História O namorado do meu irmão - Capítulo 2


Escrita por:

Postado
Categorias Bangtan Boys (BTS)
Personagens Jeon Jeongguk (Jungkook), Kim Taehyung (V), Personagens Originais
Tags Bts, Incesto, Irmãos, Jungkook, Melhores Amigos, Sexo, Tae, Yaoi
Visualizações 67
Palavras 2.132
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Crossover, Hentai, Lemon, Romance e Novela, Yaoi (Gay)
Avisos: Álcool, Bissexualidade, Homossexualidade, Incesto, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Nudez, Sexo
Aviso legal
Os personagens encontrados nesta história são apenas alusões a pessoas reais e nenhuma das situações e personalidades aqui encontradas refletem a realidade, tratando-se esta obra, de uma ficção. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos, feita apenas de fã para fã sem o objetivo de denegrir ou violar as imagens dos artistas.

Notas do Autor


Hello terráqueos, turubom?
Não demorar muito aqui não.
Favorite, comente e coloque na sua biblioteca.
Boa leitura.
Kisses.

Capítulo 2 - Melhor agora?


Kim Kirai. Pov's

" Provoca quem sabe, resiste quem consegue "-Desconhecido

Sala de estar, casa de Kim Taehyung e Jeon Jungkook.

Me arrumo em meu lugar, sentindo a caipirinha descer queimando pela minha garganta, uma ótima sensação.

- Todos nós temos que tomar uma dose, antes de começar o jogo, é uma das regras. Eu já tomei uma, mas vou tomar outra.- disse, já pegando outro shot.

Eles assentiram rapidamente, pegando os copos e enchendo da bebida. Brindamos e bebemos, de uma vez.

- Antes de começar o jogo, vocês poderiam me dizer qual de vocês é o ativo? - Taehyung franziu o cenho, não entendendo o porque da pergunta. Mas antes que pudesse perguntar o porque, Jungkook já fez essa pergunta.

-Podemos sim. Mas porque a pergunta? -

- Vocês vão entender, quando começar o jogo. Mas vocês ainda não responderam, qual de vocês é o ativo?- Perguntei normalmente, por fora eu pareço extremamente normal mas por dentro estava quase explodindo de curiosidade.

- Nós dois somos os ativos.- Respondeu Taehyung, enquanto seu olhar estava preso no decote da minha camisa, frente única.

Sorri satisfeita, agora sim, a brincadeira vai começar. Interessante esse seu olhar, senhor Taehyung.

- Eu começo- Falou Jungkook, sorrindo animado.- Eu nunca tranzei, enquanto estava na casa de algum parente.- Olhou para mim, sorrindo debochado. Arqueei uma sombrancelha.

- Já vai começar assim? OK, então.

Bebi de uma vez, sempre fui forte para bebidas. Franzi o cenho quando Tae também bebeu, dei de ombros, não me importando.

- Minha vez! Eu nunca fui a ativa, até porque eu não tenho um pau.- Ri maldosa, se ele acha que sabe jogar, eu vou mostralo que também sei, talvez até mais que ele. Recebi um simples rolar de olhos.

Os dois beberam, sobre reclamações de que não era justo.

- Agora sou eu!- Exclamou Tae- Eu nunca fiquei com mais de uma pessoa, por vez.

Dessa vez, fui a única a beber. Nos olhamos e começamos a rir, aparentemente sem nenhum motivo, acho que a bebida está fazendo efeito.

E assim foi o jogo, a maioria das coisas foi sobre sexo.

Depois de nós três estarmos quase bêbados, decedimos parar.

- Eu vou ao banheiro, já volto.- Falei, meio lenta, me levantando e indo em direção ao banheiro.

Abri a porta do banheiro e me olhei no espelho, balancei minha cabeça e joguei um pouco de água em meu rosto, para me deixar um pouco mais sóbria. Fiquei um tempo me encarando no espelho e depois sai.

Eu achava que tinha ficado pouco tempo no banheiro, mas vejo que estou errada, quando vejo o meu querido melhor amigo, o namorado do meu irmão, no colo do ultimo citado, rebolando sensualmente, enquanto morde os lábios. Estava imersa em pensamentos pervertidos, e só voltei a realidade com um gemido rouco de Tae.

E foi como um baque para mim, me peguei lembrando da vez que os vi tranzando. Uma visão dos deuses, devo dizer. Minha intimidade pulsou só de lembrar.

Agora eu estava decidida, eu ia telos dentro de mim. Mas antes eu irei provocalos, até o ponto em que não aguentem mais de tesão, e que, de preferência, descontem tudo isso me fodendo o mais praseroso possível.

Como eles ainda não tinham me visto, aproveitei essa oportunidade para tirar a minha roupa, sobrando somente as minha langerie.

Fui andando até os dois, que ao me verem morderam seus deliciosos lábios. Soltei uma risada convencida.

Me sentei no sofá, de frente para eles, e abri as minhas pernas. Exibindo a minha intimidade, que estava mais do que encharcada.

Passei as mãos pelo meu corpo, tendo o prazer de ver o meu irmão fodendo com muito mais força o meu melhor amigo.

Adentrei a minha mão dentro de meu sutiã, acariciando os bicos dos meus seios, devagar. Para no final puxar o bico entre os dedos.

Coloquei minha mão para traz, abrindo o feixe da peça. A soltando do meu corpo, exibindo os meus seios nús, e durinhos, em suas direção. Apalpei eles com vontade, gemendo manhosa, os provocando. E a resposta de minha provocação foi um suspiro pesado deles, e velos ficarem mais excitados.

Afastei a calcinha para o lado, mostrando a minha intimidade encharcada. Presionei os dedos em meu clitóris, gemendo arrastado, rodiei os dedos em volta dos meus grandes lábios, fazendo um suspiro pesado sair de meus lábios. Esses que estavam sendo castigados, com mordidas minhas.

Expulsei de vez a calcinha de meu corpo, me masturbando lentamente, fechei os meus olhos, para aproveitar mais desse prazer.

Com a mão livre eu acariciei os meus seios, me proporcionando um enorme prazer.

Os seus suspiros ficaram mais pesados, e os gemidos mais constantes e altos, me avisando que eles iriam gozar.

Ahh, eu não podia perder essa cena, abri os meus olhos, vendo o "gran finale" dessa foda.

Eles soltaram um gemido gutural, seguido de suas porras invadindo o meu campo de visão, a de Jungkook na barriga e pernas de meu irmão, e a de Taehuyung, escorrendo pela entrada do meu melhor amigo.

Fechei novamente os meus olhos, me masturbando mais rápido, pressionei os dedos em meu clitóris, gemendo baixo. Derrepente senti presenças atraz de mim. Sorri de canto. Isso está ficando cada vez melhor.

Me surpreendendo, sinto ser levantada para o colo de um dos dois. Abro meus olhos e visualizo Jungkook, um dos meus maiores desejos. Enrolo a minha perna em sua cintura, sentindo ele dar beijos molhados e chupões em meu pescoço. Que com certeza ficaram marcas depois.

Esfregou a sua ereção em minha intimidade, me provocando. Era visível para qualquer um os espasmos em meu corpo.

Até que, me pegando totalmente desprevenida, ele me penetra até o final em minha intimidade, sorriu sacana, me estocando uma vez e parando, seu pau entrou com muita facilidade,tamanha lubrificação de nossos corpos, eu estava a ponto de explodir, chegava a ser incomodo estar excitada a tanto tempo.

Começou a me estocar bem forte e fundo, e quando via que eu ia gemer mais alto, ele parava e alisava a minha buceta, que estava praticamente pingando de excitação.

Estava me perguntando o porque do Tae não estar fazendo nada, até que sinto suas mãos em minha cintura, um toque até delicado, se considerar a selvageria do momento.

- Ahh, Kiara, você vai me pagar. Por todas as vezes em que eu fui obrigado a te ver com aquelas roupas minúsculas, passeando pela minha casa, e me deixar de pau duro, sem poder fazer nada- abriu me, com suas mãos, seus dedos esguios estavam fazendo um ótimo trabalho massageando os meus grandes lábios.- Eu e o Kookie, vamos fazer um ótimo trabalho, te quebrando ao meio. Eu vou te foder até você não aguentar mais.

Eu até soltaria uma risada convencida, seguido de uma provocação, ação está que não pode ser completada pois senti ele me preenchendo a minha boceta, já preenchida pelo seu namorado. Eu estava os sentindo tão fundo. Senti um pouco de dor, por estar fazendo com os dois ao mesmo tempo, mas nada supera o prazer que é telos me preenchendo.

Tae soltou um rosnado tão sensual que eu poderia jurar que gozaria só com isso, quanto a o Jeon, ele soltou um gemido rouco, que arrepiou todo o meu corpo. Arqueei o meu corpo

-Porra, Ahh- Gemi alto, ainda com as costas arqueadas.

- Vamos logo com isso.- Rosnou Jungkook.

Então começou, os dois estavam me fodendo ao mesmo tempo, me quebrando ao meio. Arranhei os braços de Tae, uma forma de descontar o prazer que estava sentindo. As estocadas brutas eram certeiras, até que soltei um gemido ainda mais alto do que os anteriores. Eles acharam o meu ponto G.

Porra, nem um dos outros homens com quem eu fiquei conseguiram o achar na primeira vez, ainda mais, tão rápido.

Meus amantes sorriram, e ouvi Tae dar um risada rouca perto do meu ouvido, me deixando ainda mais louca do que já estava. Me estocaram só nesse lugar, me ocasionando os meus mais altos gemidos. Puxei Jungkook pelo pescoço, juntando seus lábios aos meus, num beijo desengonçado pela posição em que estamos e também porque eles ainda estão me fodendo rápido e forte. Seu beijo era bruto, assim como as suas estocadas. Nossas línguas se esbarram fora de nosso ósculo.

Desgrudei as nossas bocas só para poder gemer.

Entra, e sai, entra e sai

-Tae.... Jeon.. M-mais rápido. Eu Ahhh- não consigui terminar a minha frase, porque um gemido alto saiu, rasgando a minha garganta.

Em um ritmo alto e constante, sentia-os pulsar dentro de mim, uma reação de seus corpos que me faria gozar só com isso. Estávamos perto. Sinti isso quando as suas estocadas ficaram mais brutas e rápidas, e seus gemidos ainda mais altos. E, quando eu pensei que não podia melhorar, Jungkook colocou a mão na minha intimidade, que estava inchada de tanto tesão, e começou a estimular o meu grelinho inchado. Isso era muita covardia, assim não daria para controlar os meus gemidos, por mais que essa tarefa esteja sendo falha, mas não vou negar que é maravilhoso.

Entra, e sai, entra e sai

Um ritmo constante e enlouquecedor, sentia o nó em meu baixo ventre crescendo. Minha buceta se contraiu sob os dos membros que estavam me fodendo tão bem.

Ela se contraiu tanto, que acabou "expulsando" o membro do Tae de meu interior, mas ele voltou com ainda mais força do que antes. Me fazendo quase gritar. Eu gemi tão alto que o Jeon, teve que colocar a sua mão sobre a minha boca. Senti a boca de Tae em meu ouvido.

- Nós adoraríamos ver você gritar os nossos nomes, acredite. Mas nós temos vizinhos. E eu acho que você não gostaria de que eles coneçacem a bater nas paredes, falando para você gemer mais baixo.- falou rude e rouco. Revirei os meus olhos.

- E quem disse que eu ligo para eles?- Sussurei, com a voz rouca, de tanto gemer. Ouvi eles darem uma risada, como se estivessem satisfeitos com a minha resposta.

- Já que é assim.- Jeon me estocou com ainda mais força.- Eu vou te foder fundo e forte, e você não vai poder segurar os seus gemidos, eu quero ouvilos.- Sorriu sacana, mais uma vez naquele dia. Assenti diversas vezes. Eu estou louca para gozar.

Me foderam ainda mais forte do que antes, e agora seus gemidos eram mais altos. E eu pude finalmente gozar. Gemendo os seus nomes o mais alto possível, em seguida ouvi os seus gemidos e senti as suas porras me preenchendo, se misturando com a minha.

Rebolaram ainda dentro de mim, prolongando os nossos prazeres e saíram de meu interior. Tae soltou a minha cintura e se jogou no sofá, exausto. Jungkook me carregou, ainda em seu colo, para o sofá e se jogou lá, com a cabeça na barriga do seu namorado e comigo em seu colo.

Nossas respirações estavam ofegantes, sentia que amanha de manhã eu sentiria um pequeno incômodo em minha intimidade, mas nada que um remédio para dor não resolva.

- Isso foi... Uau- Tae começou a falar, mas não conseguiu achar palavras para descrever o que estava sentindo.

Eu e Jungkook demos risadas, estávamos na mesma situação.

- Ahh, Kiara, isso é injusto!- exclamou, franzi o cenho não entendendo o que era injusto. - Você beijou o Kookie, mas eu não.- RI de sua cara de indignação e sai do colo do Jeon, com um pouco de dificuldade, me estiquei até que estivesse perto da boca de  Tae, o dando um beijo, com direito a puxadas no lábio inferior de meu irmão e uma chupada em sua língua. Enquanto eu estava beijando meu irmão, senti uma boca na minha intimidade, olhei para baixo, constatando que foi o Jungkook. Ele sorriu malicioso, me chupando com maestria, arqueei o meu corpo. Penetrou a sua língua em minha entrada, que já estava novamente enxarcada. Um gemido alto saiu dos meus lábios. Fodeu a sua língua em minha entrada como se fosse o seu membro, o que me fez gemer ainda mais alto.

- Da pra você parar?- Perguntei ofegante. Ele sorriu, se divertindo com o meu prazer.

Subiu os beijos para o meu clitóris, e então, dando uma chupada em meu clitóris, ele me respondeu.

- Não.- e voltou a me chupar. Gemi alto, quando ele prendeu o meu clitóris entre os dentes, me causando um absurdo prazer.

Assoprou a minha vagina, me causando um tremor. Passou a sua lingua novamente perro de minha entrada, a circulando, para depois me chupar. Enfiou a sua língua até o final. E continuou com isso até eu soltar um gemido ainda mais alto do que os anteriores e gozar em sua boca. Chupou toda a minha satisfação, se deliciando com ela.

-Melhor agora?- perguntou. O respondi com um aceno. Beijei novamente o Tae e mordi o seu lábio inferior, o soltando devagar.

- Vocês não sabem o quanto é excitante ver vocês se beijando.- Falou Jungkook, apertando o seu membro, enquanto nos encarava com um sorriso sedutor em seu rosto. Soltei um riso.

- Não sei mesmo, você quer me mostrar?- perguntei manhosa.

- Com todo o prazer.









- Ohhh


Notas Finais


Hello terráqueos. Quanto tempo não é mesmo?
Me desculpem, de verdade. Eu estava tão ocupada com a escola que acabei esquecendo um pouco daqui. Também passei por um bloqueio fudido, mas já estou conseguindo escrever um pouco.

Confesso que é um pouco estranho não falar para nos vermos no próximo capítulo, mas vida que segue.

Queria agradecer a @samipvg ,que mesmo nunca tendo falado com ela, me inspirou a começar a escrever, sou muito sua fã, viu.
Provavelmente ela nem vai ver isso aqui, mas vida que segue.

Gente, eu dei o meu melhor, mas vocês devem lembrar que eu sou iniciante, esse é o terceiro hot que eu fiz na minha vida inteira.
Favorite, comente e coloque na sua biblioteca. Isso me ajuda muito. Críticas construtivas são bem vindas.
Me desculpem qualquer erro, eu ainda vou revisar.

Outras obras minhas:

https://www.spiritfanfiction.com/historia/seducao-imagine-jimin-e-taehyung-13382784

https://www.spiritfanfiction.com/historia/por-que-voce-faz-isso-parecer-normal-13545155



Até a próxima.
Beijos de luz
Kisses tchi auuuu.💜💜💜


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...