História O Namorado Perfeito - Capítulo 98


Escrita por:

Postado
Categorias Skins
Personagens Anthony "Tony" Stonem, Cassandra "Cassie" Ainsworth, Christopher "Chris" Miles, Elizabeth "Effy" Stonem, Personagens Originais
Tags Amor, Namorado, Romance
Visualizações 15
Palavras 465
Terminada Sim
NÃO RECOMENDADO PARA MENORES DE 18 ANOS
Gêneros: Comédia, Drama (Tragédia), Hentai, Romance e Novela, Shoujo (Romântico), Suspense
Avisos: Adultério, Álcool, Bissexualidade, Drogas, Heterossexualidade, Homossexualidade, Insinuação de sexo, Linguagem Imprópria, Mutilação, Nudez, Sexo, Violência
Aviso legal
Alguns dos personagens encontrados nesta história e/ou universo não me pertencem, mas são de propriedade intelectual de seus respectivos autores. Os eventuais personagens originais desta história são de minha propriedade intelectual. História sem fins lucrativos criada de fã e para fã sem comprometer a obra original.

Notas do Autor


Para não ser uma dessas escritoras broxantes(sem querer magoar ninguém pelo amor de Deus. Levem na zoeira) kkkk, que envia um capítulo aviso eu vou falar aqui mesmo.
Vocês perceberam que os capítulos estão menores :) Estou dividindo, achei que ficaria melhor dessa forma, pra mim é mais fácil e pra vocês terem a sensação de que a fic vai durar mais. É isso beijinhos😙❤ Boa leitura.

Capítulo 98 - Tudo que fazemos é pensar sobre sentimentos que escondemos


Fanfic / Fanfiction O Namorado Perfeito - Capítulo 98 - Tudo que fazemos é pensar sobre sentimentos que escondemos

Cheguei em um bairro que conheço, mesmo assim eu sabia que estava longe de casa. Decidi que iria para o meu ap. Não queria ver Ramon por questão de orgulho, e também seria péssimo para as crianças me verem assim. Andei por muito tempo até chegar no meu apartamento. Abri a porta e tirei a roupa, ficando apenas com peças íntimas; fui ao banheiro, lavei o rosto e no espelho consegui ver nitidamente todas as marcas deixadas. As lágrimas começaram a cair automaticamente. Eu me escorei na pia; ver minha tristeza refletida no espelho me deixava ainda mais comovida. Vozes diziam para eue matar mas eu repeti para mim mesma: "Suicídio não é a solução".  Segurei o choro , lavei novamente meu rosto e joguei-me na cama. Acabei por dormir.

Acordei às 00:22 com um pesadelo terrível 

*Ramon*

Mathilda: Papai...Não está tarde?

Eu: Está sim. Porque?

Mathilda: Porque a mamãe foi passear e ainda não voltou depois que vocês brigaram...Ela ta bem?

Eu: Deve estar...Concerteza! Não se preucupem

Forcei um sorriso e me mostrei alegre mas a preocupação das crianças só me deixava mais frustrado e preocupado.

Ligação de S/n

*Ligação ON*

Eu: S/n?

Ela: Oi...Ela só liguei pra lembrar-te de colocar as crianças pra dormir, já está tarde

Eu: S/n...Onde você tá?...... Me desculpe...Você tá bem?

Ela: Não se preucupe

Eu: Onde você está?

Ela: Na rua

Eu: Na rua...

Ela: Tchau

*Ligação OFF*

*S/n*

Eu não menti. Eu realmente estava na rua, algumas pessoas me olhavam, por ei estar segurando uma garrafa de bebida, destruída e principalmente chorando.  Meus passos eram lentos, contudo eu demorei mais do que o normal para chegar. Bati na porta e Ramon abriu, pegou a garrafa que estava em minhas mãos  e colocou-a na mesinha do lado da porta, me abraçou forte, eu entrei e fui até o quarto dos pequenos que estavam dormindo, dei um beijo em cada mas Sid abriu os olhinhos

Sid: Mamãe,eu te amo

e abraçou meu pescoço com seus bracinhos

Eu: Eu também te amo muito Sid...Amo muito vocês dois desde quando soube que iria ter vocês...

Sid: Não fuja mais ok?!

Fiquei fazendo carinho no cabelo dele

Essas palavras me trouxeram uma explosão de sentimentos, eu tinha que encontrar motivação para sair disso. Se não por mim, por Ramon, Sid e meus filhos 

Ramon apareceu na porta do quarto e sorri de leve para mim. Saí do do quarto e fui para o meu com Ramon. Era por volta de 02:00 da manhã.  Eu tirei o moletom que estava usando

Ramon: Desculpa...

Eu: Não foi culpa sua

Ramon: Foi sim. Eu que te dei motivo para ir

Eu: Eu só quero dormir ok?!

Ramon: Tudo bem. Boa noite

Fiquei de conxinha para dormir

*Ramon*

Minha preocupação era como ela iria esconder aqueles hematomas das crianças que provavelmente desconfiam de algo; será um verdadeiro desafio. Não dormi até pensar no que poderia ser feito, hoje o dia foi cheio, amanhã perguntarei pra ela o que aconteceu.


Notas Finais


beijos de luz🌙


Gostou da Fanfic? Compartilhe!

Gostou? Deixe seu Comentário!

Muitos usuários deixam de postar por falta de comentários, estimule o trabalho deles, deixando um comentário.

Para comentar e incentivar o autor, Cadastre-se ou Acesse sua Conta.


Carregando...