História O melhor amigo do noivo ll Kth e Pjm(Vmin) - Capítulo 45


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jennie, Jeon Jungkook (Jungkook), Jisoo, Jung Hoseok (J-Hope), Kim Namjoon (RM), Kim Seokjin (Jin), Kim Taehyung (V), Lisa, Min Yoongi (Suga), Park Jimin (Jimin), Rosé
Tags Bts, Romance, Vmin, Yaoi
Visualizações 414
Palavras 807
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ficção Adolescente, Fluffy, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá seus pervertidas, cheguei, bora continuar, desculpem qualquer erro.



Capítulo 45 - Forty-five


Fanfic / Fanfiction O melhor amigo do noivo ll Kth e Pjm(Vmin) - Capítulo 45 - Forty-five


A cada estocada funda que o loiro dava, me arrancavam gemidos baixos, altos, manhosos, era inevitável, Taeh retirou seu membro do meu interior, me fazendo gemer em reprovação, olhei para ele com meus olhos semicerrados, lábios entreabertos, sua face, sua expressão de luxúria, era única. Me ajoelhei, ficando na mesma posição que ele, juntando nossos lábios, ele puxou minha cintura, calando nossos corpos, nossos membros, causando uma fricção prazerosa, o que me fez gemer abafado contra os seus lábios viciantes. O beijo cessou, o loiro me virou de uma forma um tanto bruta, o que me fez sorrir, adorava esse seu jeito, ao mesmo tempo que era carinhoso, cuidadoso, agia com uma certa brutalidade, era algo inexplicável. 

TaeHyung foi me deixando de quatro aos poucos, fiquei exposto de tal forma, que fez minha timidez voltar. Uma de suas mãos segurou minha cintura, enquanto a outra estava a colocar seu membro em minha entrada novamente. 

Ele me invadiu, desta vez, com força, de uma vez só, me arrancando um gemido alto, tinha pena de quem estivesse à ouvir.

— Ahnn...Taeh. 

Eu não conseguia processar, era tudo além do real, suas estocadas estavam acabando comigo, da melhor forma possível. O loiro aumentou suas estocadas cada vez mais. 

— Hmm...Ah, Jiminnie. 

Seus gemidos, sua voz rouca e arrastada a me chamar, como era malvado, como estava a me torturar. Levei minha mão até meu membro esquecido, ficando apoiado apenas em uma delas, comecei a movimenta-la de forma rápida, enquanto ele ia fundo em meu interior. 

— Ah...hm...

Eu já nem tentava segurar mais nenhum gemido, arfares, nada, eu queria lhe mostrar o quão bom estava, o quanto estava gostando, como ele estava a me deixar. 

Já em espasmos, não consegui mais me apoiar, coloquei o rosto de lado, contra o colchão, minhas mãos ficaram espalmadas entre os cobertores, onde eu os agarrei em seguida. 

Nossos gemidos foram se misturando, ficando altos e frequentes, ele me deitou, deitando-se por cima, ainda me penetrando, seu rosto perto do meu ouvido, dando para ouvir ainda melhor seus gemidos roucos, ah TaeHyung, como você é perfeito. Sua mão tocou uma das minhas, a segurando, ele entrelaçou nossos dedos, me dando conforto, carinho, confesso que me senti melhor ao ato.

— Jimin...Jiminnie...Ah..- Ele me chamou, sua voz rouca e sexy me fez arrepiar por completo. — Eu vou...

Na tentativa falha em me dizer que iria gozar, senti seu líquido quente preenchendo-me, gememos juntos, estava me sentindo envergonhado, bem, apaixonado ainda mais, eram um turbilhão de sentimentos. 

Ele deixou um beijo em meu ombro, enquanto tentava normalizar sua respiração, assim como eu, com cuidado, Taeh saiu do meu interior, me fazendo arfar, eu me sentia acabado, mas, ainda não havia gozado. 

Ele sentou-se, apoiando suas costas na cabeceira da cama, me chamou e eu me sentei em sua frente, entre suas penas. 

Minhas costas ficou colada em seu tronco nu, suado, nossos corpos eram como ímãs. Suas mãos deslizaram pelo meu corpo, uma delas ficou em um dos meus mamilos, onde ele acariciou de forma carinhosa, mas completamente excitante, tentadora, torturadora. 

A outra desceu até meu membro, onde ele o segurou levemente, começando a movimenta-lo.

— Oh...Taeh...hm...- E la estava eu a gemer manhoso, apenas para ele. 

Suas mãos trabalhavam pelo meu prazer estendido, eu não iria aguentar muito tempo para vir. Sua mão aumentou os movimentos, acelerando o ritmo. A outra veio até meu rosto, o fazendo virar para ele, nossos lábios se conectaram de forma desajeitada, em um beijo necessitado, nossas línguas uma contra a outra era fodidamente maravilhoso.

— Hm....- Gemi abafado contra os seus lábios. 

Ele continuou os movimentos e mais uma modificada no ritmo, me fez vir, sujando sua mão, e parte da minha barriga. 

— Aahnn...- Me último gemido alto poderia ter sido ouvido por quem passará por ali. 

Meu peito subia e descia rápido, minha respiração ofegante denunciava o quão ótimo me sentia. Olhei para ele, TaeHyung fez questão de levar sua mão coberta de sêmen até seus lábios, ele passou sua língua lentamente entre seus dedos sujos, me olhando fixo, aquele olhar fodidamente sexy, meu rosto corou só de ver a cena. 

Encarei seus lábios, me virando bruscamente, não pude evitar em ataca-los, em um beijo apaixonando, sentindo o meu gosto ainda em seus lábios. 

Suas mãos me puxaram para seu colo, fiz questão de rebolar lentamente sobre ele, movimentando meu quadril. 

— Jiminnie...- Me chamou baixo. — Se continuar, teremos segundo round.

Disse o loiro, me fazendo sorrir entre o beijo. Cessei o mesmo, afastando meu lábios dos seus. Olhei fixo para seu pescoço, sua clavícula, e me aproximei de seu pescoço, deixando selares, seguidos de umas mordidas, que começaram a ser sucções lentas, deixando em sua pele, marcas avermelhadas que mais tarde, seriam chupões. Sua mão adentrou meus fios de cabelo, me guiando aos locais, mostrando seus pontos fracos. 






Continua? Claro ♡



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...