1. Spirit Fanfics >
  2. O meu mundo sem cores (Imagine-Kim Taehyung) >
  3. Chapter twenty-six

História O meu mundo sem cores (Imagine-Kim Taehyung) - Capítulo 27


Escrita por:


Notas do Autor


Hey boos
Último de hojee <3
Espero que gostem, e aproveiteeem
Boa leitura 💞

Capítulo 27 - Chapter twenty-six


Fanfic / Fanfiction O meu mundo sem cores (Imagine-Kim Taehyung) - Capítulo 27 - Chapter twenty-six


//Lari

Depois de almoçarmos num restaurante que ficava no centro da cidade começamos a ser seguidos então chamámos um Taxi e fomos para hotel, onde eu ia ter a reunião. 
Arrenpendi-me completamente de entrar naquela sala. Suk-min estava lá, e ninguém me tinha avisado, e eu acho que nem era suposto. 
Taylor ficou atrás de mim durante toda a reunião e ele não parava de me olhar, a cada frase que eu dizia ele me encarava bem no fundo. Olhares sempre me chatearam e incomodaram muito...
No fim da reuniao ele veio até mim.

-Que linda doutora! Comia-te agora, mas trouxeste o puxa saco do teu segurança! - como era suposto eu reagir a este tipo de comentário ??

-Suk-min, chega! Que praga, sempre atrás de mim.- suspirei e sai com Taylor.

-Não te chateio mais, vou apanhar agora um voo!- ouvio dizer já longe.

O dia foi bem corrido, quando estás bem e numa cidade de sonhos o tempo passa a voar. 

*Quebra de tempo*

Estava uma noite quente por isso fomos dar uma volta bem calma.

-O que queres fazer da tua vida?- ele perguntou enquanto caminhávamos.

-Bem, eu vou para a faculdade, vou seguir direito!- ele me encarou.

-Direito? A serio? Nao parece muito a tua cena.

-Eu quero ser advogada, sempre quis ser. E por mais que adore desenhar e o faça bem, nunca vai ser mais que um passatempo.

-Pareces decidida.- ele sorriu.

-E estou.

-Então um dia ainda te quero ver na televisão mas por casos importantes- ele referia-se á profissão.

-Espero que sim!

*Quebra de tempo*

-Taylor ? A minha mala?- perguntei vendo que estava atrasada.

-Está lá em baixo! Já esta no carro anda!- ele gritou do corredor e eu peguei a minha carteira e o segui.

Fizemos um check-out e rapidamente chegámos ao aeroporto.
Desta vez ficámos mais tempo á espera do avião. E eu comprei um livro, para ler no avião. Também comprei um colar para oferecer á minha mae. E um relógio que foi um achado para o meu pai.

*Quebra de tempo*

Faltavam quinze minutos para aterrarmos e Taylor estava a mostrar-me todas as fotografias que me tinha tirado, também tinhamos tirado alguma juntos.

-Vou imprimi-las e juntá-las num livrinho! Deois dou-te!- ele disse todo contente.

-Obrigada!- sorri.

-Sabes que estava com imenso medo que acontecesse algo? - cada vez me surpreende mais.

-A sério ?

-Sim, estava com medo de não ser capaz de tomar conta de ti. Mas ainda bem que foi tranquila a viagem.

-Fizeste um ótimo trabalho, alias fazes sempre..- sorri e a senhora avisou que ia começar a aterragem. 

*Quebra de tempo*

-Bem vinda de volta filha!

-Que saudades que já estava da minha omma, e do meu oppa- disse abraçando os dois.

-Como correu a viagem?

-Bem, tudo muito tranquilo. - peguei na minha carteira- Trouxe umas coisinhas - sorri.

-Omma- dei-lhe a caixinha que continha a prenda dela- E oppa- ele ficou a olhar para a caixa e deu um berro quando abriu.

-Onde conseguiste isto?- sorri e ele abraçou-me.

-É tão lindo, pões me filha?- a minha mãe olhou para o colar e os olhos dela brilharam. - Obrigada meu anjo. Todos te esperam na empresa, depois quero te levar ao apartamento!

-Posso fazer isso tudo amanhã estou mesmo cansada! - Disse já em direção às escadas.

-Sim, claro meu anjo..

Era a última noite que ia dormir aqui, porque amanhã já ia para a casa nova. Estou tão ansiosaaaa

*Quebra de tempo*

Acordei com aquela maravilhosa vista do jardim, e me levantei logo. Tomei um bom banho para acordar bem e vesti um vestido vermelho longo, porque hoje ia ser um dia muito especial.

Desci e tomei o pequeno-almoço com os meus pais.

-Filha, eu levo-te á empresa hoje e depois quando estiveres despachada quero te apresentar a tua casa.

-Está bem omma.- sorri.

*Quebra de tempo*

-Estao aqui todas as propostas que fizeram naquela reunião, estudem todas as epóteses para contratos que levam as ações a subir. - disse terminando a reunião.

-Sim.. - todos concordaram.

-Obrigada e até á próxima.

Enquanto arrumava a secretária, senti um perfume conhecido.

-Ainda bem que te afastaste do “TaeTae”- ele tentou imitar-me.

-A serio Suk-min. Diz de uma vez o que queres. - disse já sem paciência.

-Quero te, A ti- ele reforçou a ideia.

-O que eu tenho que tu queres tanto?- eu era só eu, não via o porquê de insistir tanto.

-Tu. Simplesmente es especial! - sorri de ironia.

-Sim, tens piada, com licença!- peguei nas minhas coisas.

-Vejo que a tua viagem correu bem- simplesmente fingi que não ouvi.

*Quebra de tempo*

Aquilo estava um sonho.

-Filha, o Tae implorou-me para vir cá, então eu trouxe-o... ele deixou cá a camara antiga dele para te lembrares sempre dele.- Sorri e me despedi da minha mãe.

Agora era eu e o meu apartamento. Pedi uma pizza e fiquei a ver uma série enquanto esperava.
Tocaram á campainha e fui abrir.

-Boa noite!

-Boa noite!- respondi.

-Larissa?- peguei e assenti. Paguei e quando ia fechar a porta a menina me impediu.

-Es a Kim Lari certo?

-Sim, exatamente.

-Andamos juntas na primária!- ela disse

-Ai sim? Desculpa mas eu não me lembro. Enfim com licença.

-Foi bom reverte. - Achei estranho, nunca ninguém se preocupou comigo, nem nunca tive amigos quando era pequena. Agora porque estou em todo o lado vem atras de mim. Enfim, falsidade até doi.

Dormi tão bem naquela cama, naquele cheiro a novo. Eu nunca tinha mudado de casa, sempre vivi naquela casa desde pequena, por isso agora era uma maravilha.

*Quebra de tempo*

Era já outro dia, ontem fiquei o dia todo a maratonar séries, apenas sai para almoçar e jantar, a casa dos meus pais.

Hoje ia para a empresa, eu até gostava de ir, sentia-me adulta. Vesti uma saia e um top, porque hoje estava calor e desci sem tomar o pequeno almoço, hoje á hora do almoço ia as compras, ainda não tinha nada em casa. Taylor já me esperava no meu carro.

-Como esta a ser na casa nova?- foi a primejra pergunta que ele me fez.

-Maravilhoso, acho que vai demorar um pouco a me habituar mas, estou sem dúvida a adorar.

-Ainda bem!

A manha foi corrida, depois á hora do almoço depois de almoçar com Taylor, fomos ambos ás compras. Ele me ajudou imenso e brincava imenso comigo.

*Quebra de tempo*

-Lari, querida como estás? - perguntou a mãe de Tae. Enquanto eu me dirigia ao escritório, depois logo Tae apareceu.

-Bem obrigada!

-Olá Lari!

-Hey TaeTae- sorri fraco.

-Como correu a viagem? - ele insistiu na conversa.

-Bem obrigada, eu tenho que ir trabalhar... Falamos depois está bem Tae?- ele assentiu e eu sinceramente já estava farta disto tudo, só o queria ao meu lado, como de antes. Não valia apena continuar a adiar o inevitável. 
Fiquei até tarde no trabalho a ler uma proposta e fechei a empresa, pela primeira vez. Taylor me deixou em casa por volta das oito da noite e seguiu caminho.


Notas Finais


Último antes do desespero e do surto 🤷‍♀️🤷‍♀️🤷‍♀️

Beijinhoos >>>>


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...