História O Melhor De Mim - Stemily - Capítulo 4


Escrita por:

Postado
Categorias Arrow
Tags Amizade, Drama, Família, Romance
Visualizações 18
Palavras 1.611
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Capítulo 4 - 3 - VOCÊ?!


PV: STEPHEN AMELL


- Tudo certo por aí filho? - perguntei olhando para o espelho que me permitia o ver sentado em sua cadeirinha verde no banco traseiro. 

- Hunrrum. - murmurou me olhando por alguns segundos e logo concentrando sua atenção ao tablet em suas mãos onde estava assistindo algum de seus desenhos de carros.

(***)

- Aymme, você está linda! - falei ao ver minha irmã. Eu tinha acabado de chegar a sua festa, e estava com Liam em meu colo. Estávamos todos, (Eu, Liam, minha mãe, alguns amigos, primos e tias) no salão onde iria ser sua festa de 24 anos. Pois é, minha irmã casula, já não era mais uma adolescente que adorava me pertubar, faz algum tempo. 

- Obrigada maninho. - me olhou de cima a baixo. - Você também está um gato! - sorri e a abracei de lado com o braço que não estava segurando liam. - Oi meu amor! - Aymme pegou na mãozinha de Liam depositando um beijo ali.

- Titia! Palabéns - falou enrolando um pouco e eu e Aymme rimos.

- Obrigada príncipe! Olha, você também está muito lindo. Seu pai tem bom gosto. - Liam sorriu abertamente, o que eu também o fiz.

- Filho. - escuto a voz de minha mãe atrás de mim e me viro a olhando. - Que bom que você chegou. - lhe sorri dando um beijo em sua bochecha. - Liam! - minha mãe lançou um sorriso a Liam que devolveu igualmente.

- Vovó. - Liam se contorceu em meu colo até que eu abaixasse e o coloca-se no chão para então ele se jogar no colo de minha mãe, que se abaixou para o abraçar.

- Isso tudo é saudade? - riu o enchendo de beijos. E sim, tudo aquilo era saudades. Por mais que ele tenha visto Aymme e minha mãe a uma semana - Filho, David está te procurando. - Minha mãe levantou com liam em seu colo, me encarando.

- Obrigado, mãe. Vou lá com ele. Quer vir filho? - perguntei a Liam que assentiu, ele também era muito apegado a David, ele era como um tio para Liam, e há algum tempo ele não o via.

Olhei para trás e vi que minha irmã já estava com Erick, seu mais novo namorado, que ainda me incomodava um pouco mas eu estava me acostumando., E então peguei Liam em meu colo e segui até onde minha mãe apontou com a cabeça, indicando onde David estava.

- Esperando por alguém? - perguntei quando cheguei a porta do salão percebendo que ele  olhava para  o local ancioso.

- Que susto. - me olhando. - E aí cara! - bagunçou os cabelos loiros de Liam que sorriu traveso. 

- Não vai me responder? - perguntei vendo que ele tinha ignorado minha pergunta. 

- Sim, convidei uma... Amiga. - falou hesitante.

- Hum... Amiga. - sorri vendo como David estava ancioso e tenso. Percebi que não era apenas uma amiga. 

- Sim. - revirou os olhos. Liam estava alheio a nossa conversa, ele olhava a decoração da festa ao redor. Que se baseava em vários balões dourados, três mesas brancas com comidas em cima, na parede onde ficava a mesa maior e central, havia um "2" e um "4" gigantes e dourados. Ainda na mesa central tinha um bolo também dourado com branco e alguns detalhes nele, como flores. Fora a isso, haviam várias cadeiras e  mesinhas com petiscos e bebidas em cima delas. Havia também um lugar "Kids" onde tinha uma cama elástica, uma daquelas piscinas de bolinhas, tatames e brinquedos espalhados por eles onde algumas crianças brincavam. Minha irmã havia escolhido uma festa simples, porém bem organizada e aconchegante. - Ela me disse que iria trazer uma amiga junto. - falou me encarando.

- E é bonita? - O perguntei interessado e rindo.

- Não sei, nunca a vi.

Continuamos conversando por mais alguns segundos até que meu primo Robbie chegou na conversa alegando que sua namorada não pode vir e assim começamos uma conversa entre os três, Liam havia ido com Aymme que se ofereceu a levá-lo para brincar nos brinquedos.

- Acho que é ela. - David falou.

- Quem? Sua namorada? - Robbie perguntou rindo, nós já havíamos lhe contado que David esperava uma mulher. David apenas revirou os olhos e eu desviei meu olhar para duas mulheres loiras,  uma baixinha e outra um pouco maior, a mais alta estava usando um salto médio, preto, com uma saia também preta e uma blusa com detalhes preta também, seus cabelos estavam presos em um penteado em forma de flor. A "baixinha" usava um salto não tão alto e não tão baixo, um vestido dourado e colado, com uma pequena abertura na coxa e suas cabelos que eram andulados e iam até metade das costas estavam soltos. 

A mediada que elas se aproximavam eu tinha uma pequena impressão que já havia visto uma delas. As duas pararam a nossa frente e a mais alta encarava David com um largo sorriso e eu pude perceber que essa era sua "namorada", não conseguia desviar meu olhar de, ao que parece, sua amiga, e ela parecia também me encarar com curiosidade. Ela desviou seu olhar do meu quando sua amiga falava alguma coisa a David que lhe sorriu e ela o retribuiu igualmente, por isso deduzi que sua amiga havia lhe apresentado a ele, mas eu nem mesmo a escutei. 

- Este é meu melhor amigo, - apontou pra mim, no mesmo tempo que as duas mulheres também me olharam. - Stephen Amell, irmão da aniversáriante. E esse, - apontou a Robbie. - é seu primo, Robbie. - Nos apresentou. - Stephen, Robbie, essas são kaite Cassidy e... - Pareceu lembrar o nome da outra mulher que voltava a me encarar. - Emily...Bett..,Rickards? - a olhou e ela assentiu ainda me encarando. 

- Você. - Murmurei a encarando da mesma forma. 

- Eu? - perguntou confusa sem deixar de olhar em meus olhos. Passou seu olhar por todo meu corpo parando novamente em meus olhos. - Você. - murmurou novamente.

- Vocês se conhecem? - David e Katie falam em uma só voz, ficando envergonhados mas logo nos encarando de novo. Robbie estava apenas nos observando curioso e divertido.

- Sim./Não. - Concordei e Emily discordou ao mesmo tempo. Nunca deixando de nos encarar.

- É... Então, querem nos explicar? - Robbie perguntou risonho e eu tive vonta de o esmurra-lo aqui mesmo por seu tom.

- Bom, não nos conhecemos diretamente, apenas derrubei café em sua camisa quando nos esbarramos na lanchonete. - Emily falou por fim, como se isso fosse normal, deixando de encarar-me, e me dando ainda mais certeza de que era ela quem eu tinha derrubado café em mim há alguns dias. 

- Oh, entendi. - Katie nos olhou.

- Papai! - Virei-me de costas e vi Liam correndo em minha direção. - Vamos logo, vamos canta palabéns pá titia! A vovó tá chamando. - falou puxando minha mão em direção a mesa do bolo que já estava rodeada de pessoas. Mas continuei parado. O peguei no colo e virei-me para meus amigos novamente e encontrei o olhar curioso e confuso de Emily me encarar.

- Este é meu filho, Liam. - Falei olhando de Katie para Emily que ainda me encarava confusa e quando voltou seu olhar para Liam sorriu minimamente com compaixão. 

- Olá, Liam. - falou sorrindo a ele.

- Oi. - Respondeu tímido. - Qual é o seu nome?

- Emily. - disse ainda sorrindo.

- E eu me chamo Katie. - Katie disse lhe sorrindo gentilmente.

- Meu nome é Liam. Mas meu papai já disse isso. - Falou me olhando e fazendo todos rirem. Começou a se contorcer em meus braços e eu o coloquei no chão. - Agora vamos logo. A titia vai ficar blava se vocês não irem canta os palabéns dela. - Liam falou encarando todos nós, que rimos novamente mas logo fomos cantar os parabéns de Aymme, que se apresentou as duas mulheres e já estavam mais amigas do que o normal para três pessoas que acabaram de se conhcer.


(***)


- Filho temos que ir. - Falei já pela segunda vez. Estava encostado em um dos pilares do salão, próximo onde ficavam os brinquedos que Liam estava brincando junto a Emily que estava ajoelhada no tatame o empurrando em um cavalinho de plástico enquanto riam juntos de coisas aleatórias. Era espantoso como meu filho já estava tão "solto" e extrovertido com ela, normalmente Liam era tímido com as pessoas, ainda mais no primeiro dia em que as conhecia. 

- Ah papai! Mas eu quelo blincar um pouquinho mais com a Emy! - Resmungou manhoso, arqueei uma sobrancelha com o apelido que ele a tinha dado, e Emily apenas o encarou sorrindo. Mesmo que apenas agora ele tinha usado um apelido para a chamar, aquela não era a primeira vez que eu ouvia aquilo nesse mesmo dia. Suspirei.

- Liam, quase todos já se foram, eu preciso ir para casa. Assim como você e seu pai. - Emily falou o encarnado e segurando suas mãos.

- Tudo bem. - Murmurou desanimado. - Emy? - A encarou de um jeito que eu bem conhecia, esse era seu truque para fazer com que as pessoas não conseguissem lhe dizer um "não", e logo soube que ele lhe pediria algo. ela o olhou esperando que continuasse. - Então eu posso ir na sua casa amanhã pá gente blincar de novo? - Arregalei meus olhos diante daquela pergunta e Emily não estava nem um pouco menos surpresa que eu.  

----------

CONTÍNUA???




Notas Finais


COMENTEM OQUE ACHARAM!!!!😉😉😉

DESCULPEM PELOS ERROS!!!🙏🙏🙏

ESPERO QUE TENHAM
GOSTADO!!🤗🤗🤗

BEIJOS E ATÉ A PRÓXIMA ATUALIZAÇÃOO!😙😙😙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...