História O Meu Amado Tio. - Capítulo 45


Escrita por:

Postado
Categorias Jared Leto
Personagens Jared Leto, Personagens Originais
Tags Drama, Jared Leto, Romance
Visualizações 15
Palavras 1.297
Terminada Não
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 16 ANOS
Gêneros: Drama (Tragédia), Famí­lia, Romance e Novela
Avisos: Álcool, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Suicídio, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Olá, mais um capítulo pra vcs e está sem revisão... Boa leitura 😉

Capítulo 45 - Entre inimigos


Fanfic / Fanfiction O Meu Amado Tio. - Capítulo 45 - Entre inimigos

''Quando eu digo que te amo, não digo por força de hábito. Eu digo para te lembrar que você foi a melhor coisa que já aconteceu na minha vida. Te amo!''


POV de Austin.


Estava ali na padaria de confeitaria deitado no sofá com ela deitado sobre meu peito e fico olhando pro teto, passei um momento que sempre esperei passar este momento ao lado da pessoa que amo.

-- Te amo kristen -- digo e ela desencosta, foco meu olhar pra ela os arregalando e me jogo o corpo assustado caio no chão.

-- Austin eu nao sou kristen e nao acredito que fez amor comigo pensando nela? -- pergunta me olhando séria e olho pro lado sem graça.

Me levanto do chão pego minha roupa começo a me vestir rápido e paro olho pra ela.

-- Me desculpa, eu disse não poderia corresponder seu sentimento, eu amo kristen e acabei delirando ela em voce, mede desculpa -- falei e sai da sala rápido.

-- Austin! Austin! -- gritava.

Caminhei ate a porta indignado como pude aproveitar de Jeniffer e vendo kristen, eu nao poderia corresponder o que ela sente por mim, saio correndo pela rua com meu pensamento a mil, vinha imagem de kristen na minha cabeça e corria nem percebia, quando me do conta atravessava vinha um carro e buzina freia encima bato a mão no capo, olho pro motorista desnorteado e saio correndo, escuto o motorista me chamar.

Chego em casa, entro vou direto sentar no sofá e coloco a mão sobre a cabeça começo chorar... Estava ali sentado sinto uma mão sobre meu ombro.

-- Filho porque ta chorando? -- pergunta minha mãe e eu viro abraçando a cintura dela.

-- Eu nao aguento mais mãe -- digo chorando.

-- Nossa filho, o que esta acontecendo com você querido?

-- Eu nao aguento a kristen  terminar comigo por causa do meu pai e nao aguento o desprezo dela -- falava chorando.

-- Eu odeio esta garota, deste que chegamos aqui nossa vida virou um inferno por causa dessa maldita e nao posso deixar ela destruir minha família ...

-- O que posso fazer ela gostar de mim mãe? -- pergunto e ela me abaixa segurando meu rosto me encarando.

-- Querido precisamos separar os dois e você precisa me ajudar tirar ela do caminho do seu pai, a pressiona ja que são namorados, nao deixa ela livre poderá ficar com seu pai.

-- Nao vou deixar ele ficar com ela, eu a amo e é comigo quem ela ficara -- falei enxugando as lágrimas.

-- Isso filho, nao pode deixar os dois ficarem juntos -- falou ela me encarando.

-- A senhora tem razão nao vou deixar -- falei e ela me da um beijo no rosto.

Me chama pra jantar e meus irmãos estavam sentado, comemos juntos e fiquei pensando no que minha mãe falou, nao vou aceitar o fim de nosso namoro, isso que ela quer por gostar do meu pai e por causo dele eu o odeio do fundo do meu coração, por causo dele eu não consegui conquistar o amor da minha vida, amanhã vou atrás dela e não vou deixar ela terminar comigo, ficará comigo querendo oum não,  vai acabar me amando... subo no quarto me arrumo fazendo minha higiene e deito na cama fico pensando o que farei amanhã.


POV DE KRISTEN...


No dia seguinte...

Acordei com o despertador do celular e levanto me sentando na cama, coloco a mão sobre minha barriga, esta grandinha ja esta aparecendo esta mais saliente, fico alisando quando ouço toque na porta, olho abrindo.

-- Bom dia querida, ta acorda?

-- Bom dia mãe, estou sim -- falei e abri um sorriso pra ela e se aproxima de mim sentando na cama.

-- Sua barriga ta crescendo bastante e logo estará entre nós -- fala e coloca a mão sobre minha barriga.

-- Sim, nao vejo a hora em tê-lo em meus braços e como eu era mamãe quando bebê? -- perguntei e ela virou o rosto ficou com expressão triste, se levanta da cama para no meio do quarto.

-- Se arruma querida e venha tomar café da manha, precisa se alimentar -- disse sem olhar pra mim e sai andando saindo do quarto.

Deve ser difícil pra ela continuar com esta farsa, mais ela esta feliz com minha gravidez e eu perdoou pelo passado, era uma mentira e fiquei acreditando no que minha mãe me falava.

Me levanto, vou no banheiro tomo banho e faço minha higiene matinal, saio do banheiro me visto com a roupa da escola, passo maquiagem básica, deixo meu cabelo solto mesmo e estava pronta, pego minha bolsa e saio pra ir tomar café da manhã.

Chego eles estavam tomando e os cumprimentei com bom dia e com Beijo no rosto os dois, começamos tomar café juntos.

Depois que termino, pego minha bolsa despeço-me deles e vou caminhando até o colégio, passo na rua aonde vi Jared e ele estava parado me esperando, me aproximo do carro dele, entro dentro do carro e viro pra ele o beijo.

-- Bom dia Jay -- digo depois do beijo.

-- Bom dia querida, estava louco pra te ver sabia! -- disse e alisava meu rosto do lado, como meus olhos fechados

-- Eu também estava -- abro os olhos -- eu queria sempre ficar do seu lado -- digo e ele se aproxima me da uma beijo carinhoso.

Ficamos ali por alguns minutos mandando a saudade que sentimos um pelo outro, ficava abraçados conversando sobre nosso filho de tudo um pouco, nao vimos a hora passar e recebo uma mensagem de Kate, fico incrédula que ao lado dele o tempo passa rápido.

-- Preciso ir Jay -- digo o encarando.

-- Tudo bem querida, podemos nos ver a tarde?

-- Podemos sim, eu passo na sua casa; agora sei aonde mora -- digo abro um sorriso largo.

-- Pode ser, te mando mensagem quando eu sair do banco.

-- Ta bom, tchau Jay e te amo muito -- falei e ele coloca a mão sobre meu rosto.

-- Também te amo querida -- diz e se aproxima me dar o ultimo beijo intenso.

Logo na sequencia, eu saio do carro to tchau pra ele e também me dar, sai com o carro fico acompanhando indo embora... Continuo no meu caminho encontrar as meninas e ando na rua com sorriso de felicidade, quando me aproximo de uma esquina Austin aparece ficando na minha frente.

-- Agora podemos conversar sem ter alguém pra atrapalhar -- diz me olhando sério.

-- Nao temos nada pra conversar Austin -- falei e ia passando por ele, quando segura meu braço.

-- Temos sim, você acha que vai sair terminando o namoro assim como bem quer, eu não terminei e você continua minha namorada querendo ou não -- falava e segurava meu braços forte, ficava fazendo cara de dor.

-- Austin me solta, você esta machucando meu braços, me solta Austin -- falava tentando puxar meu braços ele segurava forte estava doendo.

-- Voce acha que vai se livrar de mim pra ficar com meu pai, eu nao vou deixar e vocês ficarem junto, voce não sabe o que sou capaz kristen -- falava e eu tenta a tirar meu braço de sua mão e nao conseguia.

-- Você e ninguém vai me impedir de ficar com ele, eu tenho ranço por voce, nojo -- falei olhando séria e ele encerras os dentes arqueando a sobrancelha, me puxa rente a ele -- me solta Austin, me solta -- completei e ele começou me beijar a força.

Fico relutando quando consigo sair dos braços deles, lhe do um tapa no rosto dele, ameacei correr e ele me segura.

-- Você sera minha kristen e de mais ninguém, venha -- disse começou me puxar e ficava relutando pra me soltar dele.

Fico me debatendo, consigo escapar e saio correndo; ele sai correndo atrás e quando eu vou atravessar a rua, vinha um carro na minha direção buzinando e arregalo meus olhos com a mão esticada...


Notas Finais


E aí oq acharam do capitulo? Deixa seu comentário e até o próximo capítulo 😙💋


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...