1. Spirit Fanfics >
  2. O Meu Lugar >
  3. Macacos de estimação

História O Meu Lugar - Capítulo 3


Escrita por:


Capítulo 3 - Macacos de estimação


Permanecemos paradas por alguns instantes dentro do carro em frente a escola. Rachel olhava fixamente para frente, enquanto suas mãos seguravam firme o volante. Então após dar à ela um tempo pra se recompor, decido interromper seu transe: 

- Rach... você está bem ? - eu perguntei suavemente, colocando a mão em seu ombro. 

- O que ? - e virou a cabeça em minha direção - Ah claro... - e deu um pigarro - Estou bem sim ... - e seguiu dando partida no carro.

- Tem certeza ? 

- Ora essa Milly, já disse que estou bem !

- Ok então, já vi que sim ! - e virei a cara pra tentar esconder minha irritação. 

- Ah Milly, qual é? Deixe de drama. Estamos atrasadas já, melhor correr se não quisermos que perca seu emprego.

- Eu nem gosto daquele lugar mesmo ! 

- Não importa Milly, você precisa aguentar. Temos contas pra pagar, uma casa pra sustentar...

- Eu sei, eu sei... porque você acha que eu ainda faço tanto esforço? - eu já estava começando a me preocupar com o tom dessa conversa, já prevendo um sermão logo adiante.

- Então se você sabe, pare de reclamar. Quando você me pediu ajuda, eu avisei que não seria fácil, mesmo assim você concordou. Tem que arcar com as responsabilidades. Temos que ir em frente.

- Eu sei Rach, eu não vou desistir. Mas acontece que lá as pessoas me olham torto, me tratam com indiferença sabe ? Me julgam pela minha posição e quando descobrem que eu sou brasileira, fingem que eu nem existo... - nesse ponto sou interrompida.

- Querida eu sei que é difícil, mas ... - Então me lembro de contar a ela algo que havia acontecido alguns dias atrás. 

- Esses dias, um hóspede veio até mim perguntar se no Brasil criávamos macacos como animais de estimação ! Você acredita nisso ??? - e então comecei a corar de raiva.

- Meu bem ele devia estar sob efeito de álcool, você sabe que lá tem muita festa, só frequenta a galera engravatada... eu cansei de fazer reservas lá para o senhor Stark... 

- Ele estava fazendo Check-in Rach ... o desgraçado tinha acabado de chegar ao hotel. - eu disse em um tom mais alterado.

- Ah querida isso é horrível... mas ouça, eu sei que é muito difícil, e com certeza você ainda vai passar por situações horríveis... mas o emprego é bom, tem excelentes benefícios, plano de carreira, bônus de natal ... fora que o plano de saúde deles cobre diversas necessidades... - por mais que eu estivesse frustrada com a situação, eu sabia que ela estava falando essas coisas buscando me aliviar.

- Eu sei Rach, mas é muito difícil você estar em um lugar onde você é menosprezado, onde você sabe que está desperdiçando todo seu potencial e também sabe que é bom demais pra estar ali. Eu sei que eu mereço mais ... e é muito ruim ter que aceitar que minha função é limpar a bagunça de quem nem sabe que eu existo... 

Nesse momento meus olhos marejaram. Enxugo meus olhos na manga da blusa que eu usava e respiro fundo meio ao silêncio que novamente toma conta do carro. Logo após essa conversa intensa, viramos o carro na rua do Elísio Plaza, hotel onde eu trabalhava. Rachel parou o carro uma quadra antes da entrada. Soltou o cinto de segurança, olhou bem para os meus omhos e viu neles a tristeza profunda que eu sentia toda vez que chegava na porta daquele hotel. Apesar de ter sido gravemente afetada pelas dificuldades da vida, Rachel sempre teve um bom coração e, na maioria das vezes, sempre sabia o que dizer. Era a mais sensata de nós.

- Olha Milly, eu sei que agora não era isso que você queria pra sua vida. Eu sei que você tem muito potencial e que trabalha muito pra ajudar nossa família... Mas pense nisso como algo temporário, está bem ? Logo eu consigo minha promoção e você então poderá sair desse emprego medíocre que você tanto odeia e procurar algo que tenha mais haver com você.  O que você acha ? - ela me olhou de um jeito que fazia muito tempo que eu não via. - Você pode largar esse emprego e permanecer ajudando o Erick no café ou, ir estudar algo pra ter uma profissão melhor... 

- Mas Rach ... se eu fizer isso, não sei como vai ser ... e se ficar pesado pra você pagar as contas sozinha, não sei quanto tempo vou demorar pra arrumar outro emprego ... e tem o plano de saúde que você faz tanta questão... - minha voz já estava ficando trêmula com o choro querendo sair.

- Não se preocupe querida, a gente consegue. Logo a reforma no novo andar da torre Stark vai ficar pronta e então a Susan vai ter que escolher alguém pra assumir o novo setor. Estou lá tempo o suficiente para que eles cogitem meu nome, sou extremamente qualificada pra isso. Tenho certeza que vou ganhar a promoção. 

Aquelanotícia me fez brilhar os olhos, e num impulso de felicidade, abracei minha irmã com ternura.

- Ah Rach, isso é incrível. Estou tão feliz por você... obrigada por tudo... nem sei como te agradecer ...

Rachel me dá um leve tapinha nas costas, pois apesar de ser sensata, nunca foi muiti boa com afeto. Então, sorrindo super sem graça, se afastou de mim e disse: 

- Que tal me agradecer dando o fora do meu carro e ir cuidar dos macacos que esse lugar chama de hóspedes?? - agora sim a risada era verdadeira.

- Ah sim claro ! Preciso correr ... - e abro a porta do carro onde paro na calçada, colocando a cabeça pra dentro da janela. - Obrigada Sis ... tenha um ótimo dia ! 

Rachel me sorriu de volta e seguiu com sua viagem em direção ao trabalho.





Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...