História O Melhor Amigo Do Meu Namorado - Capítulo 5


Escrita por:

Postado
Categorias Histórias Originais
Personagens Personagens Originais
Tags Romance Adolescente, Triângulo Amoroso
Visualizações 5
Palavras 842
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Drama (Tragédia), Ficção Adolescente, Mistério, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Drogas, Insinuação de sexo, Sexo, Violência
Aviso legal
Todos os personagens desta história são de minha propriedade intelectual.

Notas do Autor


Se gostarem, deixe o favorito e comentem ♥️

Capítulo 5 - Traição part.2


O relógio marcava 23h30 e Jacob chega. Dono de um sorriso lindo. Com seu perfume de sempre, ele me abraça.

-Ta linda! - ele diz me beijando na bochecha.

-Olha quem diz.

Ele se sentou e nós ficamos jogando papo fora. Falamos de Phelipe, e como ele era meu amigo contei de João para ele.

Ficamos até umas 00h50 conversando e bebendo vinho. Foi aí que chegou uma hora que nos encaramos e ele me deu um beijo lento, calmo. Pegou na minha nuca e me puxou para mais perto. Eu estava querendo tanto ele que perdi a noção do tempo.

Finalmente, eu estava em seu colo e pegando em suas costas, passando minhas unhas de leve.

-Nao vou fazer nada que você não queira.

- Eu quero.

Ele então puxou minha blusa para cima e fitou meus seios , corei na hora, mas passou.

Ele então termina de tirar minha blusa com todo cuidado. E como eu estava sem short mesmo..

Ele me levou pro meu quarto, e me derrubou na cama, tirando sua blusa, que fez revelar sua barriga bem definida.

-Hahaha, a baba vai escorrer! - ele disse rindo e vindo pra cima de mim.

Ele destribuia beijos em meu pescoço e e ia descendo para os meus seios,eu estava com a respiração pesada, e já suspirava alto. Foi quando bateram campanhinha. Era Phe. Só pela voz que ele gritou meu nome.

-Ariellaaaaaaa- ele gritou.

Sem respostas, ele grita novamente.

-Eu sei que você tá aí! Hoje é o dia da sua mãe não vir.

Então, deixei Jake lá e fui abrir a porta.

Phelipe entrou, e foi em direção ao meu quarto. Dando de cara com Jacob sem camisa, logo ele direcionou seu olhar para mim, que estava so de roupas íntimas.

-Jacob. Você não é meu amigo. Eu te considero como um irmão. Mas você tá traçando minha namorada? - Ele disse e olhou incrédulo para mim.

- E você em sua sem vergonha. - Ele veio até mim e pegou meu rosto. - Sua safada. Não aguenta ver um homem.

- E você não aguenta ver sua ex.

Ele se virou para Jacob e começou a berrar.

- LOGO VOCÊ JACOB? LOGO VOCÊ? - Phe disse e sentou no chão, ele estava em lágrimas. Jacob não sabia o que fazer e eu muito menos.

Jacob então se levantou e foi até ele.

-Vamos resolver isso agora.

Phelipe olhou pra cima, se levantou e ficamos nos três cara a cara. 

-Eu deixo Ari decidir! Não quero ficar mentindo pra você Phelipe, eu e Ariella estamos marcando de ficar já tem um bom tempo.

-Nao quero mentir também, mas exijo que não minta também Phelipe! Vi você com a Deborah hoje.

- Eu juro por Deus que não fiquei com ela! Ela me trouxe para se aproveitar da situação. - Ele disse, e eu percebi que era verdade, logo me sentindo culpada por João, e por Jacob.

-Ok então. Desculpe.

-Mas então, o que vocês vão decidir? - Jacob disse me olhando.

-Nunca esperava isso de vocês dois. Mas eu acabei que não me incomodando. Jacob não é meu amigo, e sim um irmão. Vocês dois pra mim não me afetam.

Ele disse e eu o olhei incrédula.

-A gente é um triângulo amoroso agora? É isso? - eu disse e cruzei meus braços, logo dando conta que eu estava praticamente nua.

- Isso aí, eu não ligo. - Phe disse.

-Por mim.. - Jacob disse , e os dois se entreolharam.

-Nao vou esconder de ninguém, isso é estranho, eu namoro com Phelipe, Vocês são melhores amigos, e eu sou melhor amiga de Jacob. Isso tá uma confusão! Mas confesso também que Jacob mexeu comigo, e eu quero ficar com ele. Então por mim.. - Conclui seriamente, e os dois se olharam.

No fundo disso tudo, todos nós sabíamos que alguém ia sair com coração partido, ou não gostando de algo. Nunca imaginei que estaria numa confusão dessas, ainda mais com o melhor amigo do meu namorado. Meu vizinho a 4 anos, e o famoso quebrador de corações das meninas. Mas eu estava disposta. Jacob havia mechido comigo de uma forma suerreal, e totalmente sexual. Phelipe já mexia com meu psicologico, com meus sentimentos. Mas isso estava se misturando em uma proporção que eu não sabia mais lidar com os dois. Eu anseio ver o final, qual dos dois eu ficarei de verdade?

-Isso ficará só entre nós. Eu e Ariella continuamos namorando, e vocês melhores amigos, isso é sigiloso, ok? - Phelipe disse me livrando dos pensamentos, e tirando Jacob do celular.

-Ok. - Nos dissemos em conjunto.

- E agora? Vamos fazer o que? Continuar o que estávamos fazendo? - Jacob disse, dando um sorriso safado e me puxando pra perto.

- Eu me recuso a ver essa cena- Phelipe disse indo em direção a porta

-Voce concordou com a ideia.. - Jacob disse

- Mas não sou obrigado ver minha namorada com meu melhor amigo. - Ele disse e bateu a porta atrás de mim.

Eu sinceramente, naquele momento, só queria saber de Jacob.

-Vamos então? - Eu disse e ele sorriu.

Continua.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...