1. Spirit Fanfics >
  2. O marfioso e o esquentadinho - Jikook >
  3. Familiar

História O marfioso e o esquentadinho - Jikook - Capítulo 13


Escrita por:


Notas do Autor


Boa leitura meus anjinhos 😁😄

Capítulo 13 - Familiar


Continuação...

Ja ali nos braços da jovem cozinha o pequeno park sentiu uma pressão no corpo,o ar em seu pulmões começou a faltar e a sensação de ter pedido metade da alma vem como uma faca sendo impunhalada no coração,a visão ficava turva na medida que as lágrimas eram derramadas de seus olhos e seu corpo passou a tremer como nunca antes,uma sensação sufocante essa que o pequano senti

Soluços altos são ouvidos tanto da jovem cozinheira quanto o do park.a mulhe passa as mãos nos fios do park e logo se pronuciar.

Nayuki:- Meu... anjo,me desculpe não ter ido atrás de você antes...- falou apertando o menor no abraço- Pensei que tinha perdido você.

O pequeno se solta do abraço da mulher e fica de frente a mesma,ainda possui a cabeça baixa e logo falou.

_-Nayuki... E-eu perdi ela... P-pra sempre- murmurou o pequeno entre o choro,jimin agora encarava o ponto do chão da pequena sala,flechas da hora da morte da sua mãe vem como facadas em sua mente,o garoto sente como se estivesse morrendo por dentro,um vazia nasceu no lugar aonde era completo de amor no coração do ômega,os olhos antes esverdiados iam mudando de cor na medida que se lembrava do acontecimento,se tornando castanhos- que significa que o lobo de jimin está deixando o pequeno ômega só  nesse mundo.- o lobo do mesmo acabou de se alto desconecta do pequeno ômega.-Agora é só ele e o mundo..-

Nayuki- D-do que você está falando meu anjo - questinou a mulher.

_-eles mataram a minha omma...-disse em um tom seco- E-eles tiraram minha mamãe de mim...E-eu quero minha omma nayuki..- soluçou o park- Por que eles tiraram minha omma de mim ?,eu quero um abraço dela....-falou com uma voz embargada de choro e se pôs de pé.

Nayuki- Jimin meu anjinho,por que seus olhos tão dessa cor ?- questinou preocupada- Jimin aonde você vai- falou na hora que o park saiu da sala- Jimin fique aqui anjinho- ditou mais foi ignorada.

O lobo de jimin foi envenenado pela dor da tristeza e a dor que não tem cura,Jimin se sente destruído quebrado em mil pedaços.O garoto sentise vazio , caminha em direção ao portão do Jardim com um olhar vago e sem rumo não pensa em nada,está com a mente vazia;.., nem raciocinar sobre o momento que ocorre na vida dele nesse exato momento, não consegui.

Ja passou pelo portão e segui a trilha de Margarida até a ária de roseira,na visão do jimin,tudo que está em volta perdeu a cor... Perdeu mãe. ..

Jimin conseguiu ver as roseiras se aproximando,primeiros as rosas vermelhas e agora as rosas brancas,..aperta as próprias mãos e logo avista o cadáver da outra ômega no chão.Seus olhos se enchem de lágrimas,sua respiração descontrolar.Jimin para observando o corpo da mãe e senti-se completamente vazio, os olhos antes castanhos agora estão cinzas.

Jimin rodeia seu olhar por volta das belas roseiras e caminha até umas que estão ao lado da mãe,sem olhar pro corpo o park pegar uma rosa.Ver a tintor avermelhado nas pétalas delicada da rosa,e era o sangue de sua mãe e o pequeno direcionou o olhar para as outras rosas que também estavam com um tintor vemelho sobre elas.

Virou-se pro corpo e deixou uma lágrima cair sobre as bochechas e que logo depois deslizou até o chão caindo sobre o sangue, que saia da cabeça da mãe, e jogou a rosa sobre o corpo da ômega e falou.

_-E-eu T-te amo O-omma- Caiu de joelhos perto do cadáver.

Flashback Off - situação atual

A respiração do jovem park estava se descontrolando,o peito do garoto subia e descia rápido,soluços abafados saiam de sua garganta e lágrimas quentes saiam de seus olhos, que possuem agora uma coloragem verde.Depois de muito tempo desde a morte de sua mãe o lobo do park resurgiu das zinsas e agora está no seu ser.

Jimin consegui muda a cor dos olhos devido ser um ômega especial,mais o pequeno ômega ainda não sabe quão raro é.Pessoas iram querer sequestrar,matar ou até mesmo casar com o garoto mais vamos deixar o destino cuidar da vida dele.

Jimin prende o ar nos pulmões e fechar os olhos,mais logo solta o ar e se desaproximar da janela e senta na beirada da cama de seu quarto e fita um ponto aleatório do quarto até que ouvir leves batuques na porta, e diz um breve "entre" e um Seok-Jin passar pela porta.

Jimin olhar pro Seok jin que logo fica com uma feição preocupada ao ver o estado de jimin.

Autora Off 

      SeokJin On.

Estava na cozinha terminado de fazer uns docinhos com Namjoon quando o senhor Jeon e a esposa, e o irmãos jeon's entram na cozinha.,e Jungkook pede pra mim ir chama o park jimin.

Deixo meu avental encima da mesa e logo vou até o quarto do garoto,ao chegar a frente do quarto,bato na porta e esculto um breve "entre" e logo adentro o cômodo e me deparo com uma cena estranha, jimin estava com os olhos esverdiados,bochechas avermelhadas mais do que o natural do garoto, e os olhos enchados.

Me aproximo e fico na frente do menino e falo.

_-Jimin você está bem ?-pergunto.

Jimin-:Sim jin estou,por que da pergunta ?-questionou. 

_-ah,..por que você está estranho,..hm. . Seus olhos estão verdes por que?-disse e vejo o mesmo se lavanta da beirada da cama e  rapidamente ir na frente do espelho, do closet e se olhar lá.

Jimin- Eu.. eu não sei por que estão dessa cor jin!- falou e fiquei confuso.

_-Ora como não ?-

Jimin- eu não sei-suspirou- deixa isso pra lá,por que está aqui ?- falou o menor ficando na minha frente.

_-Jungkook quer que você conheça os pais dele- falei e vir o mesmo assentir.

Jimin- Vamos ?- caminhou e parou perto da porta.

_-Vamos- saímos caminhando,jimin estava na minha frente,não quis demonstrar muita preocupação, por que não queria que jimin se fechasse pra mim, conheço ele e sei que se eu pergunta-se ele iria enventar uma desculpa pra não falar a verdade.

Descemos as escadas e fomos direto pra cozinha assim que paramos na porta todos ficaram em silêncio e os pais do alfa Jeon olhou pra nois.

SeokJin Off

        Jimin On

Não sei o por que mais quando botei meus olhos na mulher de cheiro marcante ali presente na cozinha,meu corpo paralisou por completo não conseguia me mover ou foca em outro semblete ali presente.

A face dela me soa família,seus traços me vêem à cabeça como pontadas,a mesma sensação que eu tevi quando entrei nessa mansão pela primeira vez, e um calafrio mostrou-se presente em meu corpo e engoli em seco.

Jimin Off

Jeon Yang-Hiyeon On.

Estava na cozinha com minha família reunida,estávamos aguardando a chegada de seokjin e o mais novo membro da família,sinto um cheiro de baunilha e um leve aroma de morango junto do outro elemento,aquele cheiro família, direciono meu olhar pra porta da cozinha e avisto dois ômegas.

Arregalo meus olhos ao ver a figura na minha frente,aquele de olhos esverdiados e pele esbranquiçadas,cabelos levemente rosados,meu coração começa palpita rapidamente e meus olhos encherem de água,e ouso meu lobo falar comigo.

.../lobo-: Você sabe quem é ele não sabe,e.. sabe o significado que trás com ele neh?- falou mais como um questionamento.

Meu corpo começa a fica tenso e sinto uma mão pousa nos meu ombro, e me viro pra ver quem era,e era meu marido.. sorriu amarelo pro mesmo que só balança à cabeça e logo olho pro ômega parado na entrada.

"Coisas mudaram aqui e é inevitável."

_-Jimin meu querido- digo sem cerimônia.- a quanto tempo-sorriu vendo o ômega bota um semblete confuso.- Não se lembra de mim não é mesmo ?-questiono e ouso alguém falar.

Jungkook- Como assim vocês já se conhecem ?- Jungkook questionou e eu suspiro.

_-Ah você também já conhecia ele desde bem antes- cruzei os braços- "meus planos foram ralo abaixo"- penso.

Jeon-sukye:- Jimin,jungkok e Hiyeon vamos pro escritório agora mesmo- ditou sério fazendo me arrepiar,vejamos meu marido ainda consegui fazer isso.

Jimin e Jungkook assentem calado e logo partimos em direção ao escritório,estávamos todos em silêncio,.. Jimin estava com uma aparência um pouco abatida me deixou preocupada;chegamos no cômodo e adentramos o local.

Os dois mais novos sentaram na s cadeiras à frente da poltrona da mesa,eu me sentei na poltrona e meu marido ficou em pé detras da poltrona: suspirei e passei a mão no meu rosto,isso vai ser um baque grande na vida dos dois.

_-Jimin.. ?- falei e vejo o ômega foca em mim.

Jimin- por que você é tão familiar? - questinou com tom de voz baixo.

Meu coração acelerou assim que ouvir o mesmo falar que me achava familiar,suspiro e ponho minha mãos sobre a mesa,feches de lembrança passam na minha mente,quando jimin e jungkook eram pequenos...



Notas Finais


Bom gente tou com sono. ...
Capítulo de hoje saiu pequeno...
Desculpe;vou postar amanhã a continuação.

Eu iria postar ontem só que acabei dormindo anjinho
..
Desculpe os erros de ortografia ou pontuação.
Amo vcs,e cometem ❤❤


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...