História O misterioso caso do desaparecimento do Lucas Feuerschütte - Capítulo 12


Escrita por: ~

Visualizações 42
Palavras 460
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Ação, Aventura, Crossover, Famí­lia, Hentai, Policial, Romance e Novela, Survival, Suspense, Violência, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Cross-dresser, Drogas, Estupro, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Sexo, Suicídio, Tortura, Violência
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


O unicórnio da fic é igual ao da foto

Capítulo 12 - Unicórnios existem.


Fanfic / Fanfiction O misterioso caso do desaparecimento do Lucas Feuerschütte - Capítulo 12 - Unicórnios existem.

T3ddy: Esse nome está bom.
Luba: Sério? Pensei que você tinha odiado.
T3ddy: Não é o melhor nome do mundo, mas estou relevando.
Luba: Xiu - ele fala pra mim enquanto olhava todos os cantos.

Um barulho de patas de cavalo batiam sobre o chão. Tinha alguém por perto? Lucas e eu decidimos então nos esconder atrás de uma árvore.
Um cavaolo marrom chegou naquele ponto em que eu e Lucas estavamos e começou a olhar pra todos os lados, parecia assustado, mas o que estranhei foi porque não tinha uma pessoa com ele?
Então o cavalo foi até o rio e bebeu água, ele estava muito magro, Lucas me deu a criança e saiu de trás da árvore se aproximando do cavalo.

Luba: Oi? - ele fala bem baixinho pro cavalo, que se afasta quando vê Lucas - Hey, eu não vou te machucar - Lucas estende a mão pra passar no cavalo, o cavalo parecia bem assustado, porém mais calma, parecia que o cavalo confiava no Lucas, então ele foi pra perto dele, Lucas passou a mão no cavalo fazendo carinho - bom garoto - ele fala sorrindo - precisamos dar alguma coisa pra ele comer.
T3ddy: Cavalos comem grama.
Luba: Sim, sei disso, mas nem sempre o alimenta, vamos tentar achar uma maçã.

Então fomos atrás de uma maçã. Até que o cavalo para no meio da estrada.

T3ddy: Hey, o que está havendo?
Luba: Não sei...

Logo aparece uma luz iluminando o cavalo.

Voz estranha: Vocês entraram na minha floresta, preciasava ver se vocês eram do bem ou do mau, então - a luz desaparece e mostra um lindo unicornio de que voava sobre um tipo de tapete grosso branco - eu me fingi de cavalo, se você tratassem bem o cavalo, significaria que vocês são boas pessoas.

Olho pro lado e vejo Luba todo feliz com a aparência do cavalo, parecia que ele amava unicornios.

Luba: Aaaaaaaa - Lucas grita - EU NÃO ACREDITO QUE UNICÓRNIOS EXISTEM, ISSO SÓ PODE SER UM SONHO.

T3ddy: Calma Luba.
Uni: Venham, vou levar você pra um lugar mais seguro.

Seguimos o unicórnio falante, até um lugar mega bonito, era incrível, tinha vários unicórnio, todos de cores diferentes.
Tinha rosa, preto, branco, azul claro, era tudo tão perfeito.
Logo a frente havia uma casa gigante, parecia que um milhão de pessoas moravam lá dentro.

Luba: Por que essa casa é tão grande.
Uni: Mora várias pessoas ai, pessoas que não aguentavam mais essa vida na cidade.
Luba: Uau, eu amei. T3ddy, vamos ficar aqui?
T3ddy: Ah, claro. - falo facinado pela beleza do local.

O que devo fazer?

A-) Entrar na casa com o Lucas
B-) Ficar no lugar admirando.
C-) Andar por tudo que é espaço naquele lugar.



Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...