História O Menino De Pijama Listrado-Taeseok-V-hope - Capítulo 6


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Personagens Originais
Tags Bangtan Boys (BTS), Hoseok (shmuel), Hoseok Kid, Nazista, Segunda Guerra, Taehyung (bruno), Taehyung! Kid, Taseok, Tragedia, Vhope
Visualizações 2
Palavras 617
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Aventura, Drama (Tragédia), Ficção, Fluffy, Lemon, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Bissexualidade, Homossexualidade, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


:)

Capítulo 6 - A janela do deposito


 Taehyung estava deitado na cama em seu quarto, olhando para o teto sobre a cabeça. A tinta branca estava rachada e descamando de uma maneira bastante desagradavel, ao contrario da pintura da casa de Berlim, que nunca ficava arranhada e recebia uma segunda demao de tinta no verao, quando a mae trazia os decoradores. Naquela tarde em especialele ficou la deitado olhando as rachaduras em forma de teia de aranha, estreitando os olhos para imaginar o que haveria para alem delas. Pensou que poderia haver insetos morando entre o espaco do teto e a tinta, e o movimento deles seria responsavel por forcar a pintura, inchando-a por dentro, provocando as rachaduras, tentando abrir uma brecha grande o bastante para que eles pudessem atravessar e procurar a saida pela janela, por onde escapariam. Nada, pensou Taehyung, nem mesmo os insetos jamais optaria por ficar em Haja-Vista.

 

Varias semanas depois de Taehyung ter chegado em Haja-Vista com  sua familia e sem nenhuma perspectiva de uma visita de seus amigos, ele decidiu que era melhor iventar alguma maneira de se divertir, ou entao acabaria enlouquecendo aos poucos. Taehyung conhecera apenas uma pessoa que ele considerava louca Herr Roller. Para manter-se distraido, Tae passou a longa manha e a tarde de um sabado criando para si uma nova diversao. A certa distancia da casa- do lado de Gretel e impossivel de se ver da janela de seu proprio quarto- havia um grande carvalho, de tronco bastante alentado..Uma arvore alta, de galhos robustos, fortes o suficientes para suportar um menino pequeno. parecia tao alta e velha que Taehyung estava certo de que fora plantada em algum momento da baixa idade media. um periodo que ele estudara ha pouco tempo e descubrira ser muito interessante - em especial as partes que falavam de cavaleiros que saiam para terras desconhecidas em busca de aventuras e desvendavam misterios curiosos durante o processo.

Taehyung precisava apenas de duas coisas para criar seu divertimento: um pedaço de corda e um pneu. A corda foi bastante facil de encontrar, pois havia rolos no porao de casa.O pneu ja era outra historia. O tenente Kotler estava numa conversa com Gretel, e o quer que estivesse dizendo devia ser irrestivelmente engraçado, pois ela ria alto e enrolava  cabelo ao  redor dos dedos, formando aneis.

"Ola", disse Tae ao se aproximar deles, e Gretel lançou-lhe um olhar irritado. "o que voce quer?", perguntou ela " eu nao quero nada", devolveu Tae, fuzilando-a co o olhar. "So vim dizer oi.","por favor, desculpe meu irmao mais novo kurt, sabe como e, ele so tem nove anos"disse Gretel." Bom dia, homenzinho" disse Kotler, "e qual motio o tira da cama tao cedo numa manha de sabado?", "nao tem nada de tao cedo", disse Taehyung. "sao quase dez horas", " eu imaginava se poderia lhe pedir um favor" , "pode pedir" disse o tenente Kotler, fazendo Gretek rir de novo, embora isso nao fosse engracado. "eu queria saber se nao ha algum pneu estepe sobrando" prosseguiu Tae "o unico estepe que vi sobrando e do sargento Hoffschneider, e ele o tras ao redor da cintura"  diz Kotler fazendo Gretel gargalhar "chega Kurt, ele nao entende so tem nove anos", "Da para ficar quieta por favor? voce tambem so tem doze anos, entao pare de fingir que e mais velha" gritou Taehyung irritado "enfim, alem desse pneu ha mais algum para eu poder fazer um balanco?" disse Tae ignorando o olhar de odio da irma " e claro" , " ei, voce!" gritou Kotler " venha ca seu judeu imundo" .

depois de Taehyung ter ido junto com Pavel ate o deposito e pego um pneu ele passou a tarde interia se balançando.

 

 

 


Notas Finais


talvez demore um pouco para o Taehyung encontrar o Hoseok
esse final meio nada a ver pq a preguiça e mais forte


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...