1. Spirit Fanfics >
  2. O melhor amigo do meu irmão >
  3. Capítulo 20 Maconha

História O melhor amigo do meu irmão - Capítulo 20


Escrita por:


Capítulo 20 - Capítulo 20 Maconha


Mb : não , não , não faz assim.

Ele abraçou ela, de um jeito que ela não pode se solta e ficou imóvel.

Mb : oque você quer que eu faça?.

Anna : mas cadeados .

Mb : tabom eu vou.

Anna : brigada amor.

Mb : depois vamos comer?.

Anna : não tô com fome.

Mb : você não tá comendo a semana toda.

Anna : não vou comer até ter certeza que ela estar bem.

Mb : você sabe que ela mama ainda é recebe seus nutrientes, se você não comer não vai tá fazendo bem a Manuzinha.

Anna : eu vou comer mas não agora tá , preciso ver se ela estar bem.

Mb : vou lá comprar .

Ele já não estava sabendo o que fazer, ligou para os pais dela.

Que quando ele chegou com os cadeados ela estava dormindo .

Mb : vocês conseguiram, ela está me deixando proucupado .

Álvaro : vou por ela no quarto.

Álvaro pois.

Mb sentou.

Álvaro veio.

Álvaro : confia nele, Susan uma vez sentiu um aperto no coração , Anna já grande e ela tinha sido assaltada.

Mb : você tá querendo dizer oque?.

Susan : senti também quando ela ficou internada , depois daquela briga da escola.

Mb : eu acho que isso é coisa de mãe de primeira viagem.

Álvaro : independente do que acha, fica do lá dela.

Mb : tudo bem.

Álvaro : o Gustavo se internou .

Mb : melhor coisa que faz para ele.

Passou uns dias.

Anna : oque foi?.

Mb : agente já transa a um mês.

Anna : me desculpa amor.

Mb : as vezes eu acho que você estar usando essa história de aperto no coração, como desculpa, por não querer mais se deitar comigo.

Anna se descabelou.

Anna : como você pode estar pensando isso.

Mb : me desculpa.

Anna : você não me intende.

Mb : você está assim tem haver comigo?.

Anna : não amor, você não intende , nossa filha ela precisa proteção.

Mb : amor você está ficando maluca.

Ela foi para o quarto.

E ficou com a filha.

Ele foi até ela.

Beijo ela no pescoço por trás.

Mb : me desculpa por ter falado daquele jeito com você.

Anna : sinto que alguma coisa estar preste acontece e todo mundo tá achando que eu tô louca.

Ela virou e abraçou ele.

Anna : ela é nossa bebezinha, não podemos deixar nada acontece.

Mb : não , não vai, estamos aqui, eu estou aqui e arriscaria a vida para proteger vocês, calma minha vida , estar tudo bem.

Ele beijou ela.

Anna sorriu.

Ele a levou para o quarto.

Ficaram se beijando.

Anna : mas ela.

Mb : ela está bem.

Eles se beijaram.

Ele conseguiu fazer-la dormi.

Dias se passaram e dias se passaram meses e veio os dois anos de Manu, o casamento deles tava de mal a pior.

Anna : Você esqueceu de mandar foto para mim, onde vocês foram?.

Mb : chegar dá para parar a garota já fez dois anos e você continua com essa sisma.

Anna : não vamos discutir na frente dela.

Ela pegou a bebê no colo e cuidou dela .

Ele dormiu no sofá.

Ela quando a bebê dormiu foi até a sala e o acordo.

Anna : Vamos para o quarto , Matheus.

Matheus : se for para agente continuar como estar , vou continuar aqui.

Anna : Por favor, Matheus não gosto de dormir sozinha , fica do meu lado por favor.

Matheus : eu estou chateado.

Anna : por favor,hoje o pessoal da ampla mecheu nos postes disse que vai ficar em manutenção, até depois da manhã , não me deixa sozinha.

Matheus : tabom, Anna.

Ele foi com ela.

Eles deitaram.

Ela tentou beija-lo e ele virou para o outro lado.

Ela ficou chorando.

E chamando o nome dele.

Mb : vai dormir Anna, amanhã agente conversa tô com a cabeça muito cheia.

Ela abraçou ele.

E dormiu.

Ele acordou de madrugada ela deixou a janela aberta, e tava entrando chuva no quarto.

Ele fechou a janela, a cobriu .

Saiu dali e foi na boca .

Ele voltou .

Ela estava acordada.

Ela sentiu o cheiro nele.

Anna : você voltou a fazer .

Mb : preciso viajar, não aguento mais essa situação .

Anna pegou a maconha do bolso dele .

Anna : isso acabou ouviu, esse é o exemplo que quer ser para ela.

Mb : Anna .

Anna : vai tomar um banho e tirar esse cheiro.

Ela foi deitar.

E ele veio.

E deitou.

Ela fingiu que estava dormindo.

Ele a abraçou.

Mb : me perdoa, sinto que te perdi, e isso me mata, você só se importar com ela, agente parece que não existe mais, tudo é ela, só queria um pouco mas de atenção, me desculpa Anna.

Ela ficou quieta e ele parou de fala e foi dormir.

Ela também foi dormir .

No outro dia, ele acordou e ficou a olhando e fazendo carrinhos, com toques suaves e deu um beijo de leve para ela não acorda.

Mas a bebê acordo.

Ele foi cuidar.

Depois a deixou brincado, os avós viram pegar para passar o final de semana.

Mb : qualquer coisa vocês ligam tá.

Álvaro : e a Anna?.

Mb : tá dormindo.

Álvaro : tabom.

Mb : tchau minha princesa.

Manu : dau, papa.

Ele beijou ela na bochecha.

E eles a levaram , ele escovou os dentes arrumou as coisas preparou o café e voltou para a cama.

Ela estava dormindo ainda .

Ele a cobriu.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...