3. Capítulo 01 - 'Jera - A runa de Odin'

História O Lord do Fosso - Capítulo 1


Escrita por:


Capítulo 1 - Capítulo 01 - 'Jera - A runa de Odin'


Fanfic / Fanfiction O Lord do Fosso - Capítulo 1 - Capítulo 01 - 'Jera - A runa de Odin'

Você já deve ter ouvido muitas histórias de pessoas que foram consideradas mortas por alguns minutos, mas que acabaram voltando à vida depois de algum tempo.
Estas pessoas relatam que a experiência pode ser considerada como um cochilo sem sonhos, incapazes de sentir coisa alguma, como quando a mente não tem consciência.
Mas eu sentia.
O vazio era tudo e tudo era vazio, até que minha mente quebrou o vácuo da escuridão que me assolava, assim que percebeu existir. Mas era difícil definir que tipo de existência era essa, afinal eu me lembrava de morrer, aliás era a única lembrança em loop infinito. Fui patético e imponente, enquanto meus assassinos zombavam de mim.
[ALERTA DO SISTEMA: um jogador foi identificado]
Se ao menos eu tivesse uma arma. Não, uma arma poderia ser tirada de mim. Se eu fosse forte, Overpower como quando jogava GTA com códigos de trapaça… há aí simmm.
Espera, que porra é isso? Uma luz piscou, não pera, EU pisquei? Ohh! Agora posso ver.
Estou em uma caverna? Não as paredes são lisas.
Isso é algum tipo de templo? Parece que tô no subsolo, estranho… 
Chocalho!
- Que merda é essa que eu tô deitado?! 
Finalmente acordei, o que é essa montanha de crânios embaixo de mim?
Prevendo ficar em pânico, olhei em volta, mas estranhamente eu não me desesperei. Era quase como se eu não tivesse emoções. Eu verifiquei meu corpo, mãos e pernas, e vi apenas ossos.
- Caralho, morri mesmo, então!
- 'O que é isso?'
Eu estendi a mão para tocar a tela flutuando diante dos meus olhos.
★★★
Nome: N / A 
Gênero: N / A 
Estado: Normal 
Tipo: Esqueleto / Morto-vivo 
Classe: N/A
Rank: H
Nível: 1/5
PV: 5/5 
MP: 5/5 
Dano: 1 
Defesa: 1 
Força: 1
Agilidade: 1
Sentidos:1 [bloqueado]
Inteligência: 1
Vitalidade: 1
✧ Habilidades Especiais ✧
[Ressurreição Lv 1] [Visão Noturna Lv 1]

★★★
- É sério isso?
Reclamei como se alguém pudesse me responder, mesmo tendo certeza de estar sozinho entre aquelas gigantes paredes de pedra polida.
- Uma merda de um esqueleto level 1. Tá de sacanagem?
- De tanto ler isekai e jogar RPG, é esse o meu destino pós morte?
Foi só então que eu percebi, que nenhum som saiu da minha boca.
Qual a lógica? Isso não faz sentido…
Foi o que tentei dizer. Afinal, já que os meus ossos se movem sem músculos e eu consigo enxergar tendo dois buracos negros no lugar dos olhos, eu deveria poder falar sem língua, certo?
- Ok, acho que estou no lucro.
[AVISO: A DUNGEON FOI INVADIDA ]
Chocalho!
Escorrega
Chocalho! Chocalho! Chocalho!
- Merda!
Foi então que minha cama de ossos começou a desmoronar, até virar uma gigantesca onda marfim que inundou toda a sala.
Só então que percebi as largas e gigantescas portas de ferro, apesar do breu, eu pude perceber claramente quando elas começaram a se abrir.
Ao mesmo instante, meus irmãos esqueletos que antes eram só uma pilha de gravetos, passaram a ganhar vida. Pernas braços e tronco ligados à um crânio que emitia uma luz vermelha dos olhos.
Todos marcharam para fora do aposento.
- Ei. Vamos pra onde pessoal?
Eu decidi seguir meus irmãos que pareciam ser de um nível superior ao meu, pois carregavam espadas, lanças e escudos. Enquanto eu que nada tinha, tentava manter o bom humor de quem ganha uma nova vida, e caminhava cantando:
- "Pelado, pelado, nu com a mão no bolso"
Apesar do nosso longo tempo caminhando, percebi que eu não sentia cansaço, então os acompanhei sem problemas.
Logo chegamos ao que parecia ser o nosso destino, e percebi outros esqueletos no chão.
- Hum…Algo me diz que esses são diferentes. 
- Pelo cenário da pra ver que aconteceu uma luta aqui.
Muitos estavam desmembrados, ou decapitados, porém haviam quatro corpos ali, que apesar de já decompostos mantinham equipamentos do que eu julgo ser um grupo de aventureiros.
Instintivamente, sabia que estes eram diferentes.
- Beleza, isso confirmou que estou em um cenário de fantasia.
- Hora de pilhar…
Foi decepcionante, quando percebi que o grupo não possuía nenhum item raro, afinal ia ser muito bom começar minha nova vida com algum tipo de vantagem. Quem dera encontrar armas mágicas, como um arco que atira flechas de energia, ou um escudo de campo de força, uma capa de invisibilidade, um tacape super forte. Mas isso só acontece em conto infantil. Aliás, nos bons.
- Vamos lá, o que temos aqui... 
- Uma túnica de pano, uma espada curta, um arco sem corda e uma bolsa cheia de livros.
A bolsa chamou minha atenção, pois parecia que o grupo morreu protegendo-a. Mas livros velhos não eram o tesouro que eu esperava encontrar.
Deixa-me tentar ler…
ᚱᚢᚾᚨᛊ᛫ᛗᚨᚷᛁᚨ᛫ᛖ᛫ᛏᚱᚨᚾᛊᚠᛟᚱᛗᚨçᚨᛟ
[ALERTA DO SISTEMA: deseja habilitar o assistente de tradução instantânea ? S/N]
- Er...Sim?
[Você adquiriu a habilidade única: 'O conhecimento de Babel'.
Está habilidade permite a compreensão total de qualquer língua, sem restrição de raça]
ᚱᚢᚾᚨᛊ᛫ᛗᚨᚷᛁᚨ᛫ᛖ᛫ᛏᚱᚨᚾᛊᚠᛟᚱᛗᚨᚨᛟ
Runas magia e transformação, por Rúna-Meistari
Continuei a ler e percebi que runas eram traçadas em espadas para conferir vitória em batalha, sobre o navio para proteção marinha e muitos outros usos talismãnicos. Porém ia muito além disso, a magia Rúnica básica podia ser usada para criar amuletos e fortalecer equipamentos, enquanto o nível avançado do conhecimento rúnico, permitia convocar espíritos e lançar feitiços desenhando runas com as mãos nuas no ar.
Por outro lado a minha habilidade de poliglota recém adquirida, era fantástica! Ela não só garantia que eu conseguia ler, mas também fazia com que eu entendesse só de olhar as páginas do velho diário, os complexos segredos da magia rúnica.
Neste corpo de esqueleto, acho que poderia maratonar o catálogo inteiro da Netflix de uma vez. Porém, não sentir fome ou cansaço é um problema para medir o tempo aqui dentro da Dungeon.
Os outros esqueletos continuam em posição de guarda. Seja lá quem for o invasor, acho melhor me proteger atrás da horda dos meus irmãos mortos-vivos.
[Parabéns! Você completou a Quest secreta: 'Os segredos de Rúna-Meistari' Rank SS
#Recompensas da Quest # 'Jera - A runa de Odin' (consumível) - Em troca do seu olho esquerdo, você ganha um bônus multiplicador de inteligência de 100%. Desbloqueia automaticamente todos os caminhos da magia ainda ocultos]
[ALERTA DO SISTEMA: deseja coletar a recompensa? S/N]
A troca do olho pelos ocultos caminhos da magia…dar o olho para conseguir ver… não existe maior paradoxo.
A questão é... isso funciona em mim?
- Sim, aceito a recompensa!
[ “Suspenso na Árvore assolada pelo vento,
Durante nove dias e nove noites fiquei.
Ninguém vieste me socorrer
Ninguém me deu algo para beber.
Ao espreitar as profundezas abaixo de mim,
Agarrei avidamente as runas,
E apossei-me delas, me tornando uma criatura feroz.
Pois a partir de hoje, da ignorância não mais eu padeço" ]
Dor.
- Aaaahrg! Paraaaaaaa!
- Para porra! Paaaara!
- Cheeeegaaaa!
O meu olho, ou pelo menos o que deveria ser, latejava de dor. Começou como aquelas dores que começam imperceptíveis, como dor de dente ou enxaqueca.
Até ficar suficientemente nítida e constante, para que eu sentisse os dedos em pinça de uma mão invisível que brincava com o interior da minha cabeça, em nervos que eu nem tinha.
Eu havia perdido os sentidos, a única coisa que me restava era era aquele barulho. Um som estranho, grotesco e muito, mas muito incômodo.
Foi então que notei algo familiar. Era a minha própria voz.
Foi aí então, que acidentalmente percebi que novamente eu estava em um estado de semi consciência, já que eu não conseguia falar ou emitir som algum, tudo se passava dentro de mim.
Já que estava na minha mente tentei olhar para minha antiga vida, e buscar alguma lembrança que pudesse me dar qualquer conforto.
Fracassei.
Ao invés disso, me veio o conhecimento daquele velho livro. 
ᛏᛖᚱᚱᚨ ᛫ Terra.
ᚨᚷᚢᚨ ᛫ Água.
ᚠᛟᚷᛟ ᛫ Fogo.
ᚨᚱ ᛫ Ar.
ᛚᚢᛉ ᛫ Luz.
ᛏᚱᛖᚹᚨᛊ ᛫ Trevas.
ᚹᚨᚲᚢᛟ ᛫ Vácuo.
ᛖᛏᛖᚱ ᛫ Éter.
Os caminhos da magia foram revelados, oito eram seu total. Simbolizados pelo número do infinito, vislumbrei que infinitas eram as possibilidades neste mundo de magia.
Imaginei, não mais sentir dor. E do abismo da alma retornei.
- E aí pessoal, tô bem viu. Obrigado por me socorrerem, seus felas…
Epa! Eu me lembro de ser o último da fila, por que tem mais esses caras atrás de mim?
E o número de esqueletos a minha frente era de várias centenas, as minhas costas eram fileiras de milhares.
Quantos dias se passaram, para que este exército se formasse?
Acho melhor dar uma olhada lá na frente.
- Porra! Meu olho… 
Simulei um auto exame de vista, tentei fechar meu olho direito e até bloquear a minha visão com a ajuda da minha mão, para concentrar a visão apenas no olho esquerdo.
Nada...Então é isso, adeus olho esquerdo.
- Como faço mesmo para checar meus status?
★★★
Nome: N / A 
Gênero: N / A 
Estado: Normal
Tipo: Esqueleto / Morto-vivo 
Classe: N/A
Rank: H
Nível: 1/5
PV: 5/5 
MP: 505/505 
Dano: 1 
Defesa: 1 
Força: 1
Agilidade: 1
Sentidos: 1 [bloqueado]
Inteligência: 1 [x100]
Vitalidade: 1
✧ Habilidades Especiais ✧
[Ressurreição Lv 1] [Visão Noturna Lv 1] ['O conhecimento de Babel'] ['Jera - A runa de Odin' 0/1]
✧ Habilidades Mágicas ✧
Magias: 《N/A》
Caminhos da Magia
Terra: 0/10
Água: 0/10
Fogo: 0/10
Ar: 0/10
Luz: 0/10
Trevas: 0/10
Vácuo: 0/?
Éter: 0/?
★★★
Basicamente, existem dois tipos de jogadores: o que aproveita a história e o ambiente ao seu redor para novas aventuras, e quem quer ver o seu personagem com o poder máximo o quanto antes, e deseja destruir tudo ao seu redor como um deus do mal. Bom...Com toda essa mana (MP) eu logo descobrirei de qual tipo eu serei!



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...