História O Melhor amigo da Noiva - Snamione - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Harry Potter
Personagens Hermione Granger, Severo Snape
Tags Snamione
Visualizações 42
Palavras 1.152
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Adultério, Álcool, Heterossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 2 - Capítulo 2


- vou buscar mais cerveja para a gente não saia daqui

Apenas dei ombros.

Olhei para um dos lados e vi Lilian e Potter aos beijos encostado numa das arvores ver aquela cena meu sangue ferveu e ao mesmo tempo meu coração doía, voltei a olhar para outro lugar que não fosse ali. Vi Lucio vindo na minha direção acompanhando com três mulheres, ele estava no meio de duas mulheres com seus braços em volta da cintura de cada uma delas e outra que estavam do lado de outra mulher apenas olhando para mim e sorrindo de uma maneira tímida.

- moças esse é o meu amigo que lhe farei Severo. Essas são Luna, Pansy e Tonks, a moça de cabelos rosas deu um passo a frente e pegou uma de minhas mãos fiquei realmente surpreso com a tamanha ousadia.

- vamos nos divertir bastante Severo

Olhei para Lucio mais o mesmo não se encontrava ali e em as garotas.

- você é terrivelmente sexy depois tenho que agradecer ao seu querido amigo por te nos apresentando

Ela soltou da minha mão e colocou os braços em volta do meu pescoço e beijou meus lábios rapidamente, sussurrando no meu ouvido:

- estou no quarto 118 estarei te esperando, a porta já está á aberta

- não deveria deixar sua porta fechada?

- eu acabei perdendo a chave sou uma desmazelada e não se preocupe com a minha colega de quarto ela está na biblioteca. Disse e deu um selinho

Vi ela se afastando a moça estava tão bebida que estava cambaleando, claro que não se lembrará com quem dormiu amanhã, essa é uma oportunidade de fode-la e depois ir para meu quarto.

Respirei fundo e fui para o quarto passei por alguns corredores procurando a porta . Nos corredores também estava uma verdadeira bagunça copos espalhados, latas de cervejas vazias , gente se agarrando. Subir dois lances de escada e em um dos corredores vi uma mulher loira sentada no chão chorando passei rapidamente o quarto era no final do corredor, todas as portas eram iguais com apenas a numeração diferente.

Abrir a porta e o quarto estava  escuro. Uma das camas estava  vazias como Tonks tinha acertado sobre sua colega de quarto não estaria presente. Aproximei da cama e tirei minha camiseta e minha boxer junto com a calça e joguei no chão, peguei o preservativo dentro do bolso da minha calça e coloquei no criado mudo do lado da cama.Deitei e me cobrir com o coberto .

- chegou primeiro do que eu estou impressionado. Falei baixinho.

Levantei a camisola dela e passei meu membro já excitado numa das nadégas dela.Enquanto minha outra mão passava pelas costas dela dentro da camisola.

- você é muito gostosa

A mulher deu um pulo da cama que acabei me assustando ela pegou um vidro de perfume que estava na estante e espirrou nos meus olhos.

- ficou louca ? Gritei .

- como você entrou aqui ? Perguntou assustada.

- desculpe pensei que era a Tonks. Falei esfregando meus olhos por causa da ardência do perfume.

- meu Deus coloque a roupa não sou obrigada a ver esse tipo de coisa no meu quarto. Falou  virando de costas.

- você não devia está aqui. Falei enquanto colocava minha camiseta.

- quem não deveria está aqui é você, esse quarto é meu.

- mas Tonks disse que é uma nerd e estaria na biblioteca

- você é um idiota não sou uma nerd. Disse revoltada.

- pode se virar.

Ela chegou perto de mim e deu um tapa no meu braço.

- nunca mais me chame de nerd

- bom foi o que sua colega de quarto disse

- ás vezes minha amiga é irritante

- desculpe pelo constrangimento podemos sair e tomar um café ?

A mulher entrou do banheiro e fechou a porta. Logo a porta foi aberta e passou por ela uma moça com seus cabelos rosas nos ombros lisos.

- cheguei bonitão. Gritou e começou a dar risadas.

Ela deitou na cama e tentou me puxar mais logo sair de perto dela e falei:

- você é realmente uma tola vai apenas dormir está bêbeda

- então vem cuida de mim senhor gostosão. Falou abrindo os braços.

A outra moça saiu do banheiro com uma calça jeans e uma camiseta.

- fica a vontade com ela. Disse e deu uma piscada soltando um risinho foi em direção da porta.

Sair e já estava do lado daquela moça que em sabia o nome dela.

Subimos dois lances de escada fomos para uma sala tinha dois sofá, uma mesa com chá e café e do lado uma pia pequena, fui em direção a pia e molhei meu rosto para tirar a irritação dos meus olhos. Peguei papel toalha e sequei, sentei no sofá e a mulher trouxe dois cafés um deles ela estendeu para mim.

- a próxima vez antes de se deitar veja se deitou com a mulher certa

- mais uma vez desculpe. Falei desconfortável.

- qual é o seu nome ?

- Severo Snape e o seu ?

- Hermione Granger

- prazer, se não quiser voltar para seu quarto pode dormir no meu, o meu colega de quarto não irá aparecer

- está dando em cima de mim? Perguntou cruzando os braços e sua expressão facial mudou parecia nervosa.

- claro que não apenas estou apenas sendo educado nada demais

Estávamos frente a frente.

- jamais transaria alguém como você.

- como assim ? Perguntei sem entender.

- deve ser aquele tipo de homem que fica pegando várias por ai

- mas não sou eu que está olhando para mim com essa cara de cachorro abandonado

- seu cretino, não estou com essa cara e seu nariz é horrível muito grande deve está sugando o ar de todos nós não sei como ainda não me sufoquei

- não estou lhe ofendendo é minha teoria o cachorro faz essa mesma cara para ganhar comida ou carinho então quer dizer que está afim de mim

- você é um grosso e louco jamais estaria a fim de você

- gosto de ser sincero

- cale a boca se gosta de sinceridade lá vai seu nariz é muito grande e seus lábios são extremamente finos que não combina com seu rosto e fica pegando qualquer uma para saciar seu ego mais quem você realmente ama está com outro com o popular da universidade Thiago Potter, você patético

Hermione se levantou e se dirigiu para a porta e fui atrás dela.

- você foi sincera mesmo que isso me machuca

- isso se chama amizade.Falou em frente da porta do seu quarto.

- legal talvez amanhã podemos sair ? claro como amigos

- ok, boa noite

- boa noite Granger

E assim ela passou pela aquela porta e a fechou, ainda fiquei alguns minutos absorvendo tudo o que tinha acontecido naquela noite. 


Notas Finais


E ai pessoal ?
Todos os tipos de comentários são bem vindos.
Fuii até a próxima


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...