História O Melhor Amigo Do Meu Irmão (Jay Park - Imagine) - Capítulo 20


Escrita por:

Postado
Categorias GRAY, Hailee Steinfeld, Jay Park, Kim Nam-joon / Rap Monster, Monsta X, SHINee, Super Junior
Personagens Choi Siwon, GRAY, Hailee Steinfeld, Jay Park, Jonghyun Kim, Joo Heon, Kim Namjoon (RM), Personagens Originais
Visualizações 237
Palavras 1.595
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Fantasia, Festa, Ficção, Ficção Adolescente, Luta, Romance e Novela, Violência

Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Como prometido aqui está um novo capítulo .

Capítulo 20 - Um novo recomeço


Fanfic / Fanfiction O Melhor Amigo Do Meu Irmão (Jay Park - Imagine) - Capítulo 20 - Um novo recomeço

Jay - on 

Eu tentei juro que tentei mas ver ela beijando aquele otario acabou me tirando do sério ela está completamente bêbada e vai se arrepender amanhã do que ela chegar a fazer hoje , sei que ela ainda gosta de mim percebi quando ela perguntou se eu estava bem sei que posso está equivocado e estar me precipitando mas sei que se ela já não gostasse mas de mim ela já teria saído daqui é ido pra outro lugar ela teria vindo onde eu está. Só teria pedido sua bebida e fingido que não me conhece eu sei disso , o que eu não sei é o por quê dela estar assim com o Jooheon ela disse claramente pra mim que já não gostava dele mas será que ela disse a verdade que saber por que não eu mesmo ir lá saber disso .

Jay :- você vem comigo ! Digo a segurando pelo braço eles rapidamente param de se beija e ela volta seu olhar a mim.

S/n:- Jay ? Ou Jay ? Nossa tem dois Jay! Ela começa a gargalhar .

Jay :- você está muito bebada .

Jooheon :- você só estava me beijando por que achava que eu era ele. Diz decepcionado.

S/n:- se você não é o Jay quem é você ? Ela se questionar.

Jay :- você está muito bebada já chega. Digo pegando o copo  de sua mão .

S/n:- só esse !

Jay :- não , vem comigo !

Jooheon ficou abalado ao saber que a s/n estava com ele esse tempo todo achando que ele era eu que ele acabou não fazendo ou falando nada .

S/n:- só vou se me deixar beber so mas essa . Diz brava .

Jay :- tudo bem pega sua bebida . Devolvo a bebida dela que logo comigo até a parte de fora da festa .

S/n:- hum , o que você quer comigo não esquece que terminamos.

A coloco no meu carro e entro logo em seguida .

Jay :- só quero conversar .

Ligo o carro e dirijo em alta velocidade pra minha casa .

S/n:- conversa o que ela termina de beber sua bebida e joga o copo na rua ela tá muito bebada mesmo pra jogar assim um copo de vidro . - eu quero volta pra festa .

Jay :- não você já vendo demais , é agente precisa conversa.

S/n:- e sobre o que você quer tanto conversar ?

Jay :- eu quero conversar sobre agente , eu ainda te amo s/n !

S/n:- você me ama ? Você ? Logo você que me traiu com uma putinha qualquer logo você ? Ela diz exaltada .

Jay :- isso não aconteceu amor , eu preciso que me ouça ?

S/n:- não me traiu por que o Christian atrapalhou tua foda com aquela puta , Eu te amo tanto e você faz uma sacanagem dessa comigo .

Jay :- você ainda me ama ?

S/n:- eu já não disse que amo tá perguntando pra quer . Digo com ignorância 


S/n - on 

Eu estava um pouco bêbada ta , tá talvez um pouco bêbada Dimas mas eu compreendo a tudo a minha volta .

Jay :- você ainda me ama ?

S/n:- eu já não disse que amo tá perguntando pra quer . Digo com ignorância 

Jay :- mas que droga s/n  eu só quero conversar me deixa explicar .

S/n:- eu não quero Jay não dá me leva de volta agora .

Jay :- que merda s/n que merda você deixou aquele merda do seu ex se esplivar por que não me deixa explicar também . Grita

Podia ouvir tudo o que que Jay falava mas não podia responde a altura não sei o que está havendo sei q bebi mas eu não estava assim tudo está rodando muito e tô com muitas dores na barriga que droga  aiii as dores estão ficando mas é mas intenção estão ficando insuportáveis.

S/n:- ai Jay , aí . grito .

Jay :- o que foi está tudo bem ?

S/n:- não , não estar aiiiii tô com muita dor Jay muita dor ..

Jay :- dor ? Mas onde ?

S/n:- minha barriga .

Sinto um líquido escorrer por minhas pernas e percebo que era sanguem .

S/n:- Jay , Jay estou sangrando me leva pra casa !

Jay :- não você não está bem você está pálida está suando muito e tá com dor não tô te levando pro hospital.

O carro que Jay estava era muito veloz e em questão de minutos vejo o hospital , nesse momento já me sentia muito fraca e cansada minha visão embaçada agora já está totalmente escura não sei o que ouvi não consigo abrir meu olhos mas consigo ouvir tudo o que se passa .

Jay - on 

Jay :- s/n ? Amor acorda amor ? Não faz assim comigo amor ?  

A pego no Colo e a levo correndo pra dentro do hospital .

Jay :- alguém me ajuda aqui por favor . Grito com ela no colo.

Logo vejo um maqueiro vir correndo com uma maca em minha direção e junto com ele estava uma infermeira.

Enfermeira :- a deite aqui ! E assim fasso.

Ela logo a leva pra algum lugar que desconheço pois fui impedido de  acompanhá-la.

(...)

Já se passaram mais de uma hora que levaram ela e não me deram notícias nenhuma tô começando a ficar proucupado .

???:- você que é acompanhante da senhorita s/n ? Ele diz olhando em sua prancheta um formulário.

Jay :- sim , sou eu 

???:- eu sou o médico que está cuidando dela o senhor pode me acompanhar !

Jay :- mas é claro. Digo o seguindo . - mas como ela estar ?

Médico:- ela está bem , ela já está acordada . Ele diz se aproximando de um quarto , ele adentrar o mesmo é eu fasso o mesmo é logo avisto minha s/n deitada em uma cama com roupa hospitalar é recebendo alguns remédios na veia . 

S/n - on 

Jay :- Oi está bem ? Ele se pronuncia bem baixo mas baixo o suficiente para que eu pudesse ouvir.

S/n:- sim estou . Seguro a mão dela .

Jay :- você me deu um baita justo .

Médico :- bom a senhorita s/n vai precisar ficar aqui até amanhã pra termos a certeza que está tudo bem mesmo , e a senhorita não deveria beber em seu estado isso é muito grave você poderia ter sofrido outros tipos de compliçoes .

S/n:- mas eu não tenho nenhum tipo de restrição em relação a bebida doutor .

Médico :- tem sim e seu bebê você não pensa nele ?

Jay :- bebê ? Que bebê ? Ele olha pra mim. 

S/n:- o senhor deve estar enganado doutor eu não estou grávida . O médico verificar em seus documentos alguns papéis.

Médico :- sim você está e de dois meses e meio . Ele diz me mostrando o exame .

S/n:- mas não pode ser mês passado eu menstruei esse mês eu não mestraei até algumas horas aatraz mas a caminho daqui eu menstruei sim eu não posso estar grávida . Digo não acreditando no fato de estar grávida.

Médico :- o sangue que você acha que era sua mestruaçao era sinal que você estava perdendo seu filho mas o sangramento já foi contido .

S/n mas eu não sabia que estava grávida. Digo tambando meu rosto pra que ninguém vesse as lágrimas que escorria pelo meu rosto .

Médico :- vou deixar vocês a soes. Ele diz saindo do quarto.

Jay :- você está grávida amor ! De dois meses e meio então só pode ser meu filho não eh ?

S/n:- para de ser idiota se não for seu e de quem do Jooheon ? Não não eu até que tentei te esquecer mas só por eu estar com ele eu lembrava de você então não eu não transei com ele . Digo irritada.

Jay :- isso é uma coisa boa amor não fica assim, triste.

S/n:- saí daqui Jay me deixa sozinha !

Jay:- não eu não vou te deixar .

S/n:- saí daqui . Grito .

Ele se assusta mas faz o que pesso .

Não é possível eu grávida não isso não podia acontecer não agora eu ia fazer minha faculdade fora do pais ia sair amanhã mesmo eu amo o Jay mas depois do que ele fez não podia ter acontecido essa gravidez e agora o que vou fazer . Caio em lágrimas não sei o que fazer o que pensar e meus pais , não isso não pode acontecer eles não podem saber não agora meu pai vai ficar tão decepcionado eu não vou fazer isso com ele eu não vou . Eu vou dar meu jeito sozinha , me levanto e tiro aquelas agulhas que estavam em meu pulso troco de roupa e saio pelos fundos do hospital logo consigo um táxi e vou pra casa eu só preciso durmiu um pouco mas antes vou tentar troca meu vôo pra um leva manhã com facilidade consigo troca o horário do meu vou pra um das 8 da manhã agora é só eu durmi e amanhã vou dar um novo recomeço pra minha vida.


(...)


Quase não consegui durmi ontem pensando na minha gravidez ainda não consegui acreditar mas com o tempo a fixa vai cair todos chegaram pela manhã não quero acorda ninguém então vou deixar um bilhete avisando que o horário do meu vôo foi trocado e q viajei pela manhã.

(...) 

Vejo a chamada do meu vôo ser anunciada ,respiro fundo e vou para o portão de embarque  atravesso o portão e vou para o avião agora é uma vida nova só eu e você meu bebê sentada na poltrona fico a olhar pela janela o avião levantar volto , vejo toda minha vida de antes ficar pra traz .



Notas Finais


Perdão pelos possíveis erros ortográficos. Espero que estejam gostando deixem seus comentários aí , serviria de grande inspiração pra mim .
Obrigada.
😉


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...